Morte da Rainha Elizabeth: como falar sobre a perda dos avós para as crianças

Na última quinta-feira, 8 de setembro, morreu aos 96 anos a rainha Elizabeth II. A monarca foi a mais longeva da história britânica, completando 70 anos de reinado, e deixou oito netos e doze bisnetos. O falecimento da rainha desperta uma discussão: qual a melhor forma de abordar a morte de um parente querido com as crianças?

Muitas vezes, o luto é considerado um tabu dentro de uma família e não é exposto para as crianças. “A morte é algo natural e superar a dor de uma perda faz parte do desenvolvimento de todo o ser humano. Para os mais pequenos, como os bisnetos da rainha, o processo tende a ser ainda mais complexo, por isso, os pais geralmente têm muitas dúvidas sobre como abordar o tema”, afirma Filipe Colombini, psicólogo especializado em orientação parental e fundador da Equipe AT.

“Quando a questão é mal resolvida entre os adultos, os filhos também podem acabar enfrentando dificuldades para lidar com as emoções e mostrar sentimentos diante do falecimento de um ente querido.  Por isso, é importante não se esquivar desse tema com as crianças”, recomenda o psicólogo.

Veja a seguir as dúvidas mais comuns dos pais, esclarecidas pelo especialista:

*             Quando conversar sobre a morte com seu filho? “Apesar de ser uma conversa importante e necessária, o ideal é que os pais e familiares abordem o assunto à medida em que as questões forem levantadas pelos pequenos. Assim, é possível transmitir o que a criança realmente tem necessidade de saber, evitando sentimentos de ansiedade e medo”, explica Colombini.

*             Como abordar o assunto? “É importante que no momento da conversa seja levado em conta em qual fase de desenvolvimento seu filho está. Na primeira infância, a abordagem deve ser mais lúdica do que o conteúdo passado para crianças mais velhas, por exemplo”, diz o psicólogo. “Isso é essencial para não alimentar a imaginação dos pequenos com coisas que eles ainda não entendem”, conclui.

*             Devo levar meu filho a um enterro ou cremação? “O funeral é um rito que marca um término, dando um espaço importante para que alguns sentimentos relacionados ao luto, como tristeza e frustração, possam ser vivenciados. Porém, é importante ressaltar que é essencial respeitar os limites da criança, nunca obrigando seu filho a ir nesse tipo de evento”, afirma Colombini.

*             Devo procurar ajuda profissional? “Quando acontece a perda de alguém querido, um psicólogo pode auxiliar dando tanto apoio às crianças como orientação para os adultos da família. Esse amparo aos pais também é interessante para que os adultos lidem com o próprio luto e, assim, fiquem mais preparados para oferecer suporte aos seus filhos”, aconselha.

Mais sobre Filipe Colombini: psicólogo, fundador e CEO da Equipe AT, empresa com foco em Acompanhamento Terapêutico (AT) e atendimento fora do consultório, que atua em São Paulo (SP) desde 2012. Especialista em orientação parental e atendimento de crianças, jovens e adultos. Especialista em Clínica Analítico-Comportamental. Mestre em Psicologia da Educação pela Pontifícia Universidade Católica (PUC-SP). Professor do Curso de Acompanhamento Terapêutico do Grupo Interdisciplinar de Estudos de Álcool e Drogas – Instituto de Psiquiatria Hospital das Clínicas (GREA-IPq-HCFMUSP). Professor e Coordenador acadêmico do Aprimoramento em AT da Equipe AT. Formação em Psicoterapia Baseada em Evidências, Acompanhamento Terapêutico, Terapia Infantil, Desenvolvimento Atípico e Abuso de Substâncias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Projeto Minha idade não me define reúne mãe e filha na luta contra o etarismo

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), o total de pessoas com idade superior a 60 anos chegará a 2 bilhões até 2050, o que representa um quinto da população mundial. E em 2050, o Brasil ocupará a quinta colocação no ranking de países com maior número de idosos do mundo. Porém, por aqui, ainda é comum pessoas mais velhas serem vítimas de preconceito e discriminação. 

Aliás, quando o assunto envelhecimento se cruza com a pauta de gênero dentro do mercado de trabalho, o quadro é alarmante. De acordo com a pesquisa Global Learner Survey, realizada pela Pearson em parceria com a Morning Consult, 87% das mulheres entrevistadas acreditam que têm menos oportunidades do que homens no mercado de trabalho devido a gênero e idade, e outras 65% afirmam ser uma prioridade abordar e combater o etarismo dentro das organizações.

Dentro desta perspectiva e com o propósito de combater o ageísmo e os problemas que cercam o processo do envelhecimento, apontando caminhos e soluções para viver a fase com plenitude e o máximo de qualidade de vida, a psicanalista Sylvia Loeb, 78 anos, e sua filha, a jornalista Carla Leirner, 59 anos, criaram o projeto Minha idade não me define, que já conta com mais de 100 mil seguidoras em sua página no Instagram (@minhaidadenaomedefine) e está próximo de alcançar 7 mil no Linkedin.

Para completar, a dupla lançou a campanha #minhaidadenaomedefine, que se materializou com a venda de camisetas, que logo conquistaram uma legião de fãs. O movimento ecoa por todo o Brasil, com postagem de selfies em redes sociais, onde as simpatizantes e apoiadoras da hashtag vestem literalmente a camisa da marca. “Nós somos a prova viva de que sim, é possível não sermos encostadas e nem estarmos fora do jogo mesmo aos 78 e quase 60 anos”, afirma Sylvia. O movimento viralizou a tal ponto, que um dos posts no LinkedIn sobre o tema teve mais de 400 mil visualizações e a marca de cosméticos Natura entrou como parceira da iniciativa.

“Sentimos como se tivesse um grito engasgado, como se tivéssemos dado voz para mulheres e homens que pensam da mesma forma que a gente, e que também se incomodam com o fato de serem vistos apenas por suas idades. É uma coisa bem bacana o que conseguimos, afinal, não vendemos uma camiseta, vendemos uma ideia, e quando as pessoas ‘vestem essa camisa’ contribuem para ampliar o debate e derrubar barreiras”, concluem mãe e filha.

Nas suas redes sociais, a dupla aborda temas que envolvem toda a complexidade de assuntos que cercam a longevidade, como educação financeira, autoestima, sexo e transição de carreira. “O mais interessante do projeto é que falamos sobre a longevidade do ponto de vista de mãe e filha, ou seja, de duas gerações diferentes”, relata Carla. “A gente envelhece em todas as áreas: fisicamente, mentalmente e filosoficamente. O tempo passa e precisamos lidar com isso de forma geral, não só estética. O que a gente tem feito é ampliar essa conversa. ”

E estão ampliando mesmo. Prova é que embora o movimento tenha nascido para falar com mulheres acima dos 50 anos, a iniciativa acabou atraindo também o público 40+, que se identifica com as questões do ageísmo.

No radar da dupla estão o lançamento de workshops e de um livro, além de collabs com marcas que desejem abraçar a causa dos maduros.  “O mercado de produtos destinado ao público acima dos 60 anos ainda é pouco explorado no Brasil e as pessoas não encontram artigos de consumo adequados para essa fase da vida”, explica Carla Leirner.

Em tempo: mesmo movimentando hoje bastante dinheiro – R$ 1,8 trilhão em 2020, segundo o Instituto Locomotiva – ainda há poucos negócios criados ou adaptados para atender a economia prateada e toda a diversidade de demandas deste grupo que não para de crescer.

Sobre Carla Leirner e Sylvia Loeb, ativistas contra o ageísmo

Sylvia Loeb é psicanalista tem 78 anos e há cerca de 10 anos criou uma página no Facebook, chamada Sylvia Responde, como forma de responder a questões emocionais e afetivas dos seus seguidores. Lá, nascia o embrião que se transformaria no projeto Minha idade não me define, espaço para discussão sobre a velhice do ponto de vista de duas gerações. Hoje, ela divide seu tempo, entre o consultório e o projeto em parceria com sua filha.

Carla Leirner é jornalista e ativista da maturidade, tem 59 anos e faz parte do time de criadores de conteúdo do Linkedin. É consultora, curadora e produtora de conteúdo para marcas do segmento.

Acompanhe a dupla no Instagram e Linkedin: @minhaidadenaomedefine

SEST SENAT leva conscientização sobre Trânsito a 7 mil motoristas de todo o Paraná

O SEST SENAT, que possui 13 unidades operacionais no Paraná dentro do Sistema FETRANSPAR se prepara para fazer uma grande mobilização que visa atender perto de 7 mil motoristas em mais de 70 pontos estrategicamente espalhados por todos as regiões do Estado entre os dias 18 e 25 de setembro. A ação, faz parte das comemorações da Semana Nacional do Trânsito 2022 e leva o tema “Juntos Salvamos Vidas”.

As unidades operacionais presentes nas principais regiões paranaense juntam-se a outras dezenas, espalhadas pelo Brasil, e oferecerão diversas atividades gratuitas e de orientação a população geral e para profissionais em empresas privadas sobre como ‘todos podemos contribuir para a construção de um trânsito mais seguro nas estradas e dentro das cidades’. Motoristas também serão convidados a participar de atividades extras que os ajudarão a verificar sua situação de saúde e bem-estar.

Em diversos locais da mobilização, atividades como aferição de pressão arterial, testes de glicemia, saúde bucal, psicologia, nutrição e orientações sobre segurança no trânsito serão ofertados. “Contar com a saúde em dia também resulta em mais segurança para quem dirige, principalmente, quem faz deste ato a sua profissão. Por isso, queremos levar aos motoristas informações, conscientização e a ideia do dever que todos temos para alcançar um trânsito mais seguro”, diz o presidente em exercício da FETRANSPAR e do Conselho Regional do SEST SENAT no Paraná, Afonso Akioshi Shiozaki.

Muitas atividades serão realizadas em parceria com a iniciativa privada e com órgãos públicos com o intuito de trazer diversidade as mobilizações para a maior semana dedicada a conscientização do trânsito no Brasil. Na cidade de Guarapuava, a iniciativa da unidade operacional do SEST SENAT quer ajudar motoristas a atender melhor as necessidades que pessoas com dificuldade de locomoção possuem no dia a dia.

Será lançado no dia 20 de setembro pela unidade, o curso ‘I Capacitação para Transportes da Pessoa com Deficiência – Transportando Pessoas’, voltado para formar motoristas de transporte público e de aplicativos que circulam pelas ruas com pessoas com deficiência. Na grade consta palestras sobre a legislação, segurança no transporte, informações básicas de primeiros socorros, noções de libras e orientações sobre a ergonomia no transporte voltado a pessoas com deficiência.  Os participantes do evento terão certificação e ganharão o ‘Selo Amigo PD’ para identificação dos seus veículos.  

Na cidade de Maringá, um evento organizado pela OAB Maringá em parceria com o SEST SENAT e diferentes empresas traz inúmeros palestrantes de diferentes segmentos os quais vão dar sua visão sobre o trânsito contemporâneo e como todos podem agir para juntos salvar vidas. As inscrições podem ser feitas pelo link  oabmaringaeventos.com.br e as palestras ocorrem nos dias 21 e 22 de setembro.

Programação

Confira a programação completa das atividades do SEST SENAT Paraná entre os dias 18 e 25 de setembro.

Atividades ofertadas – Aferição de Pressão, Teste Rápido de Glicemia, Índice de Massa Corporal – IMC, Saúde Bucal, Psicologia, Fisioterapia, Auriculoterapia, Vacinação, Esportes e Lazer, orientações sobre cuidados para um trânsito mais seguro, simulador de impacto (cinto de segurança), simulador de capotamento, informações sobre como ter acesso aos serviços oferecidos pelo SEST SENAT e entrega de material de orientação.

CASCAVEL

21/09, das 13h30 às 17h30
Local: Posto Sabiazão 
Endereço: BR-277, KM 583 – Cascavel Velho, Cascavel

Mobilização – Atendimento e exames rápidos de saúde e conscientização da importância dos cuidados com a saúde para um trânsito mais seguro entre todos. Sensibilização de que todos somos responsáveis em fazer um trânsito mais seguro: atravessar as vias com segurança; utilizar os equipamentos de segurança e dirigir sempre descansado.

CURITIBA

25/09, das 13h às 18h

Local: Exposição Educativa – EXPEDECTRAN

Endereço: BR 277 – Parque Barigui – Curitiba/PR

FOZ DO IGUAÇU

19/09 – das 16h às 18h

Local: Abordagem ao pedestre na pista de Caminhada.
Endereço: Av. Paraná, próximo ao shopping JL – Foz do Iguaçu/PR

20/09 – das 8h às 12h e das 14h às 18h

Local: Terminal de Transporte Urbano (TTU)

Endereço: Av. Juscelino Kubitscheck, 1385 – Centro – Foz do Iguaçu/PR

22/09 – das 8h às 12h

Local: Ação com moto-taxistas na Ponte da Amizade

Endereço: Rua Santo Rafagnin, s/n – Próximo a saída da ponte da amizade – Em frente a base da PRF na aduana brasileira.

25/09 – das 8h às 12h

Local: Ação com os parceiros do PVT na Feirinha da JK

Endereço: 3º Pista da Av. Jk – Centro – Foz do Iguaçu/PR

Mobilização – Todas as ações da unidade serão incluídas na programação do Programa Vida no Trânsito (PVT) que conta com a participação de diversas instituições de atenção a segurança no trânsito (PRF, Policia Militar, Guarda Municipal, Foztrans, Sest Senat, entre outros).

FRANCISCO BELTRÃO

22/09das 8h30 às 12h e das 13h às 17h
Local: PRE Polícia Rodoviária Estadual

Endereço: Rodovia PR 483, s/n – Água Branca

Mobilização – Blitz educativa em parceria com a Polícia Rodoviária Estadual, Departamento de trânsito (DEBETRAN), aplicação do questionário P2R2 e avaliação veicular com o Programa Despoluir, além de palestras e dinâmicas educativas sobre a prevenção de acidentes de trânsito.

GUARAPUAVA

20 e 21/09 – das 7h30 às 12h e das 13h às 17h30
Local: Policlínica UniGuairacá Endereço: R. Sen. Pinheiro Machado, 571 – Alto da XV, Guarapuava – PR

I Capacitação para Transportes da Pessoa com Deficiência – TRANSPORTANDO PESSOAS

Mobilização – I Capacitação para Transportes da Pessoa com Deficiência – TRANSPORTANDO PESSOAS. Esta capacitação será voltada principalmente para os motoristas contratados pela prefeitura e para os motoristas de aplicativos que transportam pessoas com deficiência. O evento contará com palestras sobre a legislação sobre segurança no transporte, noções básicas de primeiros socorros, noções básicas de libras e orientações sobre a ergonomia no transporte voltados para o transporte de pessoas com deficiência.  Os participantes do evento terão certificação e ganharão o “Selo Amigo PDC” para identificação dos carros.

LONDRINA

21/09 – das 8h às 12h

Local: Posto da Polícia Rodoviária Federal – PRF  Ibiporã

22/09 – das 8h às 12h

Local: Parque de Exposições Gov. Ney Braga

Endereço: Av. Tiradentes, 6275 – Londrina – PR


Mobilização  – Durante a execução da Campanha na Transportadora Indiana serão levadas informações a respeito da Campanha Semana Nacional do Transito e Prevenção de Acidentes, bem como informações a respeito das atividades desenvolvidas pela Unidade Londrina nas seguintes Especialidades: Odontologia; Psicologia; Fisioterapia; Esportes e Lazer (Escolas de Esportes, etc); Desenvolvimento e execução de Treinamentos na área de Desenvolvimento Profissional. Nas rodovias serão levados ainda informações sobre os serviços ofertados pela unidade a comunidade.

MARINGÁ

16/09 – das 9h às 16h

Local: Posto Petrocafé

Endereço: Av. Colombo, 9796 – Chácaras Estilo, Maringá

19/09 – das 10h às 17h

Local: Praça Raposo Tavares

Abertura da Semana do Trânsito

Endereço:  Av. Brasil, 3640 – Zona 01

21/09 – das 9h às 17h

Local: Praça Raposo Tavares

Endereço:  Av. Brasil, 3640 – Zona 01

21/09 – das 18h45 às 22h

Local: OAB Maringá – Ciclo de Palestras

Endereço: Av. Pres. Juscelino K. de Oliveira, 970 – Zona 02 87010-440

22/09 – das 9h às 16h

Local: Praça da Igreja Matriz em Sarandi

Endereço: Praça Ipiranga – Sarandí/PR

22/09 – das 18h45 às 22h

Local: OAB Maringá – Ciclo de Palestras – Inscrições limitadas.

Endereço: Av. Pres. Juscelino K. de Oliveira, 970 – Zona 02 87010-440

Mobilização – Ciclo de palestras na OAB com a participação do Presidente em exercício da FETRANSPAR e do Conselho Regional do SEST SENAT no Paraná, Afonso Akioshi Shiozaki.

PARANAGUÁ

23/09 – das 7h30 às 11h e das 13h às 17h

Local: Em frente a Garagem da Viação Rocio

Endereço: Av. Gabriel de Lara, 189

PATO BRANCO

19/09 – das 9h10 às 10h30

Local: UNIDEP

Endereço: R. Benjamin Borges dos Santos, 1100

19/09 – 13h30           

Local VIBRA

Endereço – PR-493, KM 32

20/09 – 8h     

Local: UNIMED

Endereço: Rua Tamoio 253

21/09 – 13h30 e das 18h45 às 21h30

Local: UNIDEP

Endereço – R. Benjamin Borges dos Santos, 1100

22/09 – 19h30

Local: PREMEM

Endereço: R. Argentina, 724 – Jardim das Américas

23/09 – das 8h30 às 11h30

Local: SEST SENAT 

Endereço: Av. Tupi, 4278

16h30 às 18h30

Local: CANTU

Endereço: Rod BR 280 Km 215,3 Zona Rural

24/09 – 9h

Local: Coopertradição/TRANSCOOPER

Ponto de concentração de Passeio Ciclístico alusivo a Semana Nacional do Trânsito, que percorrerá rodovias estaduais e federais.

Endereço: Via do Conhecimento, 1911

24/09 – 14h   

Local: SEST SENAT – Passeio Ciclístico – com o apoio da PM, PRE, PRF e Depatran. Promoção da Patocycles MTB

Endereço: Av. Tupi, 4278

26/09 – 8h

Local: GRANISUL

Endereço: Av. Tupi, 4674

UMUARAMA

15/09 – das 13h às 18h

Local: Festa do Caminhoneiro Posto Três Cavalos

16/09 – das 8h às 18h – Festa do Caminhoneiro Posto Três Cavalos

Endereço: R. Manoel Ramires 582, Jardim Universitário – Umuarama PR

20 e 21/09 – das 17h30 às 21h

Local: Posto Maracaju dos Gaúchos

Endereço: Rod BR 163 KM 333 – Guaíra PR

TOLEDO

17/09 das 14h às 16h30

Local: Transportadora Estrela

Endereço: Unidade Operacional DN 126

21/09 – das 14h30 às 16h30

Local: Unidade Operacional DN 126

Endereço: Rua Dr. Cid Marcondes de Albuquerque, 415 – Jd. Panorama

23/09 – das 9h às 12h e das 13h30 às 16h30

Blitz Educativa

Endereço: Rua Dom Manoel da Silveira D Elboux

SANTO ANTONIO DA PLATINA

19/09 e 20/09 – das 14h às 17h

Local Posto Santa Rita

Endereço: Rod. BR 153, KM 38, Trevo BR153 com PR 092