Rodovia que liga Curitiba ao Litoral tem aumento na tarifa do pedágio

A Ecovia, concessionária que administra o trecho Curitiba-Litoral da BR-277 e as PRs 508 e 407, informa as novas tarifas de pedágio que passam a vigorar a zero hora dessa quarta-feira (dia 12/05). Os novos valores são: motocicletas = R$ 11,70; automóveis = R$ 23,30 (somente o veículo), R$ 35,00 (com carreta de um eixo simples) ou R$ 46,60 (com carreta de eixo duplo); veículos comerciais = R$ 19,50 (por eixo); ônibus = R$ 23,30 (por eixo).

A Ecovia obteve decisão favorável, que suspendeu os efeitos da Resolução 27/2020 da AGEPAR e permitiu o prosseguimento do processo de reajuste tarifário relativo a dezembro de 2020. Desta forma, em cumprimento ao Contrato de Concessão nº 076/97, a Ecovia informa que os valores das tarifas serão reajustados em 7,6%, à zero hora desta quarta-feira (12), conforme tabela:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Obras da Sanepar no Litoral reforçam sistema de abastecimento para temporada

A Sanepar finaliza nos próximos dias obras no Litoral que vão melhorar o abastecimento de água durante o verão 2021/2022. Nesta semana, será concluída a interligação da nova adutora ao sistema de abastecimento de Morretes. Com extensão de 6,2 quilômetros, a nova tubulação irá levar água tratada da Estação Iporanga até a região central da cidade, substituindo a antiga adutora. A estação de tratamento também teve a implantação de um desarenador, que contribui para manter a produção de água e evitar interrupções no sistema nos dias de turbidez elevada do rio. 

Em Guaratuba, a Sanepar concluirá no dia 15 obras que reforçam o abastecimento de água na Região do Mirim, que em períodos de maior consumo, como ocorre na temporada, pode ficar desabastecido por baixa pressão. Para reverter essa situação, a Sanepar está instalando um equipamento chamado booster, que tem uma bomba que aumenta a pressão da água, e também está assentando 900 metros de tubulação de grande diâmetro (DN 250) que vai levar água exclusivamente para o Mirim.

Outra medida em Guaratuba foi a substituição de 600 metros de rede na saída da estação de tratamento por uma tubulação de ferro dúctil, mais resistente, a fim de evitar rompimentos na temporada.

MAIOR RESERVAÇÃO – A Sanepar reforçou a capacidade de reservação de água nos últimos anos e fez melhoria em reservatórios do Litoral. A atual capacidade de reservação em Matinhos, Morretes, Pontal do Paraná, Guaratuba e Guaraqueçaba é em torno de 39 bilhões de litros de água. Durante a temporada, entrarão em operação cinco reservatórios modulares, do tipo contêiner, com capacidade de 70 mil litros cada um. Essas unidades atenderão as áreas mais distantes dos centros de distribuição de água. Os equipamentos são móveis e possuem conjunto motobomba, que pressuriza melhor a rede, e podem ser reabastecidos por caminhão-pipa.

Além disso, a Companhia contratou 15 caminhões-pipa que ficarão disponíveis para reforços emergenciais no Litoral. Também serão instalados 29 geradores de energia que podem manter a operação do abastecimento mesmo que haja queda no fornecimento de energia.

AÇÕES SOCIAIS E DE MEIO AMBIENTE – A Sanepar voltará a disponibilizar serviços de cadeiras anfíbias e passarelas de acessibilidade nas praias, beneficiando pessoas com restrições motoras. Outras ações socioambientais desenvolvidas pela Sanepar serão as duchas ecológicas, atividades lúdicas para crianças e a limpeza das praias. Essas atividades são desenvolvidas em parceria com o Governo do Estado.

Casal de Morretes compra Airbus e transporte de avião pelas ruas ‘para a cidade’ no Litoral

Em Morretes, no litoral do Paraná, um casal de empresários comprou um avião do modelo Airbus A318 com a finalidade de deixá-lo em um terreno privado, no centro da cidade.

Para transportar a aeronave até o destino, foram necessários uma equipe de especialistas, agentes da Polícia Militar e representantes da Companhia Paranaense de Energia (Copel), que fizeram o percurso nesta quarta-feira (1º/12), pela BR-277.

O trajeto de 11 quilômetros, que dura em média 20 minutos, levou aproximadamente três horas em razão de todas as precauções necessárias e chamou a atenção de motoristas e moradores do local.

Airbus A318 foi transportado pela BR-277 até Morretes, no litoral do Paraná — Foto: Vanessa Rumor/RPC

Os novos proprietários da aeronave contaram que são apaixonados por aviação e que pretendem inicialmente deixar o Airbus em uma propriedade privada, mas, futuramente, o avião poderá se transformar em um ponto de entretenimento.

Leia a matéria completa no Portal Metrópoles.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com