Madalosso oferece descontos aos clientes que comprovarem vacinação contra Covid-19

Imunizados com a primeira e/ou segunda dose da vacina ganham 10% e 20% de desconto no restaurante

O tradicional restaurante curitibano Família Madalosso promove descontos aos clientes que estão vacinados com a primeira e/ou segunda dose da vacina contra Covid-19. Com a campanha “Família Madalosso diz sim para a vacina”, a partir da próxima quarta-feira (30), os imunizados que apresentarem o comprovante de vacinação ganham 10% com a primeira dose, e 20% na segunda. O desconto se aplica ao valor do rodízio (R$69) e acontece somente nas quartas-feiras, com prazo indeterminado. A promoção é válida exclusivamente para o cliente vacinado. 

Reprodução

Segundo a Família Madalosso, a vacinação é essencial para proteger o organismo contra doenças que ameaçam a nossa saúde em todas as idades, e agora, neste momento, ela é indispensável. Com isso, o restaurante apoia a vacinação em toda a população, além de estimular que outros restaurantes também entrem na campanha — já que o setor da gastronomia foi um dos mais afetados na pandemia. Até agora, 38,69% dos paranaenses foram vacinados com a primeira dose e 12,64%, com a segunda, de acordo o Ranking da Vacinação Contra a Covid-19 no Paraná. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compre 2 e pague 1: clube Prime Gourmet chega a Curitiba com desconto em experiências exclusivas

O Prime Gourmet, clube de descontos exclusivos e focado na experiência do cliente com parceiros de excelência, chegou em Curitiba.

O intuito do clube é proporcionar momentos únicos baseados na experiência de outros usuários do aplicativo em estabelecimentos ou serviços requintados da cidade. Ao comprar 2 experiências, o cliente paga apenas 1!

O Prime Gourmet funciona através de um aplicativo (que pode ser baixado na AppStore ou no PlayStore) com serviço e ofertas. É quase um Guia Gastronômico, Turístico e Hoteleiro que proporciona aos clientes uma variedade enorme de ofertas entre os melhores estabelecimentos comerciais de cada região.

O valor da assinatura promocional e exclusivo para Curitiba é de apenas R$ 100,00 por ano. As ofertas disponibilizadas pelos estabelecimentos parceiros são na modalidade de pague por um e ganhe outro do mesmo ou menor valor.

  • Na compra de um PRATO, ganhe outro de igual ou menor valor;
  • Na compra de um INGRESSO, ganhe outro de igual ou menor valor;
  • Na compra de uma DIÁRIA, ganhe outra de igual ou menor valor.

Leitores do Busão Curitiba ainda contam com um desconto adicional: R$ 10 ao ativar o plano anual com o código BUSAOCURITIBA. Com isso, a assinatura anual sai por apenas R$ 90, ou seja, apenas R$ 7,50 por mês de assinatura para aproveitar todos os descontos em Curitiba e região!

Experiências do Prime Gourmet em Curitiba

O aplicativo já conta com mais de 60 empresas parceiras em Curitiba. Algumas opções que o Busão Curitiba conferiu:

  • Mozarellart (compre uma burrata e ganhe outra)
  • Cervejaria Way (compre 1 ingresso e ganhe outro)
  • Clube Doce (Box de doces)
  • Ahmed Kmeshi (Tour fotográfico nos pontos turísticos de Curitiba)
  • Cooktop CWB (Deguste de vinhos com sommelier)
  • SPA Bewll (Argiloterapia)
  • Calango Expedições
  • Boiacross na Serra do Mar
  • Mister Dea Restaurante
  • Don Andreatta Hamburgueria
  • Emporium Schmitz no Vila Yamon
  • Hotel Intercity
  • Transfer para o Aeroporto Afonso Pena com a Bob Receptivos
  • Entre outras

Sobre o Prime Gourmet

O Prime está atualmente em 17 cidades espalhadas por todo o Brasil, – além de oferecer parcerias no Paraguai e Argentina. No Paraná atua há dois anos em Foz do Iguaçu, contando na região da tríplice fronteira com mais de 150 parceiros da área gastronômica, hoteleira e de entretenimento.

O Prime Gourmet oferece descontos para passeios, gastronomia e hotelaria em Curitiba e região💛😎
O Prime Gourmet oferece descontos para passeios, gastronomia e hotelaria em Curitiba e região💛😎

Mais informações:
SITE: linktr.ee/primegourmetcwb
INSTAGRAM: @primegourmetcuritiba
WHATSAPP: +55 45 2102-7768 ou bit.ly/PRIMEGOURMETPR

Três em cada quatro cidades paranaenses já vacinam a faixa dos 30 anos contra a Covid-19

Um levantamento realizado pela Secretaria de Estado da Saúde junto aos 399 municípios nesta quinta-feira (22) mostra que 304 (76%) municípios paranaenses estão vacinando o público em geral na faixa dos 30 a 39 anos, conforme o calendário divulgado em meados de junho. Isso significa que três em cada quatro cidades paranaenses estão imunizando a população dentro do mesmo intervalo, conquistando, juntas, novos públicos.

Outras 16 cidades (4%) já avançaram nesta faixa e estão imunizando cidadãos de 18 a 29 anos. Isso foi possível por causa da quantidade de grupos prioritários nesses municípios, o que naturalmente adiantou a imunização. E apenas 79 ainda estão acima de 40, sendo que 48 delas estão vacinando entre 40 e 41 anos, projetando alcançar a faixa dos 30 até o fim dessa semana.

Em todo Estado, a média geral de idade é de 36,3 anos, mas ela deve cair rápido porque os municípios começam a aplicar nesta quinta suas cotas das 377.505 doses enviadas na quarta-feira (21). De acordo com o calendário do Governo do Paraná, a meta é que até setembro toda a população acima dos 18 anos esteja vacinada com a primeira dose.

“Com as doses recebidas nesta semana, iremos avançar na vacinação do público geral, o que temos feito de maneira exemplar. O Paraná é o 5º estado que mais imunizou no País. A agilidade logística do Estado em distribuir os imunizantes para os municípios e ações de incentivo como a campanha De Domingo a Domingo, além do esforço ininterrupto das prefeituras, são alguns dos motivos para o sucesso da vacinação com as doses já disponibilizadas”, disse o secretário estadual de Saúde, Beto Preto.

“Com exceção de casos excepcionais, de cidades em que boa parte da população foi atendida dentro das prioridades elencadas pelo Ministério da Saúde, há uma uniformização na aplicação dos imunizantes, com a maioria dos municípios vacinando a mesma faixa etária. É o que sempre buscamos desde o início: equilíbrio e agilidade para os paranaenses”, completou o secretário.

Ele ainda disse que com a nova metodologia de distribuição a expectativa é de aproximar mais as faixas etárias.

Até a manhã desta quinta-feira (22), os municípios paranaenses já aplicaram 7.265.955 doses, sendo 5.323.744 com a primeira dose e 1.942.211 com as duas doses da vacina ou a dose única.  O Paraná também é o 3º que mais imunizou a chamada população em geral, que não entrou em nenhum grupo prioritário, atrás apenas de São Paulo e Rio de Janeiro, e o 5º lugar em população totalmente protegida, um em cada cinco cidadãos.

IDADE – Dos 399 municípios, apenas 78 ainda vacinam a população acima dos 40 anos, com Nova Tebas (48) e Altamira do Paraná (47) com as idades mais altas. Outras 16 cidades paranaenses já estão vacinando a população abaixo dos 29 anos, com Santa Cecília do Pavão (18), Guaraqueçaba (18) e Antonina (18) na outra ponta.

A maioria dos municípios mais populosos do Paraná está na faixa dos 30: Curitiba (38), Londrina (39), Maringá (35), Ponta Grossa (36), Cascavel (33), São José dos Pinhais (38), Guarapuava (33) e Colombo (36). Todos já anunciaram novas reduções com a distribuição das novas doses, avançando a novos públicos.

Apenas Foz do Iguaçu (28) e Paranaguá (22) estão mais adiantadas, a primeira por conta da estratégia de controle de variantes na fronteira, a segunda pela quantidade de grupos prioritários na população, como portuários, vacinados anteriormente. 

“É muito importante que toda a população esteja atenta ao chamado dos municípios para a vacinação, estamos tendo baixas tanto na ocupação de leitos como na taxa de transmissão em todo Estado, isso é reflexo do avanço da vacinação, aliada às medidas protetivas como o uso da máscara e do álcool em gel e distanciamento social”, acrescentou o secretário.   

MAIS DOSES – O Ministério da Saúde anunciou nesta quinta-feira (22) que tem mais de 3,5 milhões de doses em estoque para enviar aos estados nos próximos dias. São 1,03 milhão de AstraZeneca/Oxford, pela Covax Facility, 1,05 milhão de Pfizer/BioNTech e 1,5 milhão de Coronavac/Butantan.

Confira o levantamento completo AQUI.