domingo, março 3, 2024
spot_img
InícioNotíciasPolíticaPara deputada Márcia Huçulak (PSD), prêmio de cidade mais inteligente do mundo...

Para deputada Márcia Huçulak (PSD), prêmio de cidade mais inteligente do mundo é resultado da qualidade da gestão de Curitiba – De olho nos deputados


A deputada estadual Márcia Huçulak (PSD) exaltou, em discurso na sessão plenária desta segunda-feira (13), o título de Cidade Mais Inteligente do Mundo, conferido à Curitiba pela Fira Barcelona durante o Word Smart Cities Awards, realizado na cidade espanhola na semana passada.

De acordo com Márcia, o título é fruto “da boa política apoiando os bons projetos técnicos” nos últimos anos. “A premiação reconhece o trabalho da gestão do prefeito Rafael Greca. A cidade foi reconhecida por sua abordagem inteligente do planejamento urbano, crescimento socioeconômico e sustentabilidade ambiental”, lembrou ela, em discurso na sessão plenária da Assembleia Legislativa do Paraná.

Entre os vários projetos e programas desenvolvidos na cidade, que garantiram a escolha da capital paranaense, Márcia destacou o pioneirismo na área da Saúde.

“Curitiba foi a primeira capital do Brasil a oferecer videoconsulta para a covid-19, já havia sido pioneira ao ser a primeira do país a ter prontuário eletrônico integrado, nos anos 1990”, afirmou. “Hoje o SUS Curitibano é vanguarda em serviços que usam a tecnologia em favor do indivíduo, dentro do modelo da Saúde 4.1, como o Aplicativo Saúde Já e a Central Saúde Já, em que o usuário faz teleatendimento ou videochamada, sem sair de casa.”

Márcia ponderou que desde 2017, quando Greca criou o Vale do Pinhão, o pensamento inovador passou a fazer parte da transformação tecnológica dos serviços públicos. As ações foram sendo implementadas em várias áreas.

A deputada elencou as principais açoes tecnológicas nas áreas de meio ambiente, empreendedorismo, infraestrutura, trânsito e economia.

“Essas e muitas outras ações e projetos fazem de Curitiba referência em sustentabilidade e inovação”, disse. “Como diz o Prefeito Greca: a inovação só vale quando se transforma em processo social. Deve ser para todos, para as crianças, para os idosos, para as mulheres, para os homens”, concluiu.



Leia mais informações no site da Alep

MATÉRIAS RELACIONADAS
- Publi -spot_img
- Publi -spot_img
- Publi -spot_img

As últimas do Busão