Netflix divulga data de estreia da última temporada de ‘La Casa de Papel’; assista a prévia

A Netflix divulgou nesta segunda-feira (24), a data de estreia da última temporada de La Casa de Papel. A série espanhola chegará ao fim em duas partes, cada uma com cinco episódios: o volume 1 será lançado no dia 3 de setembro e o volume 2, no dia 3 de dezembro.

“Quando começamos a escrever a Parte 5, no meio da pandemia, sentimos que precisávamos mudar o formato tradicional de uma temporada com dez episódios. Por isso, usamos todas as ferramentas que tínhamos à nossa disposição para criar a sensação de um final de temporada logo no volume 1. Optamos por trabalhar um gênero muito mais agressivo, colocando La Banda em situações extremas. Já no volume 2, tentamos focar no estado emocional dos personagens. É uma viagem através dos sentimentos deles, o que nos conecta com a despedida”, conta Álex Pina, o criador da série.

A Netflix divulgou também a sinopse oficial da parte 5 de La Casa de Papel: “Já faz mais de 100 horas que a missão no Banco de Espanha começou. O grupo de assaltantes conseguiu resgatar Lisboa, mas não há motivos para comemorar – muito pelo contrário: o momento é de tensão e luto. O Professor foi capturado por Sierra e, pela primeira vez em sua vida, ele não tem um plano de fuga. E quando parecia que a situação não tinha como piorar, aparece um inimigo muito mais poderoso do que qualquer outro que já enfrentaram: o exército. O maior roubo da história está chegando ao fim – e aquilo que começou como um assalto está prestes a se transformar em guerra”, diz o texto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A Caminhada Noturna do Parque Vila Velha está de volta! Saiba como fazer o passeio

A Caminhada Noturna do Parque Vila Velha está de volta! No dia 24 de julho acontece o primeiro passeio do ano, os ingressos já estão à venda no site do parque e as vagas são limitadas.   

Os passeios serão realizados de maneira quinzenal, aos sábados de Lua Nova ou Lua Cheia. 

Foto: Sérgio Mendonça Jr

A experiência começa com um tour pelo sistema solar. Em seguida, começa a caminhada pela Trilha principal dos Arenitos, com parada para contemplação na Taça Vila Velha. Ao final do passeio, os visitantes podem observar o céu com telescópio no Centro de Visitantes, tudo com orientação de um especialista em Astronomia. ​

Foto: Sérgio Mendonça Jr

O restaurante do parque ficará aberto para que os visitantes possam se abastecer antes do passeio, já que não é permitido o consumo de bebidas e alimentos durante a caminhada. 

A Caminhada Noturna de Vila Velha é um passeio incrível e vale a pena conhecer. Os ingressos custam R$ 88  por pessoa. As informações completas estão no site do parque.

Serviço Caminhada Noturna Parque Vila Velha 

Data: 24 de julho

Ingressos: 88 reais por pessoa; acesse aqui! 

Museu de História Natural Capão da Imbuia reabre para visitação

O Museu de História Natural Capão da Imbuia volta a abrir ao público, com a flexibilização das restrições em relação à disseminação da covid-19. São permitidas, a partir de agora, dez pessoas simultaneamente no setor expositivo (interno) e 20 na Trilha das Araucárias (externa).

O uso de máscaras, o distanciamento social e a higienização frequente das mãos com álcool em gel são obrigatórios.   

O museu conta com áreas de exposições onde podem ser conferidos diversos ecossistemas e sua fauna. Entre os destaques, estão a floresta com araucária e o cerrado.

No ambiente marinho, um esqueleto de um filhote de orca é uma das atrações. Há ainda um local reservado para a mostra de animais taxidermizados (empalhados), como aves de rapina e animais em extinção.

Na área externa, está o Bosque Capão da Imbuia, com árvores nativas como a araucária e a árvore centenária que dá nome ao bairro, uma das poucas áreas remanescentes de floresta nativa na região. Os visitantes podem caminhar por toda a área sobre uma passarela metálica.

O museu faz parte da Rede Paranaense de Coleções Biológicas, o projeto Taxonline. Antes pertencente ao Museu Paranaense, é de responsabilidade da Prefeitura de Curitiba desde 1981.

Serviço: reabertura do Museu de História Natural

Endereço: Rua Benedito Conceição, 407, esquina com Rua Nivaldo Braga, Capão da Imbuia
Horário de atendimento: de terça a domingo, das 9h às 17h
Entrada: gratuita
Público permittido: 10 pessoas simultaneamente no setor expositivo (interno); e 20 pessoas na Trilha das Araucárias (externa)