Vivo abre 400 novas vagas para Call Center em Curitiba e região metropolitana

As etapas do processo seletivo e a admissão serão 100% digitais, prática alinhada à necessidade de distanciamento social e de combate à pandemia

Curitiba, 16 de março de 2021 – A Vivo está em busca de profissionais para a área de relacionamento com o cliente. São 400 vagas para analista de relacionamento que irão trabalhar no Call Center próprio da empresa, em Curitiba (PR). Marca inclusiva, que vê a diversidade de pessoas, comportamentos e habilidades como um diferencial, a Vivo busca atrair candidatos com pluralidade de perfis, como gênero, LGBTI+, Raça, Pessoas com Deficiência e acima de 50 anos.

Para concorrer a uma das vagas, os interessados devem acessar a página https://talentosvivo-relacionamento.gupy.io/. O salário é compatível com o que é oferecido no mercado. Entre os benefícios, os selecionados terão vale refeição e transporte; plano de saúde e odontológico; seguro de vida; day off de aniversário; desconto especial em linha fixa, banda larga, TV por assinatura e apps.

Critérios de seleção

Os interessados precisam ter o ensino médio completo, domínio de informática e pacote office. Importante ter um perfil consultivo, analítico, com experiência em outros mercados, além de atributos como empatia, entusiasmo, energia, foco no cliente e estar conectado com o propósito da empresa de digitalizar para aproximar, com pensamento digital e inovador. Estar cursando ou ter completado o ensino superior é considerado um diferencial.

A empresa busca pessoas com habilidade para trabalhar em home office, uma vez que, após um período de adaptação e treinamentos presenciais, o candidato poderá trabalhar de casa. É preciso ter disponibilidade de horário para atuação em escalas de trabalho que contemplam finais de semana.

Processo seletivo e capacitação
As etapas do processo seletivo e a admissão serão 100% digitais, prática alinhada à necessidade de distanciamento social e de combate à pandemia. Os selecionados passarão por um programa de desenvolvimento, com trilha de aprendizagem focada em produtos, serviços e ferramentas. Além disso, a companhia promoverá uma capacitação técnica por meio de conteúdos comportamentais para aprimorar ainda mais as competências do colaborador, garantindo a melhor experiência aos clientes em cada relacionamento.

“Entender e aprimorar o relacionamento com nossos clientes faz parte do compromisso da Vivo e, por isso, a qualidade do atendimento é um cuidado constante da companhia e um critério essencial na jornada do cliente com a empresa. Valorizamos muito a autonomia e a individualidade de cada um e procuramos candidatos que queiram se juntar a nós na missão de transformar a experiência dos quase 100 milhões de clientes que temos hoje”, ressalta o Diretor de Experiência do Cliente B2C, Ricardo Miras.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde faz repescagem de vacina anticovid para nascidos de 2000 a até parte de 2003

Com a chegada de nova remessa de imunizantes contra a covid-19 a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) fará a repescagem, nesta quarta-feira (15/9), para os nascidos entre o ano 2000 até o dia 15 de setembro de 2003, aqueles que estarão completando 18 anos no dia da vacinação. Também serão vacinadas gestantes e puérperas com 12 anos ou mais, com declaração médica.

A última repescagem foi no dia 30 de agosto, quando foram convocados os nascidos entre os anos de 1992 e 1999. Com essa convocação a SMS estará dando uma segunda oportunidade para um grupo que ainda não havia sido contemplado com repescagem.

O atendimento será feito em 19 pontos de vacinação abertos das 8h às 17h (lista abaixo).

Curitiba deve receber da Secretaria de Estado da Saúde do Paraná (Sesa), até o final desta terça-feira (14/9), 40.092 doses. A convocação de repescagem para novas faixas etárias depende de avaliação de estoque remanescente.

Os imunizantes dessa última remessa são todos destinados para concluir a vacinação da população acima de 18 anos. Para iniciar a convocação de adolescentes e ampliar a aplicação da dose de reforço, conforme anunciado pelo Ministério da Saúde, Curitiba aguarda a chegada de vacinas com essa destinação.

Gestantes e puérperas

Para a vacinação das gestantes e puérperas, a Secretaria Municipal da Saúde segue as orientações da Coordenação Geral do Programa Nacional de Imunizações. A vacinação contra a covid-19 está condicionada a uma avaliação individualizada, compartilhada entre a mulher e o seu médico.

Orientação para receber a vacina

Para receber a vacina, a SMS orienta fazer o cadastro antecipado na plataforma Saúde Já pelo site www.saudeja.curitiba.pr.gov.br ou pelo aplicativo do celular. O cadastro agiliza o processo da vacinação.

Também é preciso apresentar um documento de identificação com foto, CPF e um comprovante de residência com endereço de Curitiba (no caso de estar no nome do cônjuge, deve ser apresentada também certidão de casamento ou de união estável).

Com a vacinação de faixas etárias mais jovens, a Secretaria Municipal da Saúde também aceita comprovante de residência no nome do pai ou da mãe, anexado a um documento que comprove a filiação.

Já para os casos de locações não formalizadas por imobiliárias, deverá ser apresentado o comprovante do endereço da residência com uma declaração do proprietário do imóvel, com responsabilização legal pela locação e pela informação.

Quem pode receber a 1ª dose na quarta-feira (15/9):

– Nascidos entre os anos de 2000 a 15 de setembro de 2003 que não tomaram a dose do imunizante no prazo indicado;
– Gestantes e puérperas (mulheres que deram à luz até 45 dias atrás) com 12 anos ou mais.

Locais de vacinação

Das 8h às 17h

1 – Pavilhão da Cura
Parque Barigui (entrada somente pela BR-277)

2 – US Ouvidor Pardinho
Rua 24 de Maio, 807 – Praça Ouvidor Pardinho

3 – Centro de Referência, esportes e atividade física
Rua Augusto de Mari, 2.150 – Guaíra

4 – US Salvador Allende
Rua Celeste Tortato Gabardo, 1.712 – Sítio Cercado

5 – US Parigot de Souza
Rua João Eloy de Souza, 111 – Sítio Cercado

6 – US Vila Diana
Rua René Descartes, 537 – Abranches

7 – Centro de Esporte e Lazer Avelino Vieira
Rua Guilherme Ihlenfeldt, 233 – Bacacheri

8 – US Jardim Paranaense
Rua Pedro Nabosne, 57 – Alto Boqueirão

9 – US Visitação
Rua Dr. Bley Zornig, 3136 – Boqueirão

10 – US Camargo
Rua Pedro Violani, 364 – Cajuru

11 – US Uberaba
Rua Cap. Leônidas Marques, 1392 – Uberaba

12 – Clube da Gente CIC
Rua Hilda Cadilhe de Oliveira, nº 700

13 – US Oswaldo Cruz
Rua Pedro Gusso, 3749 – Cidade Industrial

14 – US Vila Feliz
Rua Pedro Gusso, 866 – Novo Mundo

15 – US Aurora
Rua Theofhilo Mansur, 500 – Novo Mundo

16 – US Pinheiros
Rua Joanna Emma Dalpozzo Zardo, 370 – Santa Felicidade

17 – US Orleans
Av. Ver. Toaldo Túlio, 4.577 – Orleans

18 – Rua da Cidadania do Tatuquara
Rua Olivardo Konoroski Bueno, s/n

19 – Rua da Cidadania do Fazendinha
Rua Carlos Klemtz, 1.700

Com sete anos de atraso, São José dos Pinhais ganha nova trincheira que promete desafogar trânsito

A Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba (Comec) entregou nesta segunda-feira (13) a trincheira da Rua Arapongas, no cruzamento com a Avenida das Torres, em São José dos Pinhais. Prevista para a Copa do Mundo no Brasil e parte do Programa de Aceleração do Crescimento da Mobilidade – PAC da Copa, a obra estava paralisada desde 2016, quando a empresa responsável entrou em recuperação judicial.

O investimento do Governo do Estado foi de R$ 4,4 milhões e a Comec ficou responsável pela gestão da execução dos trabalhos.

A nova trincheira proporcionará um rápido acesso do bairro Afonso Pena ao Centro de São José dos Pinhais, fazendo um binário com a trincheira da Rua Maringá e descongestionando o tráfego na Rua São José – até então, um grande gargalo para a região.

Foto Gilson Abreu/AEN

Com a entrega, o semáforo da Avenida das Torres com a Rua São José será retirado, o que dará mais agilidade também no acesso ao Aeroporto Afonso Pena e no sentido Curitiba.

O presidente da Comec, Gilson Santos, explica que desde o início desta gestão, em 2019, a retomada desta e de outras obras remanescentes do PAC da Copa foi tratada como prioridade. “Foi uma determinação do governador Ratinho Junior, e hoje finalmente estamos liberando o tráfego para a população”, destaca.

Ele explica, ainda, que outros investimentos do PAC da Copa foram retomados pelo Governo do Estado para garantir a entrega à população. “Temos neste trecho, até a entrada do Aeroporto Afonso Pena, cinco obras, com complexidades diferentes, retomadas em momentos distintos”, afirma.

Além da Trincheira da Rua Arapongas, entregue nesta segunda-feira (13), foram concluídas também duas novas faixas na Avenida das Torres (a partir do fechamento do vão de um viaduto que estava inacabado, no cruzamento com a Avenida Rui Barbosa), além da Avenida das Américas.

Ainda serão entregues a ponte sobre o Rio Iguaçu, na continuação da Avenida Senador Salgado Filho, as passagens para pedestre da trincheira da Rua Maringá e a tão esperada entrada do Aeroporto Afonso Pena.