Governo do PR sanciona lei que penaliza atos homofóbicos e racistas nos estádios de futebol

A lei que penaliza torcedores e clubes de futebol cujas torcidas praticarem atos de homofobia e racismo em estádios no Paraná foi sancionada pelo governador Ratinho Junior. O projeto, de autoria do deputado Paulo Litro (PSDB), prevê punição para atos de intolerância racial, étnica, religiosa e de xenofobia.  Uma emenda do deputado Michele Caputo (PSDB) ampliou também a punição para homofobia. A conversão do projeto em lei foi lido nesta terça-feira, 18, na Assembleia Legislativa.

“Propus a emenda com o objetivo de tornar o projeto ainda mais rico e abrangente ao incluir também a punição por atos homofóbicos nos estádios de futebol. São práticas que, infelizmente, ainda acontecem, mas que a partir de agora serão punidas”, conta Caputo. A lei entrou em vigor na última sexta-feira (14), a partir da publicação em Diário Oficial.

Estão sujeitos a sanções os atos praticados dentro dos estádios e em um raio de até cinco quilômetros dos locais dos jogos. As punições incluem advertência, multas e impedimento de benefícios fiscais no âmbito estadual. Para clubes e dirigentes, os valores das multas podem chegar a R$ 112 mil. Para torcedores o valor chega a R$ 22,4 mil, além da proibição de frequentar jogos de um a quatro anos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

3 peças para motociclistas testadas durante o SuperBike

Tão importante quanto a pilotagem defensiva é a qualidade dos equipamentos e vestuários utilizados, que devem oferecer design anatômico, para oferecer boa adesão no corpo, e eficiência em proteção, para garantir segurança ao motociclista. Roupas e capacetes folgados podem até mesmo piorar as consequências de um acidente.

Pensando em oferecer o máximo de segurança para quem gosta de motos de alta cilindrada, a paranaense TEXX, marca da Laquila, empresa líder do mercado de motopeças na América Latina, apresenta sua linha completa para alta cilindrada, a TEXX PISTA, com macacões de uma e duas peças, botas e luvas, todos testados durante o Campeonato Brasileiro de Motovelocidade, o SuperBike, principal campeonato de motociclismo do país.

André Verissimo, campeão brasileiro da categoria Evolution 1000cc em 2020 e campeão paulista em 2021, foi um dos pilotos responsáveis pela testagem e sugestão de melhorias dos equipamentos. “Foi muito legal fazer parte desse projeto e poder ajudar a criar produtos que eu e minha equipe acreditássemos ser os melhores possíveis nos quesitos segurança e conforto”, conta. “Atualmente, com a linha pronta, coloco o macacão pela manhã e fico o dia inteiro com ele no corpo sem incomodar, cansar ou apertar. Ele é realmente confortável”, diz.

Conheça 3 peças da linha TEXX PISTA que foram testadas durante o SuperBike:

Macacão uma ou duas peças: Os macacões oferecem nível de segurança altíssimo, já que, além de possuir uma construção superior e matérias primas premium, também possui protetores internos de absorção de impacto com nivel de Certificação Europeia. Tudo isso dentro de um caimento slim e design moderno que traz os gráficos de mapas topográficos dos principais autódromos do mundo.

Bota: A bota conta com um sistema de articulação externa rígida, além de diversos protetores e placas de torção. Com fechamento duplo, possui zíper e velcro e também uma presilha que permite uma regulagem mais fina sem a necessidade de remover a bota para ajustar. Outros de seus recursos são slider raspador de alumínio removível na parte frontal e protetores na parte traseira e calcanhar, oferecendo conforto, segurança e um ótimo desempenho durante a pilotagem.

Luva: A luva dispõe de diversos protetores rígidos externos produzidos em liga polimérica de alta resistência a abrasão com inserções em fibra de carbono em diferentes pontos para aumentar o deslizamento sem ocasionar danos ao piloto. A luva também possui protetores de impacto internos em PU no dorso da mão e construção premium, feita em dupla camada e em couro bovino legítimo, que tem entre suas propriedades alto índice de resistência a abrasão e grande flexibilidade para movimentação.

A linha TEXX PISTA está disponível em centenas de lojas multimarcas espalhadas pelo Brasil. No site da TEXX é possível acessar todos os detalhes de diferenciais tecnológicos e as especificações técnicas dos itens: https://texx.com.br/.

Paranaense TEXX apresenta linha Pista testada durante o Campeonato Brasileiro de Motovelocidade

Referência na produção de vestuário e acessórios para motociclistas, a paranaense TEXX, marca da Laquila, empresa líder do mercado de motopeças na América Latina, apresenta sua linha completa para alta cilindrada, a TEXX PISTA. Desenvolvida para oferecer design anatômico, alta performance e muita eficiência em proteção, a linha conta com macacões de uma e duas peças, botas e luvas, todos testados durante o Campeonato Brasileiro de Motovelocidade, o SuberBike, principal campeonato de motociclismo do país.

André Verissimo, campeão brasileiro da categoria Evolution 1000cc em 2020 e campião paulista em 2021, foi um dos pilotos responsáveis pela testagem e sugestão de melhorias dos equipamentos. “Foi muito legal fazer parte desse projeto e poder ajudar a criar produtos que eu e minha equipe acreditássemos ser os melhores possíveis nos quesitos segurança e conforto”, conta. “Atualmente, com a linha pronta, coloco o macacão pela manhã e fico o dia inteiro com ele no corpo sem incomodar, cansar ou apertar. Ele é realmente confortável”, diz.

Todo o processo de criação da linha levou aproximadamente dezoite meses. Para começar, os pilotos foram convidados para conhecer a sede da Laquila, em Campina Grande do Sul (PR), e conferir os protótipos. “Vimos os primeiros modelos e já pudemos opinar na hora, então quando a primeira versão chegou faltavam poucos detalhes para alcançar o que acreditávamos ser o ideal”, aponta. Em seguida, os pilotos testaram os equipamentos direto nas pistas, em corridas teste e provas oficiais do SuperBike.

“A TEXX desenvolve equipamentos para motociclistas há aproximadamente 30 anos, e durante essa história salvamos muitas vidas dentro e fora das pistas. Nosso conhecimento sobre produtos nos auxilia muito durante o desenvolvimento, e não foi diferente na linha PISTA. Mas um dos pontos altos desse desenvolvimento foi, com certeza, a participação dos pilotos do SBK, eles nos auxiliaram com a experiência pratica que é valiosíssima, resultando em um trabalho único no Brasil”, destaca explica Renier Holtz, responsável pelo setor de Criação e Desenvolvimento de Produtos da Laquila.

Para garantir a mais alta confiabilidade dos equipamentos, a Laquila fez diversos testes de abrasão e impacto nas fábricas da marca antes dos produtos serem utilizados pela primeira vez pelos pilotos nas pistas, já os testes de uso foram o grande diferencial para fornecer conforto, mobilidade, flexibilidade e, principalmente, a segurança do equipamento. “O macacão PISTA oferece nível de segurança altíssimo, já que, além de possuir uma construção superior e matérias primas premium, também possui protetores internos de absorção de impacto com nivel de Certificação Europeia. Tudo isso dentro de um caimento slim e design moderno que traz os gráficos de mapas topográficos dos principais autódromos do mundo”, diz.

A bota TEXX PISTA conta com um sistema de articulação externa rígida, além de diversos protetores e placas de torção. Com fechamento duplo, possui zíper e velcro e também uma presilha que permite uma regulagem mais fina sem a necessidade de remover a bota para ajustar. Outros de seus recursos são slider raspador de alumínio removível na parte frontal e protetores na parte traseira e calcanhar, oferecendo conforto, segurança e um ótimo desempenho durante a pilotagem.

Já a luva PISTA dispõe de diversos protetores rígidos externos produzidos em liga polimérica de alta resistência a abrasão com inserções em fibra de carbono em diferentes pontos para aumentar o deslizamento sem ocasionar danos ao piloto. A luva também possui protetores de impacto internos em PU no dorso da mão e construção premium, feita em dupla camada e em couro bovino legítimo, que tem entre suas propriedades alto índice de resistência a abrasão e grande flexibilidade para movimentação. “É importande ressaltar que a luva PISTA possui finger union e duplo fechamento de velcro, que possibilita melhor pilotagem e segurança, além de acessibilidade para o celular com o dedo touche”, aponta.

Agora, mesmo com a linha pronta, a empresa aponta que o canal de comunicação com os pilotos continua. “Estamos sempre acompanhando as provas e melhorando continuamente os produtos. Nós entendemos que não estamos apenas desenvolvendo produtos, mas sim garantindo a segurança dos pilotos e ajudando-os para que sejam ainda mais vitoriosos nas corridas”, complementa Renier Holtz.

A linha TEXX PISTA está disponível em centenas de lojas multimarcas espalhadas pelo Brasil. No site da TEXX é possível acessar todos os detalhes de diferenciais tecnológicos e as especificações técnicas dos itens: https://texx.com.br/.