Com covid-19, Lewis Hamilton está fora do GP de Sakhir

Em nota oficial divulgada na manhã desta terça-feira (1º) (horário de Brasília), a Mercedes informou que piloto britânico Lewis Hamilton testou positivo para covid-19. O heptacampeão mundial de Fórmula 1 está bem, mas apresentou alguns sintomas leves e segue rígido protocolo de isolamento. A escuderia alemã confirmou que o piloto não participará do GP de Sakhir no próximo fim de semana.

Novos testes ainda serão realizados para determinar se o multicampeão participará da última corrida da temporada, prevista para o dia 13 em Abu Dhabi.

Depois de apresentar resultados negativos em todos os testes feitos antes do GP do Barein, no final de semana passado, Hamilton apresentou alguns sintomas na manhã de segunda-feira (30). O teste, que teve resultado positivo, foi feito após uma pessoa próxima ao piloto ter testado positivo.

O piloto reserva, Stoffel Vandoorne, viajou para o Barein nesta na terça-feira. Mas a participação do piloto belga na corrida de domingo (6) ainda não está confirmada. Nico Hulkenberg e George Russell são as outras opções.

Durante a pandemia, o mexicano Sergio Perez e o canadense Lance Stroll já haviam sido infectados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jogo do Athletico no Rio será o primeiro do Brasil com torcida em meio à pandemia

A Prefeitura do Rio de Janeiro anunciou nesta sexta (18) que os estádios de futebol da cidade poderão voltar a receber torcedores em jogos a partir do dia 4 de outubro.

Em nota, a autoridade municipal informou que “a primeira partida com público será no estádio do Maracanã”. Há um jogo programado para o dia 4 de outubro nesta instalação esportiva, Flamengo e Athletico-PR, válido pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Além disso, a Prefeitura do Rio informou que, como forma de evitar a transmissão do novo coronavírus (covid-19), serão adotadas algumas medidas. A primeira é que este primeiro jogo será com o estádio tendo a capacidade limitada a um terço de seu total. Também “será obrigatório o uso da máscara de proteção e aferição de temperatura na entrada”. Por fim, “para evitar aglomerações, a venda dos ingressos será pela internet”. 

Athletico-PR vence de virada na Libertadores

No retorno da Libertadores da América, o Athletico-PR venceu o Jorge Wilstermann (Bolívia) por 3 a 2 na noite desta terça-feira (15). O jogo aconteceu no Estádio Félix Caprilles, na cidade boliviana de Cochabamba, que fica a 2.560 metros acima do nível do mar.

As duas equipes estão no equilibrado Grupo C do torneio continental, ao lado do Penãrol (Uruguai) e do Colo-Colo (Chile). Os donos da casa não jogavam há seis meses por conta da pandemia do novo coronavírus (covid-19), e só retornaram há um mês aos treinos. Com este resultado, o Furacão quebrou o tabu de não conseguir vitórias na altitude.

Os anfitriões partiram para o ataque, assim que o juiz apitou. Logo aos 9 minutos, Gilbert Alvarez abriu o marcador. O atacante recebeu lançamento dentro da área e chutou para superar o goleiro Santos. Aos 37, escanteio a favor dos brasileiros. Na cobrança, Fabinho é puxado e o juiz marca pênalti. O experiente argentino Lucho González, de 39 anos, não desperdiça e empata para o Furacão.

Na segunda etapa, em jogada coletiva, Fabinho coloca novamente os bolivianos na frente. O Rubro-negro paranaense não desiste e iguala o placar. Aos 27, Christian passa por dois e desloca o arqueiro Gimenez. Quase no fim do jogo, Serginho é expulso e deixa o Jorge Wilstermann com menos um.

Aos 45, Walter recebe cruzamento da direita, ajeita a bola e chuta para a virada do time paranaense. O atacante não conteve a emoção, pois voltou a jogar após cumprir suspensão por doping, em razão do uso de uma substância para emagrecer. A punição foi de dois anos, e só acabou em julho deste ano. Com 30 anos, a contratação de Walter foi aprovada pela maior parte da torcida, que mostrou ter razão ao dar mais uma chance ao jogador.

Via: Agência Brasil