Imagens da queda do avião no Bacacheri


Um avião comercial de pequeno porte caiu na esquina da Rua Nicarágua com a Álvaro Botelho, em Curitiba, na tarde deste sábado (30), ao lado do Aeroporto Bacacheri. Segundo informações da Força Aérea Brasileira (FAB), o monomotor Cessna 177 Cardinal apresentou um problema mecânico e, logo depois de decolar, tentou fazer um pouso de emergência, mas não conseguiu.

“Nós ainda não sabemos a origem do problema, apenas que o piloto não entrou em contato com a torre para informar o que estava acontecendo, provavelmente porque acreditou que poderia realizar o pouso. E foi tudo muito rápido”, explicou o tenente-coronel  Santos, da FAB, em entrevista à Banda B. Segundo testemunhas, o monomotor, que seguia para Londrina, foi caindo aos poucos e chegou a atingir uma árvore, um carro e um poste antes de cair. Ao bater em uma casa, com o impacto, acabou explodindo. As moradoras da residência não ficaram feridas.

De acordo com o plano de voo do Cessna, quatro pessoas estariam na aeronave. O piloto e o auxiliar morreram, enquanto um passageiro foi encaminhado de helicóptero para o Hospital Evangélico em estado gravíssimo, com risco de morte. O quarto e último tripulante sofreu apenas machucados leves e foi levado para o Hospital do Trabalhador.

(Fonte: Banda B)

Mais um vídeo:

Nossos sinceros sentimentos às famílias das vítimas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Câmara de Curitiba aprova suspensão de reajuste e limita correção do IPTU em 2022

O projeto da Prefeitura que adia a revisão da Planta Genérica de Valores e garante que o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) não sofra reajuste em 2022 foi aprovado, por unanimidade, nesta segunda-feira (06/12) em primeiro turno na Câmara Municipal de Curitiba (CMC). A proposta, que recebeu 38 votos favoráveis, será votada em segundo e último turno nesta terça-feira (07/12).

Confirmada a aprovação, a atualização da Planta Genérica de Imóveis fica adiada para outubro de 2022, sendo que o reajuste que será aplicado valerá para 2023.

Dessa forma, os reajustes que estavam em vigor nos últimos anos, de 4% para imóveis residenciais, e de 7% para terrenos (mais a inflação), não serão praticados no IPTU 2022, que terá apenas a correção pela inflação, medida pelo IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo).

A revisão da Planta Genérica de Valores atualizaria o valor venal dos imóveis da cidade, de acordo com o mercado. Com isso a cobrança do IPTU poderia variar acima da inflação para aqueles imóveis com valor venal defasado.

“A atual pandemia de Covid-19 teve repercussão no campo econômico, diminuindo a renda de muitas famílias e a receita de muitas empresas, que foram obrigadas a paralisar suas atividades. Fazer essa correção, neste momento, traria inúmeros prejuízos para população”, diz a mensagem da Prefeitura no projeto.

A revisão da Planta Genérica é prevista pela legislação. A Lei Complementar nº 40, de 18 de dezembro de 2001 determina, no § 2º do art. 36, que o Poder Executivo deve encaminhar ao Poder Legislativo, até o dia 15 de outubro do primeiro ano do mandato, projeto de lei com proposta de atualização dos valores unitários de metro quadrado de construção e de terrenos, constantes na Planta Genérica de Valores Imobiliários

No entanto, a valorização imobiliária observada nos últimos quatro anos e a entrada em vigor da nova Lei de Zoneamento, em agosto de 2020, provocaram consideráveis alterações na ocupação urbana, com reflexos diretos no valor venal dos imóveis na capital.

Banda da Guarda Mirim do Paraná faz Concerto de Natal no sábado (11)

A Banda Marcial da Guarda Mirim do Paraná – Mudart apresenta neste sábado (11), o seu tradicional especial concerto de Natal. A atração é gratuita e ocorre a partir das 19:30, na sede do Colégio Estadual Guarda Mirim (Avenida Anita Garibaldi, 2395 – Curitiba).

O repertório da apresentação, sob regência do maestro Kevin Moltocaro, contará com músicas variadas de estilo natalino e religioso, além de apresentação do corpo coreográfico. O concerto ocorre após dois anos de pausa devido a pandemia.

Presença em diversos eventos cívicos e competições, a Banda Marcial da Guarda Mirim do Paraná é uma das bandas marciais mais tradicionais do Brasil, já sendo premiada em diversas competições Brasil agora. Em mais de 20 anos de estrada, o grupo já esteve em apresentações em vários estados brasileiros e também no Chile.

A BMGM-Mudart é parte da Guarda Mirim do Paraná, instituição com mais de 50 anos de atuação. Hoje vinculado à Secretaria de Estado da Educação (Seed-PR), o colégio possibilita a jovens de ambos os sexos, com idade entre 14 e 18 anos, residentes em Curitiba e/ou nos municípios que compõem a sua Região Metropolitana, o ingresso formal no mundo do trabalho através da aprendizagem.