Últimos dias para ir a roda-gigante

Uma das atrações mais disputadas no Natal de Curitiba – Luz dos Pinhais 2019, a roda-gigante da Vila de Natal Electrolux, na Praça Santos Andrade, no Centro, ainda tem mais quatro dias de passeios gratuitos. Até o próximo domingo (22/12), o gigantesco brinquedo estará aberto, inclusive para pessoas com deficiência. Nas três primeiras semanas de funcionamento, 34.595 pessoas se divertiram na atração, que fica aberta para o público de quinta a domingo.

Moradores da capital, os irmãos Pedro, 10 anos, e Vagner Santos, 9 anos, fizeram o passeio na roda-gigante no primeiro fim de semana de abertura. “Ano passado eu fui pela primeira vez. Dá para ver tudo”, disse Pedro. “No começo dá um pouco de medo, mas eu superei”, contou o menino.

Com 22 metros de altura, a roda-gigante da Santos Andrade tem 16 gôndolas e o brinquedo pode levar até 64 pessoas em um mesmo giro. O passeio dura entre 8 e 10 minutos.

Foto: Hully Paiva/SMCS

A empresária Marina Campeone, 25 anos, veio de Brodowski, no interior de São Paulo, para conhecer as atrações natalinas de Curitiba e não resistiu em dar uma volta na roda-gigante para conferir o visual da Praça Santos Andrade do alto do brinquedo. “Vim com minha mãe e prima e logo já ficamos sabendo que teria a roda-gigante. Estamos empolgadas há meses, pois a nossa cidade não tem essas atrações que vocês têm aqui”, conta Marina, que visitou a Vila de Natal na segunda semana da atração.

Do alto da roda-gigante, a visão privilegiada permite apreciar parte do Centro da cidade. A praça pode ser vista em toda a sua extensão, desde o prédio histórico da Universidade Federal do Paraná, de um dos lados, até o Teatro Guaíra, na outra extremidade.

Mesmo as filas que costumam se formar para o passeio da roda-gigante não incomodam o público. “Eu sou suspeito para falar porque adoro Natal. Hoje resolvi aproveitar com meu filho”, disse o bancário Carlos Surugi, que ficou pouco mais de uma hora esperando para subir no brinquedo com o Leonardo, de 9 anos, na terceira semana da atração. O menino gostou do que viu do alto. “É bem bonito lá de cima”, comentou depois que saiu do brinquedo.

Além do público em geral, a roda-gigante recebeu estudantes da rede municipal de ensino e pessoas com deficiência física. Das 34.595 pessoas que se divertiram na atração, 4 mil eram alunos de escolas da Prefeitura e 600 eram crianças e adultos com necessidades especiais. As visitas ocorreram, nas duas últimas semanas, de segunda a sexta, pela manhã e à tarde. 

Feirinha diária

Além da roda-gigante, a Vila de Natal Electrolux conta nos fins de semana com a Casa do Papai Noel, onde é possível tirar fotos gratuitas sábados e domingos, das 15h às 18h; e o divertido Monstro da Fonte, personagem que dá “bom dia” com um forte rugido e que circula pela praça brincando com as crianças. As apresentações do personagem ocorrem de sexta a domingo, das 18h às 22h. Outra atração é a Cozinha Electrolux, com aulas-show de chefs convidados. As aulas ocorrem sábados e domingos, às 11h, às 15h e às 18h. As três atrações também ficam abertas até domingo (22/12).

Além disso, a Vila de Natal Electrolux tem a tradicional feirinha com 13 bancas de artesanato e gastronomia, que funciona todos os dias, a partir das 10h, e tem uma charmosa praça de alimentação junto à fonte da Santos Andrade. A atração vai funcionar até segunda-feira (23/12).

Atrações da Vila de Natal Electrolux

Roda-gigante
Quintas e sextas, das 18h às 22h
Sábados, das 12h às 22h
Domingos, das 12h às 20h30

Feira Gastronômica
Segunda a sábado, 10h às 22h
Domingo, das 10h às 21h

Casa do Papai Noel
Sábados, das 12h às 20h
Domingos, das 14h às 19h
Fotos gratuitas das 15h às 18h

Cozinha Electrolux
Aulas de culinária – receitas natalinas
Sábados, às 11h, 15h, 18h e 20h
Domingos, às 11h, 15h e 18h

Monstro da Fonte
Sextas, sábados e domingos, das 18h às 22h

A Prefeitura promove o Natal de Curitiba – Luz dos Pinhais 2019 com o patrocínio dos Supermercados Condor, Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil, Governo Federal, Electrolux, Volvo, Samar Iluminação, Servopa, Associação Comercial e Industrial de Santa Felicidade (Acisf) e ParkShoppingBarigüi. A programação de espetáculos vai até 23 de dezembro e a decoração poderá ser vista até 6 de janeiro.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA NO SITE: https://natal.curitiba.pr.gov.br/

A programação está sujeita a alterações.

Via: Prefeitura de Curitiba

Curitiba tem 459 novos casos e 12 mortes por covid-19

Curitiba registrou nesta terça-feira (15/9) 459 novos casos de covid-19 e 12 mortes de moradores da cidade infectados pelo novo coronavírus, conforme boletim da Secretaria Municipal da Saúde.

As novas vítimas são nove homens e três mulheres, com idades entre 51 e 90 anos. Todos os óbitos ocorreram nas últimas 48 horas.

Até agora são 1.149 mortes na cidade provocadas pela doença neste período de pandemia.

Novos casos

Com os novos casos confirmados, 39.269 moradores de Curitiba testaram positivo para a covid-19 desde o início da pandemia – 33.284 estão liberados do isolamento e sem sintomas da doença.

São 4.836 casos ativos na cidade, correspondentes ao número de pessoas com potencial de transmissão do vírus.

UTIs do SUS

Nesta terça-feira (15/9), a taxa de ocupação dos 334 leitos de UTI SUS exclusivos para covid-19 é de 87%. Todos os pacientes que são internados com quadro de síndrome respiratória aguda grave vão para os leitos exclusivos covid-19 e não apenas os casos confirmados da doença. No momento restam 47 leitos livres.

Números da covid-19 em 15 de setembro

459 novos casos
12 novos óbitos

Números totais

Confirmados – 39.269
Investigação: 647
Recuperados – 33.284
Óbitos – 1.149

Campeãs colecionam títulos, mas precisam vender balas nas ruas de Curitiba para competir

Esta é a rotina de duas campeãs de jiu-jitsu todos os dias

Maiara Monteiro Custodio tem 33 anos, é natural de Londrina e atleta consagrada de jiu-jitsu, campeã mundial com títulos nacionais e internacionais. Beatriz Helena Molinari Vieira tem 18, é de Sorocaba e tem uma carreira promissora pela frente, campeã paulista e vice-campeã nacional e sul americana.

Mesmo com tantos títulos, elas ainda dependem de ajuda para bancar as despesas do dia a dia e principalmente os custos de hospedagem, transporte, alimentação e inscrição nas competições oficiais da modalidade Brasil afora.

“Não tenho mais o que provar, sou uma boa atleta, com títulos nacionais, sul americanos e mundiais, e mesmo assim tô aqui no semáforo, vendendo balas todos os dias”, lamenta a veterana faixa preta.

Seguindo o exemplo e obstinação de Maiara, a jovem Beatriz também se mudou para Curitiba em busca de excelência e uma rotina adequada de treinos ao lado de professores e atletas de alto rendimento. A capital paranaense é berço de grandes professores e atletas da modalidade, como a equipe Xeque Mate, onde treinam atualmente.

“Meu pai me manda algum dinheiro, mas tenho que complementar para bancar inscrições e viagens. Estou aqui todos os dias vendendo de manhã e de noite”, conta Beatriz, que sonha com o campeonato europeu em 2021. “São muitas despesas, não quero deixar pra última hora então estou desde já juntando o dinheiro”.

Beatriz Helena Molinari Vieira tem 18 anos e também tem vários títulos – Foto: Antonio Nascimento – Banda B

Os títulos e medalhas são provas da excelência alcançada por ambas. Mas a rotina adequada de treinamento e preparação ainda parece uma realidade distante pra quem precisa vender balas entre os intervalos de treinos, e não encontra tempo para descanso.

Como ajudar

Enquanto não consegue um patrocínio fixo, Maiara abriu uma conta no site de ‘vakinhas online’ para impulsionar apoios e seguir competindo.

Lá ela publica a agenda oficial de campeonatos em que representa o Paraná e o Brasil.

Acesse e ajude: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/campeonatos-2020-mayara-monteiro-custodio

Informações Banda B.