Curitibano termina torneio Esgrima entre os quatro melhores das Américas

O curitibano Athos Schwantes encerrou sua participação no Pré-Olímpico de Esgrima das Américas entre os quatro melhores espadistas. Com o resultado, não conseguiu a vaga para as Olimpíadas de Tóquio. O Pré-Olímpico foi disputado no fim de semana, na cidade de San José, na Costa Rica.

Na primeira fase da competição, com jogos classificatórios, Athos Schwantes, que é beneficiário do Programa Municipal de Incentivo ao Esporte da Prefeitura Curitiba, conseguiu quatro vitórias e duas derrotas jogando contra Hector Maisonet (Porto Rico), Saul Moris Villacorta Portillo (El Salvador), Pablo Nunez (Chile), Avinash Vishnu Somir (Guiana), John Edison Rodriguez (Colômbia) e Hector Cap (Guatemala). 

Com os resultados, Athos avançou diretamente para o quadro de oitavas, com jogos de eliminação direta, onde superou novamente Pablo Nunez, do Chile.

Nas semifinal, enfrentou Yunior Reytor Venet (Cuba), perdendo por 15 – 9 para o cubano e melhor ranqueado entre os espadistas participantes no Pré-Olímpico. Com o fim das disputas na espada, a vaga olímpica ficou com Marc-Antoine Blais-Belanger (Canadá).

O cubano Yunior Reytor Venet ficou na 2ª colocação e o curitibano Athos Schwantes dividiu a 3ª colocação com o colombiano John Edison Rodriguez.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Palmeiras derrota Grêmio e conquista o tetra na Copa do Brasil 2020

É tetra! O Palmeiras venceu em casa o Grêmio por 2 a 0 e conquistou a Copa do Brasil pela quarta vez em sua história. Wesley e Gabriel Menino fizeram os gols da final e garantiram a Tríplice Coroa do Verdão na temporada de 2020: campeão paulista, da Libertadores e da Copa do Brasil.

O Grêmio tentou surpreender o Palmeiras no início da partida no Allianz Parque. A equipe de Renato Gaúcho pressionou nos primeiros cinco minutos e perdeu duas grandes chances. Logo aos dois minutos, Pepê quase aproveitou cruzamento que veio da direita, mas não conseguiu finalizar com precisão. Três minutos depois foi a vez de Alisson arriscar chute da entrada da área, levando perigo ao goleiro Weverton.

O Palmeiras reagiu aos sete minutos. Matheus Henrique errou na saída de bola e Rony apareceu sozinho na cara do goleiro Paulo Victor. O atacante hesitou, e Paulo Miranda salvou o Grêmio. O Verdão passou a dominar a partida e chegou a abrir o placar, aos 18 minutos, com Raphael Veiga, mas o gol foi anulado por impedimento de Rony no início da jogada.

O Grêmio passou a ter muita dificuldade na transição da defesa para o ataque e o Palmeiras desperdiçou muitas chances. Raphael Veiga, Zé Rafael, Rony e Wesley chegaram com perigo, mas acabavam tomando as decisões erradas nas conclusões.

Os minutos iniciais da segunda etapa pareciam uma repetição do primeiro tempo. O Tricolor empurrou o Palmeiras para o campo de defesa e só não abriu o placar porque Weverton salvou o time em finalização de Pepê de dentro da área.

Assim como no princípio do jogo, o Palmeiras respondeu aos 7 minutos em contra-ataque, só que dessa vez com gol. Raphael Veiga recebeu bola no campo de defesa, driblou dois jogadores e passou para Wesley. O camisa 47 chutou forte, de perna esquerda, para abrir o placar. Paulo Victor chegou a tocar na bola, mas não foi suficiente para evitar o gol.

Três minutos depois, o Grêmio quase empatou. Diogo Barbosa avançou pela esquerda e cruzou. A bola desviou em Marcos Rocha e sobrou para Thaciano. O camisa 20 subiu sozinho, mas cabeceou muito mal, sem problemas para Weverton.

No restante do jogo, o Tricolor até tentou o ataque, mas esbarrou no bom sistema defensivo do Palmeiras. Aos 39 minutos, veio o gol que definiu o título. Rony puxou contra-ataque e tocou para William. Ele encontrou Gabriel Menino, que driblou Matheus Henrique e chutou cruzado, rasteiro, para fazer 2 a 0 em falha de Paulo Victor.


Mesmo rebaixado, Coritiba derrota Palmeiras

Mesmo já rebaixado para a Série B do Brasileiro, o Coritiba derrotou o Palmeiras, nesta quarta-feira (17) no estádio Couto Pereira, por 1 a 0 em partida atrasada da 35ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com este revés, o time paulista fica na 6ª posição, com 56 pontos. Já o Coxa alcançou aos 31 pontos, mas permanece na 19ª posição.

Após uma etapa inicial movimentada, inclusive com gol anulado de Gabriel Menino por impedimento de Esteves na jogada, o Coritiba conseguiu achar o gol da vitória aos 42 minutos do segundo tempo. O responsável foi o lateral Jonathan, que acertou um chute colocado da entrada da área.

O time paulista foi muito prejudicado por jogar com um jogador a menos desde os 17 minutos da etapa final, quando o zagueiro Kuscevic foi expulso após lance com o atacante Osman.

Próximos compromissos

O Palmeiras volta a campo na próxima sexta-feira (19), quando faz clássico com o São Paulo no estádio do Morumbi válido pela 34ª rodada da competição. Já o Coritiba volta a atuar no sábado (20), quando mede forças com o Ceará no estádio Couto Pereira pela 37ª rodada.

Veja a classificação da Série A do Brasileiro.