Estado e Prefeitura firmam parceria para iluminar o Contorno Sul

O Governo do Estado do Paraná e a Prefeitura de Curitiba serão parceiros na implantação do sistema de iluminação pública do Contorno Sul. A parceria foi firmada e lançado o edital de licitação nesta segunda-feira (27/9), no Palácio Iguaçu, pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior e pelo prefeito Rafael Greca. 

O processo licitatório seguirá o Regime Diferenciado de Contratação (RDC), que permite que o projeto e a execução da obra sejam contratados em uma única licitação, pelo menor preço oferecido. A previsão é que os serviços comecem em 120 dias. 

Porção da BR-376 que se interliga com outras rodovias federais – BR-277 e BR-476 – e com a rodovia estadual PR-421, a estrada serve de desvio para o tráfego e cruza bairros da região sul, como a Cidade Industrial de Curitiba (CIC), Pinheirinho e o Tatuquara. 

Postes e luminárias de LED serão instalados numa extensão de 14,6 quilômetros do Contorno Sul (BR-376), inclusive suas alças e interseções, no trecho compreendido entre o quilômetro 587 – no entroncamento com a BR-277 (acesso oeste para Curitiba), e o quilômetro 602 – no entroncamento com a BR-116 e a BR-476 (Pinheirinho).

“A região muito populosa e de alta força econômica agora terá mais luz gastando menos energia, porque o sistema será de LED. A nova iluminação evitará acidentes e multiplicará a segurança do Contorno Sul”, disse Rafael Greca.  

A nova iluminação garantirá mais segurança e conforto aos motoristas, passageiros e pedestres que costumam transitar pela via. Em média, 60 mil veículos usam o trecho diariamente e, por ano, são registrados cerca de 250 acidentes.

Aproximadamente, 30% dos veículos que trafegam pelo Contorno Sul são caminhões e ônibus.  

“Estamos falando de uma artéria importantíssima para Curitiba e para o Paraná que, sem dúvida, está sobrecarregada. Queremos com essa nova iluminação melhorar o aspecto estético mas, principalmente, garantir segurança aos usuários, reduzindo o número de acidentes, de assaltos e óbitos”, afirmou o governador Ratinho Junior.

A colocação de luminárias na via também aumentará a eficiência da sinalização e a segurança, ampliando a possibilidade dos motoristas e dos pedestres de visualizar o perigo com antecedência. A iluminação com equipamentos de LED também aumenta a sensação de conforto visual, pois garante melhor visibilidade para os condutores nos períodos noturnos.

Elaboração e execução do projeto

A cargo da elaboração e da execução do projeto estarão a Coordenação de Região Metropolitana de Curitiba (Comec), representada no ato de assinatura do termo de cooperação pelo seu diretor-presidente, Gilson Santos, e a Secretaria Municipal de Obras Públicas, que foi representada pelo titular da pasta, Rodrigo Rodrigues. 

Com a experiência da substituição de 65.048 pontos de iluminação por LED em todas as regiões de Curitiba, o secretário de Obras citou que os equipamentos consomem 50% menos energia e tem uma vida útil de 50 mil horas ou até 6 anos. As luminárias de LED têm a luz direcionada, o que aumenta o aproveitamento luminotécnico e as torna mais eficientes.  

“São equipamentos que geram baixa necessidade de manutenção. O sistema em implantação em Curitiba desde 2019, já chegou a registrar uma queda de 25% nas solicitações de conserto feitas pela população por meio da Central de Atendimento 156”, apontou Rodrigo Rodrigues. 

Também estavam presentes o secretário-chefe da Casa Civil, Guto Silva, o secretário de Estado do Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas, João Carlos Ortega, o secretário municipal de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Curitiba, Leverci Silveira Filho, o vereador Mauro Ignácio, o presidente da Associação das Empresas da Cidade Industrial de Curitiba (AECIC), Alaides Francisco de Oliveira, e o diretor Administrativo da entidade, João Barreto Lopes. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pista Municipal de BMX recebe novas bicicletas para aulas gratuitas

A Pista Municipal de BMX da Prefeitura, no Parque Olímpico do Cajuru, recebeu novas bicicletas e equipamentos para serem usados nas aulas gratuitas de BMX do projeto Escola+Esporte=10 (EE10). Foram entregues, nesta quinta-feira (21/10), 31 novas bicicletas e 20 capacetes.

Os equipamentos foram comprados com recursos do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comtiba) da Fundação de Ação Social (FAS). 

A pista com padrões internacionais foi inaugurada em junho e desde o início de agosto oferece aulas gratuitas para crianças e adolescentes do projeto EE10 e para a comunidade aos fins de semana. 

Para participar, os interessados devem conferir turmas e horários disponíveis no portal Curitiba em Movimento e também disponível no Curitiba App. Informações sobre horários de aulas também podem ser conseguidos pelo telefone do Núcleo Regional do Cajuru da Smelj, no 3221-2353, ou pelo 3221-2484.

A entrega das novas bicicletas foi acompanhada pelo vice-prefeito Eduardo Pimentel, e pelo secretário municipal do Esporte, Lazer e Juventude, Emilio Trautwein. 

Parque Olímpico do Cajuru

O endereço do Parque Olímpico do Cajuru é Rua Rivadávia Fonseca de Macedo, 510, Cajuru. Além da Pista Municipal de BMX, o complexo esportivo conta com campos de futebol de areia, de rua e americano, quadra de futebol de salão, academia ao ar livre, área de treinamento de atletismo, um estádio municipal de beisebol e softbol, pista de caminhada e canchas de voleibol.

Nissei vai aplicar vacinas contra a H1N1 gratuitamente a partir dessa quinta-feira (21)

Nessa quinta-feira (21), a Rede de Farmácias Nissei inaugura mais uma sala de Serviços Avançados Nissei (SAN). A unidade está localizada no Ventura Shopping. Para marcar a data, a Nissei vai aplicar gratuitamente 1.674 doses de vacinas tetra contra a gripe H1N1. Além da nova sala do Ventura, a aplicação também poderá ser feita nas farmácias 24h dos bairros Bacacheri, Hauer, Portão e Seminário

Os interessados devem se cadastrar e agendar um horário no site da Nissei (https://www.farmaciasnissei.com.br/influenza-tetra-gripe-influvac-tetra), escolhendo a loja onde será realizada a imunização. 

A vacina tetraviral do vírus Influenza tem indicação de aplicação anual, pois o imunizante passa por atualização constante, realizada por conta das cepas variantes. Pessoas acima dos seis meses de idade, sem restrição, podem receber a vacina.