Estado lança programa de arrecadação de brinquedos para crianças em vulnerabilidade

O Governo do Estado, por meio da Superintendência Geral de Ação Solidária, lança nesta quinta-feira (9) a nova edição da campanha Paraná Piá, voltada a arrecadar brinquedos novos para crianças em condição de vulnerabilidade social. Também será opcional a doação de roupas e calçados (peças de vestuário em geral) novos. O objetivo é transformar a realidade de pequenos paranaenses até o Dia das Crianças, comemorado em outubro.

Os pontos de coletas estão localizados em 40 quartéis do Corpo de Bombeiros de todas as regiões do Estado (confira os endereços AQUI). As arrecadações serão destinadas, por lotes, para as Secretarias Municipais de Assistência Social conforme os critérios estabelecidos pela campanha. A Defesa Civil também colabora com a organização e ajudará na distribuição dos donativos.

“Com o avanço da vacinação contra a Covid-19 muitas famílias estão voltando ao convívio social, mas por outro lado, muitas delas, que já vivem em situação de vulnerabilidade social, estão sentindo ainda mais os impactos causados pela pandemia, tanto econômico, como familiar e emocional. Para muitas delas, um presente pode ser capaz de amenizar a dor, o sofrimento e a saudade”, disse a presidente do Conselho de Ação Solidária e primeira-dama do Paraná, Luciana Saito Massa. 

“A campanha Paraná Piá vem para fazer um Dia das Crianças mais especial para quem tanto precisa. Está em nossas mãos transformar o futuro destas crianças”, acrescentou.

As bolas, bonecas, super-heróis, carrinhos, dinossauros, jogos de tabuleiro e demais brinquedos que forem arrecadados serão selecionados e higienizados, assim como as peças de roupa.

2020 – No ano passado, a campanha arrecadou mais de 15 mil brinquedos novos ou usados para celebrar o Dia das Crianças em meio à chegada da pandemia. Os 8.185 kits de brinquedos montados a partir das doações foram entregues a crianças de 0 a 12 anos internadas, em tratamento ambulatorial ou que realizaram consultas pelo Sistema Único de Saúde (SUS) dentro de hospitais da rede pública, universitária e filantrópica do Paraná. A campanha alcançou 119 hospitais de 90 cidades.

Confira o vídeo da campanha de 2021

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Corpo de Bombeiros abre 167 vagas em curso de guarda-vidas civil voluntário para temporada

O Corpo de Bombeiros do Paraná vai disponibilizar 167 vagas para o curso destinado a pessoas que queiram trabalhar como guarda-vidas civil no Litoral e nas regiões Noroeste e Oeste do Estado na temporada de verão 2021/2022. A inscrição para a capacitação é gratuita e deve ser feita no site da corporação até às 12h do dia 15 de outubro de 2021.

Os guarda-vidas civis atuarão como reforço ao trabalho dos bombeiros militares na prevenção de ocorrências e no atendimento a afogamentos no mar, rios e lagos.

Das 167 vagas, 90 são para os municípios litorâneos de Matinhos, Guaratuba e Pontal do Paraná (30 vagas para cada município), 30 vagas para a região de Paranavaí (Noroeste), 25 para Foz do Iguaçu (Oeste), 12 para Umuarama (Noroeste) e 10 para Morretes (Litoral).

Na inscrição o candidato deve apontar onde quer fazer o curso. Para efetivar a inscrição é necessário ter entre 18 e 50 anos, ser brasileiro nato, ter concluído o Ensino Médio até a data de término das inscrições (15 de outubro) e não possuir antecedentes criminais.

ETAPAS  A seleção será dividida entre as etapas de inscrição, exame de capacidade física e entrega de exames, documento e matrícula. Concluídas essas fases, a previsão de início da etapa de instrução é no dia 16 de novembro. O estágio operacional ocorrerá a partir do dia 10 de dezembro.

As datas do cronograma podem ser alteradas pelo Corpo de Bombeiros em edital à parte e cabe aos candidatos acompanhar o andamento do concurso no site oficial da instituição.

No período de estágio, o guarda-civil voluntário receberá o uniforme e uma ajuda de custo para cobrir despesas de alimentação e hospedagem no valor de R$ 100,00 por dia trabalhado.

UEL abre inscrições para o Vestibular 2022 na próxima segunda-feira

A Universidade Estadual de Londrina (UEL) abre nesta segunda-feira (20), a partir das 17 horas, as inscrições para o Vestibular 2022, que será realizado, excepcionalmente, em fase única, dia 6 de março, com salas de provas distribuídas em escolas e faculdades em Londrina. Serão ofertadas 3.125 vagas em 52 cursos de graduação presenciais. As inscrições custam R$ 140,00 e podem ser feitas no portal da Coordenadoria de Processos Seletivos (COPS) até as 23h59min do dia 3 de novembro.

Das 3.125 vagas, 2.509 são ofertadas para ingresso pelo Vestibular. As outras 616 vagas são disponibilizadas por meio do Sistema de Seleção Unificada (SISU). A primeira convocação dos aprovados no Vestibular 2022 será divulgada em 19 de abril, ao meio-dia. As aulas do ano letivo 2022 terão início em agosto do próximo ano.

Segundo a professora Sandra Garcia, Coordenadora da Cops, o Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão decidiu em julho seguir o modelo adotado no último concurso, realizado em 30 de maio deste ano. A prova será aplicada em um único dia, dividida em duas partes, sendo a primeira com 36 questões objetivas sobre Conhecimentos Gerais relacionados ao conteúdo do Ensino Médio; 10 testes de Língua Portuguesa e Literatura em Língua Portuguesa e quatro de Língua Estrangeira (Inglês, Espanhol ou Francês). A segunda parte será composta pela redação, uma produção textual em prosa.

Inscrições do Vestibular 2022 da UEL começam na próxima segunda-feira, dia 20 – LOndrina, 16/09/2021 – Foto: UEL

A expectativa é de mais de 27 mil inscritos, mesmo número de candidatos registrados este ano. Segundo a professora, o otimismo está relacionado ao bom desempenho da UEL nos rankings que atestam a qualidade do ensino e no trabalho realizado pela equipe de aplicação e fiscalização do último Vestibular.

Como na edição deste ano, para ter a redação corrigida os candidatos terão de alcançar pelo menos 26% da pontuação total na parte de Conhecimentos Gerais, Língua Portuguesa e Literaturas em Língua Portuguesa e em Língua Estrangeira. A duração da prova também será de cinco horas, uma a mais do que nos anos anteriores, quando a prova era realizada em duas etapas.

PREVENÇÃO – A Coordenadora da Cops orienta que o concurso do próximo ano, mesmo com a intensificação da imunização contra a Covid-19 na população brasileira, será realizado de acordo com as regras sanitárias exigidas. Serão menos alunos nas salas de provas. Em 2021 foram utilizadas 1.439 salas em 64 locais distribuídos em Londrina – escolas públicas e privadas, faculdades e o campus da UEL.

As recomendações serão as mesmas deste ano. Os candidatos deverão portar mais de uma máscara e levar as garrafas para se abastecer de água durante a prova. Também será incentivado o uso individual de álcool para desinfecção das mãos. “Se houver qualquer alteração vamos comunicar os estudantes”, afirma a professora.

CADASTRO PRÉVIO – A COPS divulgou novo procedimento que trará mais segurança aos dados dos candidatos a partir do Vestibular 2022. Durante as inscrições, a partir desta segunda-feira, no site COPS, eles deverão fazer um cadastramento prévio, com login e senha. A medida segue a Lei de Proteção de Dados e visa proteger as informações e dados pessoais dos vestibulandos. Para o cadastro, o candidato deverá anexar uma foto da identidade (RG) e definir uma senha de acesso.

MANUAL DO CANDIDATO – Os estudantes já podem acessar o Manual do Candidato a partir desta quinta-feira (16), antes mesmo da abertura das inscrições. O documento está disponível no site da COPS – Manual do Candidato – e traz todas as informações relativas ao processo do Vestibular 2022 como cronograma de datas, peso de cada matéria, oferta de vagas por curso e recomendações para o estudante participar do Vestibular pelo processo excepcional, em fase única, com toda a segurança.