Prestinaria promove 3º Jazz na Petit neste sábado

Neste sábado, dia 22 de outubro, Curitiba vai ter uma tarde ainda mais aconchegante com a 3ª edição do Jazz na Petit, que contará com música ao vivo, boa gastronomia e drinks de café na calçada em frente à Prestinaria Petit, no bairro Juvevê. Sem couvert artístico ou entrada, a ação vai acontecer a partir das 16h, ao ar livre.

“O Jazz na Petit é um presente para todos. Queremos transformar a calçada em um quintal de lazer e entretenimento para o bairro, incentivando famílias com crianças, cachorros e pessoas de todas as idades a ocuparem as ruas”, destaca o empresário Marcelo Almeida, que comanda a Prestinaria ao lado de Fábio Sarraff.

Para comandar o 3º Jazz na Petit, a Prestinaria convidou o grupo Jazz Bob, que se apresentará com um repertório completo de bebop, hard bop, cool jazz e latin jazz. O evento contará ainda com o lançamento do livro A mulher que atravessa a ponte, com a presença da escritora Ana Cardoso no espaço da Amora Pop Up.

A 3ª edição do Jazz na Petit vai acontecer neste sábado, dia 22 de outubro, a partir das 16h, na calçada em frente à Prestinaria Petit (Rua Moysés Marcondes, 430), no bairro Juvevê. Mais informações no perfil oficial da Prestinaria no Instagram (@prestinaria).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Nuu Nikkei: Fusão de gastronomias japonesa e peruana em destaque

Duas tradições gastronômicas separadas por um oceano – e unidas pela criatividade e dedicação à boa cozinha. Curitiba conta com um restaurante especializado em mesclar referências do Japão e do Peru em pratos contemporâneos com muito sabor: o Nuu Nikkei. O conceito sofisticado tem conquistado o público, e o resultado pode ser visto na ampliação do atendimento. Além de funcionar para jantar, de terça a domingo, a casa tem agora almoço no fim de semana.

O nome da casa referencia a cozinha Nikkei, que é a fusão das tradições peruana e japonesa. A relação das culturas se estreitou com a chegada de imigrantes asiáticos na costa sul-americana no século XX. É desse encontro que nasce um dos pratos mais conhecidos que tem conquistado os restaurantes recentemente, o ceviche. Mas o estilo Nikkei guarda muito mais sabores a serem explorados, que poucos espaços tem apresentado no cenário brasileiro.

Tanto que foi só em São Paulo que os sócios Luiz Araújo e Lucas Freitas foram encontrar a cozinha Nikkei, em um formato que os encantou. A paixão pela gastronomia os instigou a trazer para Curitiba não apenas o estilo como também o chef referência nessa gastronomia: Carlos Alata. Atuando inicialmente como consultor, acabou assumindo de vez a cozinha do Nuu Nikkei.

Inaugurada em 2017, a casa funciona no sistema à la carte, apresentando pratos clássicos, releituras e criações originais. Depois de cinco anos funcionando apenas no jantar, com um público consolidado, o Nuu Nikkei passa a abrir também para almoço. As sábados e domingos, abre do meio-dia às 15h, com rolha livre.

Destaques gastronômicos

“O ceviche é uma ótima forma de iniciar a explorar os sabores da cozinha Nikkei”, opina Luiz Araújo. O Peruvian Classic, como o nome diz, resgata a tradição peruana levando na receita peixe branco, leite de tigre (um preparado de limão, água e temperos como coentro, sal e cebola), batata doce e milhos peruanos. “Os milhos do Peru, com suas inúmeras variedades, são uma das principais características dessa fusão peruana e japonesa que funciona tão bem no menu Nikkei”, comenta. Já um ceviche com toque contemporâneo é o de Salmão, que leva ainda pepino e physalis ao molho sweet pimenta biquinho e finalizado com coco.

Para as entradas frias, pode-se provar os Tiraditos, outro prato que vem popularizando essa cozinha, lembrando um sashimi oriental com pitadas da cozinha latina. O Tiradito Lima, por exemplo, tem camarão grelhado com lâminas de peixe branco, edamame e molho peruano. Quem busca experimentar o toque da casa aproveita o Avocado Nikkei, um tartar de salmão ao molho sweet spicy misso com quinoa crocante e chips de guioza. Uma surpresa saborosa na parte de entradas quentes é o Black Duck Gyoza, de pato confitado com vegetais e purê de maçã ao molho doce cítrico.

O Sushi Bar traz formatos clássicos da gastronomia japonesa, sempre com opções inovadoras e releituras. Uma delas é o Porco Batayaki, um niguiri de porco confitado e selado ao molho teriyaki artesanal com chalaquita. Já o Jo Foie Gras tem atum com foie gras, selado e levando ainda teriyaki especial. Os combinados de sushis e sashimis são outra escolha interessante, bem como o clássico Yakissoba.

O menu tem outras criações interessantes como o Mignon Nuu. Aqui, o mignon é preparado ao molho de vinho tinto e apresentado com batata gratinada com parmesão, especiarias asiáticas e perfume de trufa. Já o Polvo ao Carvão tem polco ao molho anticuchero e missô, cebola confitada, azeitonas, ragu de pimentão e batatas rústicas.

O Nuu Nikkei funciona de terça-feira a domingo para jantar, a partir das 18h, e para almoço aos sábados e domingos, do meio-dia às 15h. A casa fica na R. Fernando Simas, 333 – Mercês. Reservas e informações disponíveis no Instagram oficial @nuunikkei.

Bar de Curitiba promove Festival do Ceviche

O ceviche é um prato da culinária peruana baseado em peixe cru marinado em suco de limão ou lima ou outro cítrico. Na receita original é utilizado um pescado branco de carne firme, mas a criatividade dos chefs possibilita versões diferentes do clássico, oferecendo novos sabores e experiências.

Pensando neste preparo extremamente saboroso que se difundiu em todo planeta, do Fish*Me, bar especializado em peixes e frutos do mar, vai promover, entre os dias 30 de novembro e 04 de dezembro, o 1º Festival do Ceviche. Durante os cinco dias do festival, o bar vai servir quatro variações da iguaria por R$ 35 cada.

Entre os destaques do evento estão Ceviche de Camarão, preparado com cubos de peixe branco, salmão, atum, camarão no vapor, milho crocante, cebola roxa, leite de tigre com coentro, gengibre e alho, maracujá e pimenta-dedo-de-moça; o Ceviche de Salmão, feito com cubos de salmão e manga, milho crocante, cebola roxa, leite de tigre com coentro, gengibre e alho, pimenta-dedo-de-moça e gergelim; e o Ceviche de Polvo, com cubos de peixe branco, tentáculos de povo marinado cortado, milho crocante, cebola roxa, leite de tigre com coentro, gengibre e alho, pimenta-dedo-de-moça, gergelim e banana-da-terra.

Propondo uma harmonização completa, o bar trabalha com caipirinhas, drinks preparados com Gin, Clericôt e taças de vinho. Para completar a experiência, a casa recebe música ao vivo aos fins de semana, sem couvert artístico ou entrada.

O Festival do Ceviche do Fish*Me acontece de terça a domingo, entre os dias 30 de novembro e 04 de dezembro, na Rua General Mario Tourinho, 2465, Seminário, em frente ao Parque Barigui. Mais informações no perfil oficial do bar no Instagram (@fishmebarcuritiba).