Curitiba terá vacinação contra covid-19 neste sábado

Neste sábado (27/11) a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) abrirá 30 locais de vacinação contra a covid-19 para atender convocados para a segunda dose. Cerca de 37 mil pessoas tem agendamento para esta data.

Também haverá oferta de repescagem para primeira e segunda dose e para reforço. Moradores de Curitiba com 12 anos ou mais que ainda não se vacinaram poderão buscar os pontos neste grande mutirão de atualização vacinal.

O atendimento será feito das 8h às 17h (lista abaixo).

“Muitas pessoas têm dificuldade de buscar a vacina durante a semana, então estamos oportunizando mais um sábado para regularização da situação vacinal contra a covid-19. Precisamos que todos estejam vacinados para garantir maior proteção para nossa cidade”, explicou a secretária municipal da Saúde, Márcia Huçulak.

 

O que fazer para receber a primeira dose

Para agilizar o processo de vacinação, a SMS orienta fazer o cadastro prévio na plataforma Saúde Já pelo site www.saudeja.curitiba.pr.gov.br ou pelo aplicativo do celular.

Levar o termo de consentimento preenchido é outro passo para dar maior agilidade à vacinação. O documento está disponível para impressão no site Imuniza Já. Adolescentes deverão comparecer a um dos pontos acompanhado dos pais e/ou responsáveis pela assinatura do termo de consentimento.

Também é preciso apresentar um documento de identificação com foto e CPF. Adolescente que não possui documento com foto pode levar a certidão de nascimento, que deve ser apresentada com um documento com foto do responsável.

Além disso, para a primeira dose é preciso apresentar comprovante de residência com endereço de Curitiba.

Para os casos de locações não formalizadas por imobiliárias, deverá ser apresentado o comprovante do endereço da residência com uma declaração do proprietário do imóvel, com responsabilização legal pela locação e pela informação.

O que fazer para receber a segunda dose ou o reforço

Para receber a segunda dose ou o reforço da vacina, basta procurar um dos pontos de vacinação, levar um documento de identificação com foto e CPF.

Quem pode receber vacina anticovid neste sábado

Primeira dose
– Primeira dose para pessoas com 12 anos completos ou mais;
– Primeira dose  para adolescentes com até 12 anos completos com comorbidades;
– Primeira dose para gestantes e puérperas (mães que tiveram bebê até 45 dias) com 12 anos completos ou mais.

Segunda dose
– Segunda dose agendada;
– Repescagem de segunda dose de pessoas anteriormente convocadas;

Dose de reforço
– Repescagem de dose de reforço de pessoas anteriormente convocadas.

Locais de vacinação

Das 8h às 17h

1 – US Ouvidor Pardinho
Rua 24 de Maio, 807 – Praça Ouvidor Pardinho

2 – US Parigot de Souza
Rua João Eloy de Souza, 111 – Sítio Cercado

3 – Salvador Allende 
Rua Celeste Tortato Gabardo, 1712 – Sitio Cercado

4 – Nossa Senhora Aparecida
Rua Carlos Amoretty Osório, 169 – Sítio Cercado

5 – US Bairro Alto
Rua Jornalista Alceu Chichorro, 314 – Bairro Alto

6 – US Vila Diana
Rua René Descartes, 537 – Abranches

7 – US Tingui
Rua Nicolau Salomão, 671 – Tingui

8 – Fernando Noronha
Rua João Mequetti, 389 – Santa Cândida

9 – US Visitação
Rua Dr. Bley Zornig, 3136 – Boqueirão

10 – US Jardim Paranaense
Rua Pedro Nabosne 57 – Alto Boqueirão

11 – Menonitas
Rua Domicio da Costa, 52 – Xaxim 

12 – US Camargo
Rua Pedro Violani, 364 – Cajuru

13 – US Uberaba 
Rua Cap. Leônidas Marques, 1392 – Uberaba

14 – US Salgado Filho
Avenida Senador Salgado Filho, 5265 –  Uberaba

15 – US Iracema
Rua Professor Nivaldo Braga, 1571 – Capão da Imbuia

16 – US Cândido Portinari
Rua Durval Leopolpo Landal, 1529 –  Cidade Industrial

17 – US Oswaldo Cruz
Rua Pedro Gusso, 3749 – Cidade Industrial

18 – US Atenas
Rua Emilia Erichsen, 45 – Cidade Industrial

19 – US Vila Feliz
Rua Pedro Gusso, 866 – Novo Mundo

20 – US Aurora
Rua Theofhilo Mansur, 500 – Novo Mundo

21 – US Sagrado Coração
Rua Antônio Claudino, 375 – Pinheirinho

22 – US Vila Guaíra
Rua São Paulo, 1.495 – Guaíra

23 – US Santa Quitéria 2
Rua Bocaíuva, 310 – Santa Quitéria

24 – US Parolin
Rua Sergipe, 59 – Vila Guaíra

25 – US Santa Amélia
Rua Berta Klemtz, 215 – Fazendinha

26 – US Pinheiros
Rua Joanna Emma Dalpozzo Zardo, 370 – Santa Felicidade

27 – US Orleans
Avenida Vereador Toaldo Tulio, 4.577 – Orleans

28 – US Campina do Siqueira
Rua General Mário Tourinho, 1684 – Campina do Siqueira

29 – US Vista Alegre
Rua Miguel de Lazari, 85 Pilarzinho

30 – Rua da Cidadania do Tatuquara
Rua Olivardo Konoroski Bueno, s/n

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Park Tupã anuncia nova temporada em Curitiba

O Park Tupã anunciou uma nova temporada de diversão em Curitiba, com início no dia 29 de janeiro às 14h.

Reprodução Facebook

O Tupã ficará instalado na Avenida Victor Ferreira do Amaral, no complexo esportivo do Pinheirão. Entre as atrações estão o Kamikaze, a Roda Gigante e a Zyklon que é a montanha russa.

Serviço

Endereço: Avenida Victor Ferreira do Amaral, no complexo esportivo do Pinheirão

Data de estreia:  dia 29 de janeiro, a partir das 14h

Museu Paranaense tem programação focada nas relações entre humanos e plantas

Entre os meses de janeiro a maio deste ano, o Museu Paranaense (MUPA) promove um extenso projeto experimental em formato de Programa Público. Com o título “Se enfiasse os pés na terra: relações entre humanos e plantas”, o projeto será composto por uma série de ações artísticas, educativas e culturais, visando convidar o público a pensar e se aproximar dos múltiplos vínculos possíveis entre seres humanos e seres vegetais.

Farão parte do Programa Público coletivos indígenas, artistas, pesquisadores das áreas da Botânica, Antropologia, Arqueologia, História, mestres e detentores de saberes e fazeres de populações tradicionais (quilombolas, faxinalenses e caiçaras), escritores, arquitetos, cozinheiros e produtores locais ligados à agroecologia.

Dentre as plantas que se destacam na programação figuram a mandioca, a caxeta, o tabaco, o pau-brasil, além das sementes crioulas quilombolas, ervas medicinais ligadas à cura ou também aos rituais de religiões de matriz africana.     

“Através da realização desta série de acontecimentos que compõem uma estrutura maior, o MUPA busca reafirmar a importância da cultura imaterial, dos saberes ancestrais de pessoas enraizadas em seus territórios, bem como da potência do museu enquanto espaço de relações”, afirma a diretora do Museu, Gabriela Bettega.

Por meio de mesas-redondas, conversas, atividades práticas e ações artísticas, o projeto tem como objetivo promover o encontro entre os sujeitos que carregam consigo uma relação estreita com as plantas – das mais diferentes formas – e o público do Museu Paranaense. As ações serão realizadas na Sala Lange de Morretes e no jardim do MUPA. Todas as atividades propostas serão ofertadas gratuitamente ao público.

SOBRE O FORMATO – Um Programa Público é uma forma de convidar o visitante a pensar sobre um assunto e se envolver com ele. Para isso, mais do que uma exposição ou um evento, a instituição planeja uma série de ações durante um período maior de tempo, para manter aquele tema em evidência.

A ideia é que o visitante possa experimentar, aprender, conhecer, ouvir e sentir de uma forma mais profunda aquilo que está sendo apresentado, debatido ou criado. E isso pode provocar um impacto intelectual, emocional e cultural transformador, não apenas em escala pessoal, mas na vibração cultural mais ampla.

Assim, o MUPA assume o compromisso de levar seu público por essa jornada de saberes ancestrais, científicos e artísticos que marcam o tecido dos vínculos entre seres humanos e seres vegetais.

INSCRIÇÕES – Para as mesas-redondas, palestras ou conversas, a distribuição dos ingressos será realizada 30 minutos antes da atividade, por ordem de chegada, até completar a capacidade do local. Programe-se e chegue com antecedência para garantir sua entrada.

Para atividades como oficinas e outras atividades práticas, os interessados deverão inscrever-se previamente através do site www.sympla.com.br/museuparanaense. Fique atento às redes sociais ou site do MUPA para ficar sabendo quando poderá inscrever-se.

AÇÃO EDUCATIVA – As ações educativas vinculadas ao Programa Público têm como intuito somar à experiência, às práticas e às vivências dos participantes nos encontros promovidos no espaço do Museu, explorando relações particulares de cada pessoa com as plantas. As oficinas destinadas aos visitantes espontâneos e agendados serão organizadas em diversas abordagens, pensadas para diferentes públicos e faixas etárias.

Algumas das atividades previstas incluem a observação de abelhas nativas do Paraná no jardim, a produção de exsicatas botânicas, ilustrações e bordados, explorando afinidades entre seres humanos e vegetais através de memórias sensoriais, sociais e afetivas trazidas pelos participantes.

Serviço

Programa Público “Se eu enfiasse os pés na terra: relação entre humanos e plantas”

Evento promovido pelo Museu Paranaense de janeiro até maio de 2022

A programação completa será divulgada sempre através das redes sociais e site www.museuparanaense.pr.gov.br 

Instagram: @museuparanaense ou Facebook: /Museu Paranaense

Todas as atividades serão gratuitas.

O Museu Paranaense fica na Rua Kellers, 289, São Francisco – Curitiba.