Mortal Kombat dentro do Busão

Mortal Kombat dentro do Busão

Para requentar um pouco um vídeo das antigas, estava navegando por aí e encontrei essa velharia ótima! OLD BUT GOLD! Confira aí:

EUHEUHEUHEUEUHEUHEUHEEUHEUHEUHEHUE

Sugestões de vídeo? Envie para: busaocuritiba@hotmail.com 🙂

0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Biden: 600 milhões de doses de vacina estarão disponíveis até maio

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, afirmou nesta terça-feira (23) que, ao final de maio, 600 milhões de doses de vacina contra a covid-19 terão sido disponibilizadas aos americanos. Depois de anunciar na última semana que a meta de imunizar 100 milhões de pessoas em 100 dias foi cumprida antes do esperado, o presidente afirmou que um novo objetivo será estabelecido nesta semana.

Em evento na Universidade de Ohio sobre o pacote fiscal de US$ 1,9 trilhão, Biden afirmou que a vacinação antes do esperado foi possível graças às verbas liberadas pelo projeto, assim como o ato soberano sobre exportações do país. Além disso, o presidente afirmou, citando economistas, que a legislação deve criar 7 milhões de trabalhos e impulsionar o crescimento econômico.

Outro tema presente foi a celebração dos 11 anos do Affordable Care Act, conhecido popularmente como “Obamacare”. Biden defendeu o projeto e sua importância na expansão das redes de proteção de cuidados de saúde no país.

Informações Estadão Conteúdo

Nova York registra 1º infectado com variante brasileira da covid-19

ESTADÃO – O estado de Nova York, nos Estados Unidos, detectou o primeiro caso de paciente infectado com a variante P1 da covid-19, a nova cepa identificada inicialmente em território brasileiro. A informação foi divulgada neste sábado, 20, pelo governador Andrew Cuomo.

O caso foi identificado por cientistas do Hospital Mount Sinai, na cidade de Nova York, e verificado pelo Departamento de Saúde do Wadsworth Center Laboratories. O DOH está trabalhando com o Departamento de Saúde e Higiene Mental da cidade de Nova York para obter mais informações sobre o paciente e possíveis contatos.

Segundo comunicado, o infectado é uma pessoa de 90 anos, moradora do Brooklyn e que não possui histórico de viagens recentes. Ainda não se sabe como o paciente contraiu o vírus. “A detecção da variante brasileira aqui em Nova York ressalta ainda mais a importância de tomar todas as medidas adequadas para continuar a proteger sua saúde”, disse o governador.

De acordo com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA, 48 casos da variante brasileira estão em análise no país. O primeiro caso de contaminação pela variante P1 foi identificado em Minnesota, no dia 25 de janeiro.

A entrada de brasileiros nos Estados Unidos está proibida desde 29 de maio de 2020. A medida não se aplica, no entanto, a residentes do país, pessoas casadas com um cidadão americano e filhos ou irmãos de americanos menores de 21 anos.