Conheça as histórias e origem da Boca Maldita de Curitiba

Senta que lá vem história! A Boca Maldita, no centro de Curitiba, é local de passagem de milhares de pessoas no dia-a-dia, mas principalmente, é um lugar de encontros, comemorações e protestos. Mas, você conhece a origem da Boca Maldita?

Tudo começou no final da década de 50, quando alguns profissionais, políticos e empresários das mais diversas áreas – todos homens – se reuniam no local para jogar conversa fora, falar sobre o desenvolvimento da cidade e o cenário político do país. Nos encontros do grupo eram abordados os mais diversos temas, principalmente aqueles que eram destaques nos jornais da época.

Em 13 de dezembro de 1956, os encontros na Boca deram origem a uma confraria e seus frequentadores passaram a ser conhecidos como os “Cavaleiros da Boca Maldita de Curitiba”. Um dos maiores eventos organizados pela confraria era o seu tradicional Jantar Anual, onde eram entregues as comendas “Cavalheiro da Boca Maldita”, aos nomes que se destacavam na vida pública paranaense e brasileira.

Foto: Arquivo

A institucionalização do grupo de conversas, no calçadão da Rua das Flores, se deu em 13 de dezembro de 1966, quando houve a criação dos estatutos, com o lema: “nada vejo, nada ouço, nada falo”. O nome, Boca Maldita, foi dado por Adherbal Fortes de Sá, um dos grandes nomes do jornalismo paranaense. 

Foto: Arquivo

Além de apoiar programas beneficentes e sociais, a confraria tinha participação ativa na política. Em uma entrevista de 1997 para a coleção de livros Memória Paranaenses, o fundador e presidente vitalício da Boca Maldita, Anfrísio Siqueira disse: “A confraria existe para debater e criticar tudo e todos sem qualquer restrição, expressando as vontades e indignações populares. […] É principalmente um local de troca de informações, onde as pessoas ficam sabendo de tudo que acontece na cidade e ainda acontecem trocas de diferentes ideias”.

Comício pelas ‘Diretas Já’ — Foto: Arquivo/ Secretaria Municipal de Cultura de Curitiba

A Boca Maldita foi palco do primeiro comício das Diretas-Já e da caminhada dos cara-pintadas do Fora Collor, um ponto de encontro usado para protestar, comemorar ou discutir os assuntos da cidade e do estado. E essa tradição se mantém até hoje, o local ainda recebe reuniões políticas, sociais e culturais. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ruínas de São Francisco recebem O Grande Circo Místico na próxima semana

Cenário e palco do balé O Quebra-Nozes até o próximo domingo (12/12), as Ruínas de São Francisco recebem na próxima semana mais uma atração do Natal de Curitiba – Luz dos Pinhais 2021. O  espetáculo O Grande Circo Místico, com letras e músicas de Chico Buarque e Edu Lobo, terá apresentações ao ar livre no espaço da Prefeitura de segunda a quarta-feira (13 a 15/12), às 20h. 

As apresentaçãos de O Grande Circo Místico serão gratuitas e não será necessário fazer agendamento. 

Com arranjos vocais e instrumentais criados especialmente para a montagem, O Grande Circo Místico irá reunir um elenco de atores, cantores, bailarinos e instrumentistas. O espetáculo conta a história do grande amor entre um aristocrata e uma acrobata do Grande Circo Knieps, que vagava pelo mundo nas primeiras décadas do século 20. 

“O Circo Místico tem a beleza das músicas de Chico e Edu, misturadas com a magia do circo. Este espetáculo leva ao público a potência da música brasileira e encanta as pessoas pela arte”, convida o diretor e produtor Rodrigo Fornos. 

O cenário de O Grande Circo Místico nas Ruínas será composto ainda pela árvore de Natal de luz ao lado do palco e a iluminação do Belvedere da Praça João Cândido, ao fundo.

A obra original foi criada para o Balé Teatro Guaíra, com roteiro de Naum Alves de Souza, a partir do poema homônimo de Jorge de Lima. 

O espetáculo que será encenado nas Ruínas é produzido pela Na Carreira e Projeto Broadway.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA NO SITE https://natal.curitiba.pr.gov.br/. A programação está sujeita a alterações.

A Prefeitura promove o Natal de Curitiba – Luz dos Pinhais 2021 com o patrocínio das empresas O Boticário, Ademicon, Volvo, Muffato, Electrolux, Condor, Festval,  Consórcio Servopa, Loterias Caixa/Governo Federal, Copel Telecom e ParkShoppingBarigüi. A programação começa no dia 18 de novembro e a decoração poderá ser vista até 9 de janeiro.

Park Shopping Boulevard abre as portas no Xaxim

Empreendimento é inaugurado com cerca de 100 lojas em funcionamento
e expectativa de atrair um grande público às vésperas do Natal

O Park Shopping Boulevard abriu as portas para o público na manhã desta quinta-feira (9) com uma cerimônia de agradecimento aos lojistas, realizada na praça de alimentação. Antes, na praça de eventos, onde foi montada uma grande árvore de natal, um padre rezou uma missa para abençoar o empreendimento recém-inaugurado.

Divulgação
Divulgação

O gestor do Park Shopping Boulevard, Antônio Mascarenhas, fez um agradecimento especial aos lojistas, por acreditarem na realização da obra, mesmo em tempos de incerteza vividos pela economia nos últimos dois anos. “Enfrentamos uma pandemia muito dura, mas estamos aqui, comemorando nossa abertura para o público, com estes lojistas que nunca deixaram de acreditar no sucesso do Boulevard”, afirmou em discurso.

O vice-prefeito de Curitiba, Eduardo Pimentel, o vereador Pier Petruzziello, líder do governo na Câmara Municipal e o diretor-presidente da Invest. Paraná, agência de fomento do Estado, Eduardo Bekin, foram as autoridades presentes à inauguração.

Pimentel parabenizou os sócios e disse que “o empreendimento é um forte gerador de empregos neste momento em que as pessoas precisam trabalhar para se recuperar dos impactos que a pandemia causou para o comércio”, enquanto o vereador ressaltou a importância do shopping para a retomada econômica da cidade. “Uma obra deste porte valoriza a região do Xaxim, trazendo uma nova opção de lazer para as famílias que moram no local”, afirmou.

Serviço:
Park Shopping Boulevard
Abertura: 09 de dezembro
Horário de funcionamento: Segunda a sábado: 10h às 22h / Domingo: 14h às 20h
Praça de Alimentação (domingo): 12h às 22h
Telefone de contato: (41) 3521-0103