Nova York registra 1º infectado com variante brasileira da covid-19

ESTADÃO – O estado de Nova York, nos Estados Unidos, detectou o primeiro caso de paciente infectado com a variante P1 da covid-19, a nova cepa identificada inicialmente em território brasileiro. A informação foi divulgada neste sábado, 20, pelo governador Andrew Cuomo.

O caso foi identificado por cientistas do Hospital Mount Sinai, na cidade de Nova York, e verificado pelo Departamento de Saúde do Wadsworth Center Laboratories. O DOH está trabalhando com o Departamento de Saúde e Higiene Mental da cidade de Nova York para obter mais informações sobre o paciente e possíveis contatos.

Segundo comunicado, o infectado é uma pessoa de 90 anos, moradora do Brooklyn e que não possui histórico de viagens recentes. Ainda não se sabe como o paciente contraiu o vírus. “A detecção da variante brasileira aqui em Nova York ressalta ainda mais a importância de tomar todas as medidas adequadas para continuar a proteger sua saúde”, disse o governador.

De acordo com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA, 48 casos da variante brasileira estão em análise no país. O primeiro caso de contaminação pela variante P1 foi identificado em Minnesota, no dia 25 de janeiro.

A entrada de brasileiros nos Estados Unidos está proibida desde 29 de maio de 2020. A medida não se aplica, no entanto, a residentes do país, pessoas casadas com um cidadão americano e filhos ou irmãos de americanos menores de 21 anos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ministro da Saúde se descontrola e faz gestos obscenos a manifestantes em NY; vídeo

O dia do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em Nova York terminou com polêmicas. Na saída da comitiva presidencial de uma recepção na residência da missão brasileira junto à Organização das Nações Unidas (ONU), na noite desta segunda-feira (20), um grupo de manifestantes gritaram palavras de ordem contra o mandatário, enquanto cercavam o local.

Mais cedo, ao chegar para jantar, Bolsonaro fez um sinal de “menos” com as mãos para o grupo. Na saída, no entanto, alguns dos convidados do presidente responderam às provocações. Um vídeo publicado nas redes sociais registrou o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, mostrando o dedo do meio para os manifestantes.

Para ler a matéria completa clique aqui.

Vulcão capaz de gerar tsunami no Brasil entra em alerta amarelo de erupção

Autoridades espanholas elevaram para o nível amarelo o alerta de erupção do vulcão Cumbre Vieja, localizado na ilha de La Palma, na costa do continente africano. Segundo pesquisadores, o vulcão poderia provocar um tsunami que atingiria todas as Américas, com maior impacto sobre os litorais das regiões Norte e Nordeste do Brasil. As informações são do UOL.

O vulcão está adormecido há décadas e começou a dar sinais de atividade moderada nos últimos dias.

“Ele não estava dando sinais de erupção, mas agora ele chegou a um segundo nível. São quatro níveis de alerta. Ele pode vir a ter uma erupção, mas não significa que essa erupção vai gerar um tsunami, mas é uma possibilidade, mesmo que mínima”, explica o pesquisador do Instituto de Ciências do Mar da UFC (Universidade Federal do Ceará), Carlos Teixeira.

Para ler a matéria completa no Portal UOL clique aqui.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com