Em nota, Athletico critica Tiago Nunes após saída

Athletico se manifestou na noite desta terça-feira sobre a saída de Tiago Nunes. Em nota oficial, o clube confirmou que o treinador não vai continuar no comando técnico em 2020.

No texto publicado no site oficial e que não possui assinatura, o Furacão diz que fez “o maior esforço na história para a continuidade de um técnico no clube” e falou em decepção com o tratamento pelo Corinthians.

“Sempre tivemos muito bom diálogo com sua presidência. Entretanto, neste caso, o Athletico não recebeu nenhum telefonema ou posição das intenções daquele clube. O que prevaleceu foi a força imbatível dos números”, diz a nota.

No comunicado, o Athletico ainda fala em “memória curta” e encerra dizendo que “Tiago Nunes esqueceu muito rápido que poucos meses atrás treinava o time sub-19 do Furacão”.

Depois de uma reunião com a diretoria atleticana, na segunda-feira, Tiago Nunes aceitou a proposta do Corinthians. O treinador se reuniu com Petraglia, que ofereceu um contrato até 2021, maior do que o Timão, mas com um reajuste salarial dentro da realidade do clube, abaixo do oferecido pela equipe paulista.

Veja, abaixo, a nota na íntegra:

O Club Athletico Paranaense informa que o técnico Tiago Nunes não permanecerá como treinador do Furacão em 2020.

Após longas conversas e o maior esforço já feito na história por parte do Athletico para a continuidade de um técnico no Clube, as negociações foram encerradas no dia de hoje (5) e o profissional não faz mais parte da instituição.

O técnico também convidou vários profissionais permanentes da comissão técnica. Alguns já informaram o desligamento nesta manhã.

O Athletico possui um projeto vencedor e de longo prazo, prezando sempre pela boa gestão e administração de seu patrimônio. Foi com esse pensamento que o Clube conseguiu conquistar feitos grandiosos nos últimos anos.

E não iremos parar por aqui. A ambição está em nosso DNA e seguiremos em busca de voos ainda mais altos. Maior que o orgulho das glórias do passado é a nossa vontade em continuar cravando o nosso nome na história do futebol, pois nosso projeto não depende apenas de nomes, mas de um conjunto de ações e ideias de vencedor.

Nossa decepção maior foi da maneira que fomos tratados pelo Sport Club Corinthians Paulista. Sempre tivemos muito bom diálogo com sua presidência. Entretanto, neste caso, o Athletico não recebeu nenhum telefonema ou posição das intenções daquele clube. O que prevaleceu foi a força imbatível dos números.

A memória é curta no futebol. Tiago Nunes esqueceu muito rápido que poucos meses atrás treinava o time Sub-19 do Furacão.

Gratidão é a voz do coração.

Via: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Athletico e Coritiba iniciam tira-teima em finais pelo Paranaense

Athletico e Coritiba decidem o título do Campeonato Paranaense. Em 105 anos de competição, essa manchete se repete pela 19ª vez. Até hoje, são nove taças para cada lado. Só nesta década, é a sétima final Athle-Tiba. O primeiro duelo é neste domingo (2), às 16h (horário de Brasília), com mando athleticano, na Arena da Baixada, em Curitiba (PR). Na próxima quarta-feira (5), às 20h, o palco será o Couto Pereira, casa do Coxa.

Nos últimos anos, o Athletico vinha utilizando o time sub-23 no Estadual, priorizando outros torneios no primeiro semestre, como a Libertadores. Com a pandemia do novo coronavírus (covid-19), a necessidade de ritmo de jogo fez a equipe principal ser escalada para a reta final, embora já fosse um desejo do técnico Dorival Júnior.

A classificação do Furacão veio após o empate em 0 a 0 com o FC Cascavel, fora de casa, na última quarta (29). No jogo de ida, na Arena, o Athletico fez 5 a 1. “Mesmo tendo a necessidade de segurar alguns jogadores, os garotos que entraram deram uma resposta positiva e acho que é isso que nós queremos”, destacou Dorival, em entrevista após a partida em Cascavel (PR).

O volante Erik, que vinha atuando na lateral-direita, contundiu o ligamento colateral do joelho e está fora da final. O Furacão, porém, terá a volta do zagueiro Thiago Heleno, que cumpriu suspensão, e de atletas poupados na partida em Cascavel (PR), como os meias Léo Cittadini e Nikão.

Pelo lado do Coxa, o técnico Eduardo Barroca teve trabalho para montar o time que venceu o Cianorte por 2 a 0 e se classificou para a final – a equipe já tinha vencido fora de casa por 3 a 2. Diante do Athletico, o treinador poderá contar outra vez com o zagueiro Rhodolfo, o volante Nathan Silva, o meia Thiago Lopes e os atacantes Robson e Igor Jesus, que cumpriram suspensão.

Será o segundo duelo entre os rivais no Estadual. Na primeira fase, pela última rodada, o Coritiba atropelou – vitória por 4 a 0 –  o time sub-23 do Furacão, dirigido por Eduardo Barros. “É outro treinador, são outros jogadores, mas o que fica de referência é nossa atitude. Para enfrentar um adversário dessa qualidade, a gente vai precisar ter aquela atitude como referência, para mais”, avaliou Barroca, em entrevista depois da partida da última quarta.

Confira quais são os 9 primeiros jogos do Paraná Clube na Série B deste ano

A Confederação Brasileira de Futebol divulgou na última quarta-feira (22) a tabela das nove primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro da Série B.

A estreia do Tricolor da Vila Capanema será no dia 7 de agosto, sexta-feira, diante do Confiança-SE. O jogo está marcado para o Lourival Baptista, em Aracaju, às 20h30.

Confira a tabela:

07/08 (sex) – 20:30 – Confiança-SE x PRC

10/08 (seg) – 20:00 – PRC x Avaí-SC

14/08 (sex) – 21:30 – PRC x Juventude-RS

18/08 (ter) – 21:30 – Guarani-SP x PRC

23/08 (dom) – 11:00 – PRC x Operário-PR

29/08 (sab) – 16:30 – Vitória-BA x PRC

01/09 (ter) – 19:15 – PRC x Ponte Preta-SP

04/09 (sex) – 19:15 – Figueirense-SC x PRC

09/09 (qua) – 19:00 – PRC x América-MG

Com informações do Departamento de Comunicação do Paraná Clube