Wilson brilha, mas Coritiba perde para o Corinthians e segue na lanterna

O Coritiba viajou até São Paulo para enfrentar o Corinthians, na Arena. A equipe de Eduardo Barroca lutou, mas saiu derrotada mais uma vez.

A partida válida pela 4º rodada do Brasileirão começou com boas chances para os dois, exigindo dos goleiros. Porém, as coisas começaram a complicar para o Coxa quando Yan Sasse foi expulso aos 15′ da primeira etapa por agressão.

Para piorar, minutos depois o árbitro marcou pênalti para o timão – muito contestados pelos jogadores do Coritiba.

Jô bateu e Wilson defendeu – após sinalização do VAR, árbitro mandou repetir a cobrança pois o arqueiro alviverde teria se adiantado. O atacante corinthiano foi para a bola e Wilson brilhou novamente!

A partir daí, o jogo foi ataque contra defesa e em chute de longe Léo Natel abriu o placar.

O Coritiba conseguiu o empate 5 minutos depois com Sassá em cruzamento da esquerda.

No segundo tempo, os donos da casa começaram com tudo e logo aos 3′ minutos, Jô se redimiu dos pênaltis perdidos e colocou o Corinthians de novo a frente.

Já no final do jogo, Mosquito recebeu passe e selou a vitória dos corinthianos.

Com a derrota, a equipe do Coritiba segue na lanterna da competição sem nenhum ponto conquistado. O próximo compromisso da equipe é contra o Bragantigo-SP fora de casa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copa do Brasil volta nesta terça-feira com três jogos


A Copa do Brasil volta nesta terça-feira (25) com três confrontos válidos pelo jogo de volta da terceira fase. Afogados e Ponte Preta se enfrentam no Estádio Vianão, em Pernambuco, às 16h (horário de Brasília). América-MG e Ferroviária duelam no Independência, às 19h. Para fechar o dia, Fluminense e Figueirense medem forças no Maracanã, às 21h30.

Para a torcida do Figueirense, pode ser a revanche da final da Copa do Brasil de 2007, vencida pelo Tricolor Carioca, além da arrancada para uma nova fase em 2020. Já para o a o Fluminense, vale a afirmação do trabalho de Odair Hellmann, após bons resultados no Campeonato Brasileiro.

Com sete pontos conquistados e ocupando a sétima posição, o Fluminense vem bem no Brasileirão. Apesar da boa fase, o time precisa tirar a vantagem de 1 a 0 do Figueirense na Copa do Brasil. O zagueiro Luccas Claro encara o encontro como a partida do ano e explica qual será a estratégia para passar de fase.

“Sem dúvida é o jogo do ano, o mais importante. É eliminatório, já fomos desclassificados na Sul-Americana, então temos que fazer o nosso melhor para buscar a classificação. Jogando em casa, temos que impor o nosso ritmo, fazer o nosso jogo. Primeiramente, devemos entrar como qualquer outro jogo, buscando a vitória. Nós precisamos de um placar simples, de 1 a 0. É isso que temos que pensar, que nós temos que fazer um gol. Conquistando, a partir daí pensamos no segundo para levar a classificação direta. Porém, nós sabemos da dificuldade que vai ser o jogo. A equipe do Figueirense é qualificada, tanto que nos venceu no primeiro jogo. Temos que fazer o nosso futebol, buscar a vitória pensando primeiramente no primeiro gol para depois pensar no segundo”, disse o zagueiro.

Com a vantagem do empate, o Figueirense espera acabar de vez com a má fase. Depois de ter sido eliminado nas quartas de final do Campeonato Catarinense, a equipe vinha de duas derrotas e um empate na série B do Brasileirão. A vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo-SP, no último sábado (22), fora de casa, retomou a confiança para o confronto contra o Tricolor, como o próprio técnico Marcio Coelho afirma.

“Importantíssimo a gente interromper a sequência de mau resultados, então a vitória dá um respiro, ainda mais para um confronto duríssimo que a gente tem na Copa do Brasil, É outra situação, mas a gente sabe que a confiança já é retomada, então é muito bom a gente ir para esse jogo com uma vitória”.

Se o duelo entre Figueirense e Fluminense está completamente indefinido, o primeiro jogo do retorno da Copa do Brasil tem um favorito. A Ponte Preta pode perder por até dois gols de diferença contra a equipe de Afogados que garante vaga na próxima fase. No jogo de ida, a Macaca venceu por 3 a 0, garantindo a vantagem.

No segundo jogo desta terça (24) pela Copa do Brasil, entre América-MG e Ferroviária, a definição etá aberta: as equipes empataram em 0 a 0 no jogo de ida. Quem vencer, vai para a quarta fase. Qualquer empate leva a partida para os pênaltis. 

Confira AQUI a tabela completa de jogos e a classificação da Copa do Brasil

Coritiba anuncia a demissão do técnico Eduardo Barroca

O Coritiba anunciou a demissão do técnico Eduardo Barroca à frente da equipe. Além do treinador, o diretor de futebol Rodrigo Pastana também foi demitido.

Foto: (Gabriel Machado/Agif)

Barroca deixa o Coritiba após 11 vitórias, três empates e oito derrotas, deixando um saldo de 54% de aproveitamento.

Leia também: Wilson brilha, mas Coritiba perde para o Corinthians e segue na lanterna

O alviverde ocupa a lanterna da competição sem nenhum ponto conquistado. Nome do ex-treinador Jorginho é favorito a ocupar o cargo de novo treinador da equipe.

Na sua opinião, qual seria o melhor nome para assumir o cargo? Deixe seu comentário.