Paraná pressiona, mas apenas empata com Botafogo-SP

[ad_1]

Na tarde desta segunda-feira (4), o estádio Durival Britto, em Curitiba, foi palco dos primeiros compromissos de Paraná e Botafogo-SP em 2021. Em duelo válido pela 32ª rodada da Série B do Brasileiro, os dois times foram a campo precisando desesperadamente dos três pontos para ganhar um pouco mais de fôlego na briga contra o descenso à Série C. Mas o resultado final foi uma igualdade de 1 a 1.

Apenas seis pontos separavam as equipes na classificação. Os donos da casa tinham 32, e os visitantes 26. O retrospecto recente deixava os anfitriões em situação ainda mais complicada, eram duas derrotas consecutivas.

Nesse cenário, o Paraná partiu para cima no início da partida. Aos sete, o meia Bressan perdeu duas chances claras de frente para o gol. Aos 16, Andrey tentou de bicicleta, mas perdeu a chance.

Depois foram outras duas boas oportunidades, aos 25 e aos 32. E aí veio o castigo. Depois de boa jogada, o atacante Ronald recebeu passe e, da entrada da área, chutou colocado no ângulo para balançar a rede do Paraná aos 34 minutos.

A etapa final foi quase toda de pressão do Paraná. Aos 18, Henrique chegou à linha de fundo e cruzou, após desvio, o atacante Gabriel Pires tentou e perdeu. Na sobra, o volante Meritão furou.

Aos 25, outro cruzamento do Tricolor, mas nenhum jogador do Paraná empurrou a bola para a rede. E assim como ocorreu no primeiro tempo, quase veio outro castigo. Aos 31, o meia Bady ficou frente a frente com o goleiro Renan, que fez bela defesa para evitar outro gol dos paulistas. Aos 33, o Paraná perdeu mais uma grande chance. O goleiro Igor fez duas grandes defesas no mesmo lance.

A pressão era tanta que veio o tão esperado empate. Aos 38, depois de um verdadeiro bombardeio contra o gol do Botafogo, o volante Karl aproveitou rebote para tocar para o gol vazio.

Aos 41, Bressan teve a chance de virar o confronto ao bater colocado de longe. Mas o goleiro do Botafogo segurou firme.

Com o empate fora de casa, o Botafogo continua na 19ª posição, com 27 pontos. E o Paraná segue entre os quatro últimos, na 18ª posição, somando apenas 33 pontos, dois atrás do Figueirense (primeira equipe fora da zona de rebaixamento).

Na próxima sexta-feira (8), o Paraná segue a briga para fugir da parte de baixo da tabela de classificação, pois jogará contra o Náutico fora de casa. No sábado (9), o Botafogo tenta dar sequência à arrancada de fuga ao Z-4 ao receber a Chapecoense.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Paraná derrota Ponte Preta e chega à vice-liderança da Série B

[ad_1]

No duelo de duas equipes que almejam o topo da tabela, o Paraná derrotou a Ponte Preta por 2 a 1, no estádio Durival Britto nesta terça (1), e chegou à vice-liderança da série B do Campeonato Brasileiro, com 14 pontos conquistados.

Jogando em casa, o Paraná partiu para cima nos primeiros momentos e abriu o placar com apenas 2 minutos de jogo. A Ponte Preta tentou sair pelo lado esquerdo de defesa, mas a marcação alta do Tricolor funcionou. Lazaroni perdeu a bola para Paulo Henrique, que tocou para Meritão. Ele viu a chegada de Renan Bressan, que, de perna direita, prensado com a zaga, acertou o canto esquerdo do goleiro Ivan.

O Paraná quase ampliou três minutos depois. Bruno Gomes passou para Meritão, que chutou de primeira, de canhota. Ivan fez boa defesa com o pé direito e salvou. A Ponte Preta entrou na partida por volta dos 8 minutos e passou a chegar mais na área dos donos da casa. Aos 14 minutos, João Paulo avançou pela esquerda e cruzou na medida, na cabeça de Matheus Peixoto, que tocou com categoria para empatar.

A Ponte Preta já tinha equilibrado a partida e passou a dominar depois da saída de Renan Bressan, camisa 10 do Paraná, que deixou o campo com dores na coxa. A Macaca teve a chance da virada aos 43 minutos. Moisés fez bela jogada pelo meio e abriu para Guilherme Pato. O atacante cruzou, a bola passou por toda a defesa e Matheus Peixoto acabou perdendo o gol dentro da pequena área.

O segundo tempo começou equilibrado. A Ponte Preta foi a primeira a levar perigo. Logo aos 4 minutos, Moisés fez boa jogada pela esquerda, cruzou na área e Fabrício desviou mal. A sorte do Paraná foi que Mateus Peixoto não acreditou na falha do zagueiro e a bola saiu pela linha de fundo.

O Paraná também partiu para cima e respondeu aos 28 minutos, com uma boa cobrança de falta de longa distância de Fabrício, que Ivan espalmou. O goleiro da Ponte Preta apareceu novamente aos 36 minutos. Jhony chutou de fora da área e Ivan fez uma grande defesa para salvar a Ponte Preta.

Ivan conseguiu evitar as tentativas dos jogadores do Paraná, mas quando o ataque foi do próprio zagueiro, o goleiro acabou sofrendo o gol. Aos 42 minutos do segundo tempo, Paulo Henrique avançou pela direita e cruzou na área da Ponte Preta para Bruno Gomes. Luizão tentou se antecipar e acabou jogando contra o patrimônio. Gol contra que valeu a vitória do Paraná.

Com o resultado, o Paraná chegou a 14 pontos e ocupa a vice-liderança da Série B do Campeonato Brasileiro. A Ponte Preta permanece com 11 pontos, caiu para a sexta posição e ainda pode ser ultrapassada até o fim da 7ª rodada.

Veja a classificação atualizada da Série B do Brasileiro.


Paraná Clube dá adeus para a Copa do Brasil

O Paraná Clube entrou em campo hoje pela Copa do Brasil. A partida foi contra o Botafogo, que vinha de uma vitória em casa por 1×0 e precisava de apenas um empate na Vila Capanema para passar de fase.

Primeiro tempo com um jogo muito truncado e boas oportunidades para o Tricolor da Vila, inclusive uma no último minuto com Renan Bressan, que após a vantagem de uma falta cometida pelo Botafogo, finalizou fraco para a defesa do goleiro Gatito Fernández.

Segundo tempo em um cruzamento na área do Tricolor, aos 4 minutos, Marcelo Benevuto cabeceia pro gol e abre o placar para o Fogão. Sete minutos depois, o Paraná diminui com Thales depois de um sururu na área e nos acréscimos de pênalti Danilo Barcelos fechou a conta na Vila: 2×1 para o Botafogo que avança de fase.

O próximo compromisso do time de Allan Aal é pela Série B do Brasileirão contra o Vitória da Bahia, no Estádio Manoel Barradas neste sábado (29).

Foto: Rui Santos/Paraná Clube