O que bombava em Curitiba nos anos 80

O que bombava em Curitiba nos anos 80

Pra você que não teve a oportunidade de vivenciar os anos 80 curitibanos ou que teve e quer matar a saudade, aí vai um videozinho pra vocês:
Obs.: Se liguem nos passinhos! Hhauehuaheuhuaehaeha

As imagens são da década de 80, das aberturas das danceterias, do Clube Califórnia, Clube Tropical, Sistema X e outras!
Pra quem quer saber quais as músicas, e realmente o que bombava em Curitiba nos anos 80, segura aí:

Aqui vai um trecho extraído do livro “Almanaque KUR’YT’YBA”, de Eduardo Emílio Fenianos, que descreve um pouco como era Curitiba naquela época:

“A capital, que no início do período já possui mais de 900 mil habitantes, ganha seu primeiro shopping Center, troca os cinemas por videocassetes e entra na era da informática.

O Bigorrilho é o bairro que mais cresce, sofrendo uma explosão econômica e imobiliária. Ônibus articulados substituem os expressos pioneiros e transportam até 200 passageiros. O setor Histórico, bloqueado aos veículos, é o novo point dos curitibanos, com seus bares e restaurantes. Novos pólos comerciais surgem a leste, no Hugo Lange ou Jardim Social, bairros que antes abrigavam exclusivamente moradias de luxo.

Em 12 de janeiro de 1984, Curitiba é a primeira cidade brasileira a reunir 50 mil pessoas – na Praça Osório, Boca Maldita e caçadão da Rua 15 de Novembro – num comício pelas “Diretas-Já”. O movimento ganha força, e repete em todo o país nas semanas seguintes.

Ao longo da década, Curitiba renova sua infra-estrutura, construindo novos espaços e revitalizando outros. São dessa época o Museu de Arte Sacra, a Casa da Memória, os cinemas Groff, Ritz e Luz (administrados pela Fundação Cultural de Curitiba), a Casa Culpi, de Santa Felicidade, e o Terminal e Centro Cultural do Portão. Surgem ainda, o Parque General Iberê de Mattos, no Bacacheri, e o das Pedreiras, no Pilarzinho, que abriga o Espaço Cultural Paulo Leminski e a Ópera de Arame.

Desde 1989 separa-se o lixo orgânico do reciclável. À noite, um bom programa é visitar as feiras noturnas que se espalham pelos bairros da cidade, onde são servidas refeições dos mais diversos países do mundo. É do alto da Torre da Telepar, nas Mercês, inaugurada em 1991, que curitibanos e turistas descortinam maravilhados os mais distantes rincões da cidade com direito a uma vista de 360 graus.”

AH, VALE A PENA TAMBÉM CONFERIR OS VÍDEOS QUE O TESÃO PIÁ FEZ SOBRE OS ANOS 80: TESÃO PIÁ – 80’S E TESÃO PIÁ – 80’S (VERSÃO VHS)!

O que bombava em Curitiba nos anos 80

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dóffee Donuts inaugura a 22ª Unidade

A Dóffee Donuts & Coffee inaugurou sua nova unidade na última sexta-feira (27). A loja está localizada na cidade de Itajaí e é a 22ª unidade da franquia, que recebeu diversos clientes já em seu primeiro dia no Shopping Itajaí.

A franquia de lojas da Dóffee Donuts & Coffee já é conhecida em Santa Catarina por suas receitas exclusivas, com opções de donuts doces e salgados, bebidas quentes e geladas para acompanhar, além de acessórios disponíveis para comprar e levar para casa.

Além de Itajaí, as cidades de Balneário Camboriú e Itapema também possuem lojas da Dóffee. Os planos para as próximas Dóffee Donuts & Coffee também já estão a todo vapor, destinadas a novas cidades e
estado: os Shopping Palladium, em Ponta Grossa e as cidades de Ourinhos e Campinas, em São Paulo.

HISTÓRIA

O projeto teve início em 2017, com os sócios Alysson, Pablo e Letícia, que viram nos donuts a oportunidade de começar uma loja inovadora em Curitiba. A decisão em abrir uma loja com produto único passou por meses de planejamento. Em 2019, a primeira loja física foi inaugurada no Centro de Curitiba. O rápido sucesso da loja pediu por mais uma unidade, e assim, em poucos
meses, foi inaugurada a Dóffee Portão.
Em seu primeiro ano como franquia resultou em mais 7 lojas, totalizando 10 unidades, a partir daí não parou mais. Hoje a Dóffee possui unidades nos principais shoppings de Curitiba, São José dos Pinhais,
Pinhais, Campo Largo, Londrina, Maringá, Cascavel e Foz do Iguaçu.

SERVIÇO:
As unidades contam com horários de funcionamentos próprios e você pode consultar localização e horários através do site:
https://www.doffee.com.br/nossas-lojas
Facebook | Instagram: @doffee.donuts
Fotos: Divulgação.

Congelados de alta gastronomia dão sabor ao verão paranaense

A praticidade na cozinha é sempre bem valorizada, ainda mais para quem está de férias e não quer perder muito tempo em frente ao fogão – mas também não abre mão de uma refeição saborosa. Os congelados, que já foram vistos com maus olhos por perder qualidade e sabor dos alimentos, hoje contam com opções de alta gastronomia que ganham muito em qualidade e são fáceis de preparar. Das linhas fit até pedidas dignas de restaurante, há muitas opções.

A Ragú Rotisseria& Co. é uma empresa curitibana que entrou com tudo no mercado de ultracongelados. O cardápio variado da empresa, elaborado pela chef e restaurateur Fernanda Zacarias de Alencar, destaca insumos de alta qualidade e um preparo atencioso em entradas e pratos principais. Muitos dos pratos mais pedidos são apresentados no formato ultracongelado, cujo processo mantém intactas as propriedades do alimento sem alterar sabor nem apresentação.

Essa praticidade, já apresentada em Curitiba, também ganhou o litoral. Durante o verão, a empresa montou uma pop-up store em Caiobá. “Apresentamos nessa loja um grande linha de aperitivos, antepastos, massas, molhos, massas de forno, pratos prontos para a família e nossos PFs do dia a dia”, explica Bruna Loddo, sócia de Fernanda na Ragú. No site da Rotisseria, há dicas para preparo, além das sócias deixarem aberto um canal para tirar dúvidas sobre montagem de pratos, garantindo que a refeição congelada terá um tratamento de alta gastronomia.

As massas pré-prontas estão entre as mais pedidas, apresentadas em diferentes formatos. As recheadas vem em porções de 400 gramas que atendem duas pessoas, em sabores como Queijo Canastra, Brie & Damasco e Zucca (abóbora). Já massas lisas e gnocchi (como o Tagliatelle verde e o Gnocchi clássico de batata com rústico de tomate) são apresentados por quilo. O cliente adiciona o molho que preferir à massa, do Bechamel e do Funghi até o Creme de limão siciliano, vendidos também por quilo.

A linha PF Dia a Dia traz porções individuais de 350 gramas ultracongeladas. São escolhas que vão do PF de carne moída com arroz integral, legumes e feijão, ou ainda o Frango ao curry, arroz com castanha de caju e cenouras assadas até Bobó de camarão rosa com arroz branco e farofa de dendê. O menu tem diversas pedidas vegetarianas, como Canelone de ricota e espinafre ao molho sugo e bechamel e a Panqueca integral de legumes ao molho sugo.

Os ultracongelados da Ragú Rotisseria & Co. podem ser encontrados na loja de Curitiba (R. Francisco Rocha, 533 – Batel) e na praia de Caiobá, em Matinhos (R. Ipiranga, 192 – Praia Mansa). Mais informações no site ragurotisseria.com.br e ou no perfil oficial da marca no Instagram (@ragu.rotisseria).

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com