No Maracanã, Flamengo e Athletico duelam pelo Brasileirão

O Flamengo recebe o Athletico-PR neste domingo (4) no estádio do Maracanã em jogo válido pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. A partida, que começa às 16h, será mais um capítulo de uma rivalidade que cresceu no ano de 2019.

Rivalidade crescente

Em julho do último ano, o time do Paraná eliminou os cariocas nas quartas de final da Copa do Brasil em pleno Maracanã, triunfo que abriu caminho para o título. Porém, em fevereiro de 2020 foi a vez de o Rubro-negro dar o troco. O Flamengo fez 3 a 0 no Furacão e conquistou o título da Supercopa do Brasil.

Além disso, o sorteio dos confrontos das oitavas de final da Copa do Brasil desse ano colocou novamente frente a frente as duas equipes. O primeiro jogo será na Arena em Curitiba no final de outubro. E, no início de novembro no Maracanã, o Flamengo decide quem permanece vivo na competição.

Partida que vale muito

O jogo de logo mais pelo Brasileiro vale muito para as duas equipes. Vencendo a partida, o Flamengo, atual sexto lugar (com 18 pontos), pode encostar nas primeiras posições. Para o Athletico o jogo vale a sequência da campanha de recuperação do time no torneio. Se conseguir a terceira vitória seguida, o time chegará aos 17 pontos e ficará perto do G6 (zona de classificação à Libertadores de 2021).

Além da vitória de goleada de 4 a 0 sobre o Independiente del Valle (Equador), que classificou o Rubro-negro para as oitavas da Libertadores, a semana foi de outras boas notícias para os cariocas. Everton Ribeiro, Rodrigo Caio, Léo Pereira, Gustavo Henrique, Thuler, Arão, Renê, Gabriel Batista, Pepê e Gomes completaram, na sexta-feira, dez dias de quarentena. Assim, segundo o protocolo médico da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), estão liberados para o jogo desde que estejam assintomáticos. Assim, uma provável escalação do Flamengo para o confronto desta tarde é: Hugo; Isla, Rodrigo Caio, Léo Pereira e Ramon; Thiago Maia, Gerson, Everton Ribeiro e Arrascaeta; Bruno Henrique e Pedro.

Assim como o Flamengo, o Athletico também garantiu passagem para as oitavas da competição continental. A classificação veio com o empate em 0 a 0 com o Jorge Wilstermann (Bolívia).

Diante de uma verdadeira maratona de jogos, o técnico Eduardo Barros não descarta a possibilidade de colocar uma equipe alternativa, o que faz com que a provável escalação seja: Santos; Erick, Pedro Henrique, Lucas Halter e Abner; Jaime Alvarado, Christian, Jorginho e Ravanelli; Fabinho e Kayzer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dorival Júnior é demitido do comando do Athletico-PR após quatro derrotas seguidas

O técnico Dorival Júnior não é mais técnico do Athletico Paranaense. A demissão foi confirmada pelas redes sociais do clube.

Dentre as quatro derrotas consecutivas da equipe paranaense no brasileirão, Dorival só esteve presente em uma delas. O treinador havia sido afastado após ser diagnosticado com Covid-19 e retornou aos trabalhos nesta segunda-feira, antes do confronto diante do São Paulo.

Números de Dorival no comando do Furacão:

18 jogos
9 vitórias
3 empates
6 derrotas

Na sua opinião, foi justa a demissão de Dorival? Deixe seu comentário.

Athletico-PR é derrotado pelo São Paulo no Brasileirão

Em partida antecipada da 11ª rodada do Campeonato Brasileiro disputada, nesta quarta (26), no estádio do Morumbi, o São Paulo derrotou o Athletico-PR por 1 a 0 e assumiu a terceira posição do Campeonato Brasileiro.

O resultado foi muito importante para o técnico Fernando Diniz, que vem sendo muito pressionado pela torcida.

O gol da vitória foi marcado pelo atacante Luciano aos 19 do segundo tempo. Daniel Alves cobrou escanteio, Vinicius Mingotti desviou e Luciano, quase em cima da linha do gol, só teve o trabalho de escorar.

O São Paulo volta a jogar no próximo domingo (30), no clássico contra o Corinthians às 11h (horário de Brasília), já o Athletico só volta a entrar em campo na próxima quarta (2), contra o Bragantino.

Veja a classificação atualizada da Série A do Brasileiro.