Vale da Música receberá músicos, estudantes e professores durante Oficina de Música

O Palco Flutuante na Ópera de Arame, mais uma vez receberá o circuito off da Oficina de Música. Serão dez dias de apresentações entre 1º e 10 de julho com uma programação especial todos os dias. O Vale da Música, festival permanente de música instrumental, apresentado pelo Bradesco e com realização da Futura Fonte em parceria com a DC Set Group, tradicionalmente realiza um intercâmbio cultural com a Oficina de Música, que está em sua 39ª edição. A ideia é trazer ao público que frequenta a Ópera a oportunidade de conhecer grandes nomes que passam pela Oficina, que é uma das mais tradicionais do país.

“Para o Vale da Música é uma honra fazer parte deste intercâmbio. A Oficina tem um papel muito relevante e está relacionada com o nosso propósito, que é o de movimentar a cena musical brasileira”, conta Alana Alboitt, coordenadora de marketing Futura Fonte. Entre os músicos e bandas que fazem parte da Oficina e se apresentarão no Palco Flutuante estão Glauco Solter, Gustavo Kraemer, Mário Conde, André Ribas e Leonardo Santos, Denis Mariano Quarteto, Daniel Migliavaca e Nábio Rodrigues, Serra Acima Trio convida André Ribas, Pedro Silva e três no choro. Ainda, nos últimos horários de sábado e domingo, os alunos que mais se destacarem na Oficina irão se apresentar no Vale. Para saber os horários de todas as  apresentações, basta acompanhar o Instagram do Vale da Música (@festivalvaledamusica). 

A Oficina de Música é uma das mais tradicionais do país e é a primeira vez que ela acontecerá durante o inverno. Além do Palco Flutuante no Vale da Música, serão mais de 100 atrações para assistir e entre os grandes nomes da Oficina estão Toquinho – que inclusive se apresentará no palco da Ópera de Arame -, Renato Borghetti, Danilo Caymmi e Claudio Nucci, Spok Frevo e um show de encerramento com a baiana Margareth Menezes.

Saiba mais sobre os artistas que estarão no Palco Flutuante:

André Ribas e Leonardo dos Santos
André Ribas e Leonardo dos Santos trazem, através da combinação formada pelos instrumentos “primos” Acordeon e Harmônica Cromática, uma abordagem sobre o reportório brasileiro, influenciados pelas suas vivências musicais e explorando essa sonoridade única que esses dois instrumentos juntos proporcionam.

Denis Mariano Quarteto
Denis Mariano Quarteto apresenta um show rico em sonoridades e ritmos do Brasil, com composições dos álbuns Brisk e Percuteria, além de clássicos da música brasileira. Denis Mariano: bateria, Sérgio Monteiro Freire: saxofones, André Machado: guitarra e Igor Loureiro: baixo

Daniel Migliavaca e Nabio Rodrigues
O bandolinista Daniel Migliavacca e o violonista Nabio Rodrigues se encontram para apresentar um repertório que transita especialmente entre o samba e o choro passando por composições de Daniel, sempre com arranjos próprios.

Serra Acima Trio convida André Ribas
O instrumental de violas Serra Acima Trio convida o Acordeonista e Compositor André Ribas para um show especial no qual exploram sonoridade da viola e acordeom dentro do universo dos ritmos fronteiriços, folclóricos e de clássicos da Música Popular Brasileira.

Mario Conde
Mario Conde, músico, compositor, arranjador, multi-instrumentista de cordas. Com três CDs e um DVD autorais, integrante da Orquestra à base de Sopros de Curitiba. Com mais 35 anos de carreira, passando por grupos como do trombonista Raul de Souza, Grupo Sotak, o antológico Impacto Impar, Dr. Cipó e Na Tocaia, todos com registros fonográficos no Brasil e na Europa.

Pedro Silva
Pedro Silva é guitarrista, violonista e educador musical. Reside em Itajaí, Santa Catarina. Como instrumentista já atuou em diversos trabalhos dos mais variados estilos e, atualmente, vem desenvolvendo projetos voltados ao Jazz e Música Instrumental Brasileira, com formações de Duos, Trios e Quartetos. No repertório, o artista carrega clássicos da música brasileira e standards de Jazz.

Gustavo Kraemer
Gustavo Kraemer é compositor, educador musical, arranjador, instrumentista com pós-graduação em Música Popular Brasileira pelo Conservatório Brasileiro de Música (RJ), e passagem pelo Conservatório de Tatuí (SP), onde estudou Piano com foco em Jazz e Música Brasileira. Além do trabalho solo que leva a sua assinatura, atua como Diretor Pedagógico da casa de cultura Instituto Casa Nobre, na Guarda do Embaú (SC) e como jovem compositor sinfônico apoiado pela International Brazilian Ópera Company, de Nova York(EUA). Nascido em Dourados (MS), Gustavo ampara sua pesquisa e produção musicais nas travessias que realiza por distintos territórios culturais, numa cartografia que abrange tradições da música popular brasileira, da música sinfônica mundial, do jazz americano e do cancioneiro folclórico sul-americano.

Glauco Solter
GLAUCO SÖLTER é baixista nascido em Cascavel (PR), radicado em Curitiba e atualmente morando (também) em São Paulo. Toca e grava regularmente com diferentes trabalhos no Brasil e exterior. Por mais de 15 anos acompanhou e dirigiu o grande trombonista Raul de Souza. Tem seu trabalho autoral com 5 CDs lançados, além de fazer parte dos grupos “Mano a Mano Trio”, “Duo Bandolaxo” e “Projeto Cataia” (com Arismar do Espírito Santo). Já trabalhou com nomes como João Bosco, João Donato, Ron Carter, Badi Assad, Richard Bona, Toninho Horta, entre outros. Frequentou a Berklee College of Music em 1999. Antes disto havia tocado com seu trio no Montreux Jazz Festival e lançado nacionalmente um CD com o grupo de música instrumental NaTocaia. Atua também regularmente como professor, arranjador e produtor cultural. Acaba de lançar o livro Levadas Brasileiras, sobre a história do baixo no Brasil.

Três no choro
Formado por Marcela Zanette (flauta transversal), Carla Zago (violino) e Renan Bragatto (acordeom). Para construir sua sonoridade o grupo mergulha num repertório que além do choro inclui o baião, frevo, valsa e samba. Visitam a obra de Pixinguinha, Jacob do Bandolim, Luiz Gonzaga e composições próprias, valorizando a tradição e buscando novas possibilidades sonoras.

Serviço:
Circuito Off da 39ª Oficina de Música de Curitiba
Data: 01 a 10 de julho de 2022
Valor para entrada no Vale da Música: R$ 15,00 inteira e R$ 7,50 meia-entrada. O benefício é válido para pessoas que estejam dentro da lei da meia-entrada, crianças de até 12 anos e para moradores de Curitiba e região metropolitana, que precisam levar um comprovante de residência para obter o desconto.
Endereço: Rua João Gava, 970 – Abranches.
Mais informações sobre as apresentações: @festivalvaledamusica

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Levity inova ao misturar teatro musical, gastronomia e circo

Teatro musical? Circo? Restaurante? O que tudo isso tem a ver? O espetáculo Levity, apresentado pelo Ministério do Turismo e Britânia, é a união de todas estas artes para entregar ao público um momento único e inesquecível. Diretor de grandes espetáculos da Broadway no Brasil, como o superpremiado e grande sucesso de bilheteria Shrek O Musical, Diego Ramiro inova e cria uma peça original, que transportará o espectador para uma experiência imersiva artística sensorial, desde a arte no palco até a arte no paladar. O público curitibano poderá conferir em primeira mão este grande espetáculo, que estreia no país no sábado, dia 06 de agosto, no Ópera Concept Hall (R. Via Veneto, 505 – Santa Felicidade) às 19horas.

Levity conta a história – ambientada na Londres do século XIX – do casal Noah e Alice, amigos desde a infância e que buscam descobrir juntos respostas sobre a vida e o autoconhecimento. Noah é um médico neurologista no campo da psicologia e entusiasta no campo da Botânica.  Juntos em um experimento, acessam um mundo surreal onde entrarão em contato com suas verdadeiras emoções e descobrirão o caminho para a verdadeira felicidade. O enredo se relaciona com a época em que foi escrito, durante a pandemia, momento o qual levou muitas pessoas a se reavaliar, entrar em contato com as próprias emoções e evoluir emocionalmente.

O diretor Diego Ramiro tem vasta experiência e credibilidade no mundo artístico, desde atuações memoráveis na televisão nos anos 1990 até a parte de produção, foi o responsável pelo premiado “Shrek O Musical”, que ganhou diversas condecorações, como o “Prêmio Arte Qualidade Brasil 2013”, como melhor musical, e o “Prêmio Bibi Ferreira 2014”, como melhor versão brasileira. Este musical foi desenvolvido por meio da Kabuki Live, uma empresa de entretenimento fundada por Ramiro, que se tornou a primeira da América do Sul a representar oficialmente a DreamWorks.

O espetáculo

O autor da obra, Diego Ramiro, explica esta concepção artística inovadora que chega ao Brasil: Este conceito, em inglês one stop shop, que em um lugar você consegue ter toda a experiência, é uma tendência fora do Brasil, e eu resolvi trazê-lo, juntando circo, teatro musical e a gastronomia molecular. Nos dias atuais isto é um facilitador. Você vai em um único ambiente e consegue ter algo único, diferente, sensorial, para o paladar, para a audição, enfim. A gente consegue entregar um todo nesta experiência. Por isto é muito bacana e um grande diferencial nosso, da Kabuki Live, em desenvolver este tipo de conteúdo aqui no Brasil”.

A união da gastronomia molecular com o que será apresentado no palco permite ao espectador mergulhar no conceito, relacionando os pratos servidos – que também contam uma história – com a apresentação em si. A parte gastronômica foi desenvolvida por Gabriel Herrera, formado pela renomada Basque Culinary Center em San Sebastian, na Espanha. “O grande diferencial do Levity, é que eu, como diretor, me preocupei muito que a gastronomia ajudasse na narrativa do espetáculo. O público chega e tem o welcome drink, depois a entrada, prato principal e sobremesa, durante os intervalos, e todos os pratos se conectam com a narrativa”, adiciona Ramiro.

O público curitibano poderá prestigiar em primeira mão esta imersão artística gastronômica, circense e teatral que rodará o Brasil nos próximos meses. A Kabuki Live, fundada em São Paulo, escolheu a cidade para esta e outras iniciativas que fomentam a produção cultural: “Tenho um carinho muito grande por este espetáculo, que eu pensei e escrevi durante a pandemia. Nosso desafio é fazer uma grande estreia nacional de Levity, que vai rodar o Brasil inteiro, começando em Curitiba”.

Posteriormente, há datas agendadas, até o momento, para outubro em São Paulo e dezembro e janeiro em Foz do Iguaçu. A superprodução deve contar com uma equipe de aproximadamente uma centena de profissionais, incluindo 10 atores, cantores, bailarinos e artistas circenses, para entregar um momento único aos presentes.

Portanto, Levity é um espetáculo que vai impactar o público com suas músicas e números circenses emocionantes, além da gastronomia molecular, unindo experiências diversas em um único produto. Será um evento completo com diversão, festa e momentos memoráveis.

Os ingressos estão à venda e os valores custam a partir de R$90,00 (meia-entrada) + taxa adm, de acordo com o setor.  Bistrô sem Jantar – R$180,00 (inteira) e R$90,00 (meia-entrada) + taxa adm/ Mesa com Jantar – R$280,00 (inteira) e R$190,00 (meia-entrada) + taxa adm / Mesa Vip com Jantar e Bebidas – R$395,00 (inteira) e R$270,00 (meia-entrada) + taxa adm. Jantar completo: Welcome drink, entrada, prato principal, sobremesa e bebidas não alcoólicas. Bebidas alcoólicas somente para maiores de 18 anos. A meia-entrada é para estudantes, maiores de 60 anos, professores, doadores de sangue, portadores de necessidades especiais (PNE) e de câncer. Clube Disk Ingressos possuem 50% de desconto na compra de até dois bilhetes por titular. Descontos não cumulativos com outras promoções ou descontos.  É obrigatória a apresentação do documento previsto em lei que comprove a condição do beneficiário, na compra do ingresso e na entrada do teatro. Os ingressos podem ser adquiridos através do Disk Ingressos (Ventura Shopping – de segunda a sexta, das 11hs às 22hs, aos sábados, das 10 às 22 horas, e aos domingos, das 14 às 20hs)Call-center Disk Ingressos (41) 33150808 (de segunda a sexta, das 9h às 22hs, e aos domingos, das 9 às 18hs). É obrigatória a apresentação de documento previsto em lei que comprove a condição do beneficiário na compra do ingresso e na entrada da casa.

Ficha Técnica

Direção Geral: Diego Ramiro

Direção de cena e movimento: Giovana Póvoas

Direção Musical e versões: Débora Bérgamo

Desenhador de Luz: Reinaldo Wuicik

Desenhador de Som: Chico Esmanhoto

Figurino e Visagismo: Alex D’arc

Elenco:André Tonanni, Madu Forti e grande elenco.
Realização: Kabuki Live
Patrocinadores: Ministério do Turismo e Britânia
Projeto através de Lei Nacional de Incentivo à Cultura

SERVIÇO:
LEVITY
Quando:
06 de Agosto de 2022 (sábado)
Onde:
Ópera Concept Hall (R. Via Veneto, 505 – Santa Felicidade)
Horários: Abertura:
19h / Início do espetáculo: 19h30
Duração:
cerca de 120 minutos.
Ingressos:
a partir de R$90,00 (meia-entrada) + taxa adm, de acordo com o setor. 
Bistrô sem Jantar – R$180,00 (inteira) e R$90,00 (meia-entrada) + taxa adm;
Mesa com Jantar – R$280,00 (inteira) e R$190,00 (meia-entrada) + taxa adm;
Mesa Vip com Jantar e Bebidas – R$395,00 (inteira) e R$270,00 (meia-entrada) + taxa adm.  Jantar completo: Welcome drink, entrada, prato principal, sobremesa e bebidas não alcoólicas. Bebidas alcoólicas somente para maiores de 18 anos.
A meia-entrada é para estudantes, maiores de 60 anos, professores, doadores de sangue, portadores de necessidades especiais (PNE) e de câncer. Clientes Clube Prime e Clube Disk Ingressos possuem 50% de desconto na compra de até dois ingressos por titular.   
Promoções não cumulativas com descontos previstos por Lei. 
É obrigatória a apresentação do documento previsto em lei que comprove a condição do beneficiário, na compra do ingresso e na entrada do teatro. 

Forma de Pagamento: Dinheiro e cartões de crédito/débito Visa e Mastercard.
Pontos de Venda: Disk Ingressos (Ventura Shopping – de segunda a sexta, das 11hs às 22hs, aos sábados, das 10 às 22 horas, e aos domingos, das 14 às 20hs, Call-center Disk Ingressos (41) 33150808 (de segunda a sexta, das 9h às 22hs, e aos domingos, das 9 às 18hs), na bilheteria do teatro Guaira (de terça a sábado, das 12 às 21 horas). 
Venda online:
https://www.diskingressos.com.br/evento/3378/06-08-2022/pr/curitiba/levity
**Entrega em domicílio com taxa de entrega.
Classificação etária: livre (a produção recomenda crianças acima de 10 anos para que possam aproveitar a experiência)
Informações p/ o público: (41) 33150808
Realização:  Kabuki Live

Sábado tem música latina e gastronomia na calçada dos bares do Centro de Curitiba

Dois bares de Curitiba se unem para celebrar a boa música e a boa gastronomia. Neste sábado (06/08), a partir das 18h, o Trio Matorrales se apresenta na fachada compartilhada do Cubano e do Lupita Bistrô Bar. Equilibrando as referências das casas, o grupo toca world music, destacando as influências latinas celebradas no Cubano e de pedidas clássicas da cozinha mundial no Lupita.

Entre canções autorais e reinterpretações de sucessos, o Trio Matorrales inclui no repertório destaques da world music – uma tendência que parte do jazz de buscar influências musicais não ocidentais. Referências latinas, africanas e indianas, entre outras. Nomes como Buena Vista Social Club, Manu Chao e Orishas estão entre as versões celebradas pelo grupo. O Trio Matorrales é formado por três integrantes da banda Matorrales: por Fernando Cejas (voz e violão), Victor Hugo Pugsley (violão) e Paulo Borges (percussão).

O Trio Matorrales se apresenta neste sábado, dia 06 de agosto, a partir das 18h, em frente aos bares Cubano e Lupita Bistrô Bar. As casas ficam no Edifício Anita (Alameda Dr. Carlos de Carvalho, nº 15), no Centro de Curitiba. Mais informações nos perfis oficiais das casas no Instagram: @cubanocwb e @lupitabistrobar.