Curitiba segundo o MasterChef Brasil

MasterChef não é nenhuma novidade que vem sendo febre no Brasil há algum tempo já. Então pensei, que tal usar alguns memes para descrever comportamentos curitibanos? Veja no que deu:

Me convidam pra comer uma coxinha da Dois Corações

Uma das tradicionais lanchonetes aqui de Curitiba e sua coxinha recheada com frango e catupiry é algo de outro mundo.

Quando a pessoa fala “salsicha”

Claro que respeitamos quem fala salsicha, mas que fique dito: O CERTO É VINA!

Anunciam que vai começar a feirinha da Praça Osório

Comer um pastel e tomar um quentão no inverno é uma das melhores emoções que um curitibano pode viver. Quem já foi na feirinha da Osório, sabe o que estou falando.

Fontana, Tubão ou Campo Largo?

Para quem nunca tomou, fique a vontade. Mas lembro a todos que sou adepto ao tubão.

Quer comer Rollmops?

O “sushi curitibano” é algo realmente estranho. Muitos dizem que não é daqui, mas incorporamos a nossa cultura gastronômica. Normalmente você encontra esta iguaria em bares de baixíssima gastronomia (para mim os melhores).

Último ônibus está saindo e você está com os(as) amigos(as)

Para quem viveu uma situação dessas já sabe. Você sem dinheiro, voltando de um rolê e o último ônibus está quase saindo. O Madrugueiro só daqui uma hora, não aguenta mais e precisa ir pra casa.

Estaciono o carro na rua e falo que não tenho dinheiro pra dar

Vivemos sempre uma situação dessas nas ruas de Curitiba, principalmente em ruas com mais fluxo de pessoas. Os guardadores surgem do nada e querem que você dê “5 reais bem cuidado”, pagando adiantado e no fim da noite não estão mais lá. Não é nenhuma obrigação você dar e muitas vezes não tem dinheiro, fazer o quê?

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.