Candidatos bizarros de Curitiba

a


Candidatos bizarros de Curitiba

Esperei acabar a eleição pra fazer esse post por quatro motivos:
1 – Eu queria saber quantos votos eles iam ter;
2 – Pra ninguém ficar de mimimi falando que estou apoiando ou fazendo propaganda negativa de alguém;
3 – Pra nenhum candidato me processar pelo motivo anterior (por favor, não me processem agora também. Hahuehaeeha);
4 – Eu tava meio sem vontade.
Candidatos bizzarros de Curitiba

Candidatos bizarros de Curitiba

Linguiça do circo
Antes era pão e circo, agora é linguiça e circo? Isso? Hhuahuhuahuahaha. Mais de 3000 votos… nada mal!

Mestre pop
O cara é tão pop que é mestre nisso, como ele não seria eleito desse jeito?

Kafubira
Kafubira? Alguém sabe o que significa? Junção do Kafu com o Bira?
Jaja
WTF? Hhuahuahuhauhauhaha

Homem do colchão
Minha mãe sempre dizia pra eu ter cuidado com o homem do saco, mas agora eu tô com medo mesmo do do colchão. ;/

Neguinho do gás
Ele vende gás ou solta muito gás? Não entendi.

Pia
“Vai votar na Maria, piá?”

Pica Pau
418 pessoas queriam o pica pau. Então me respondam nos comentários: o que sai do cruzamento de quero-quero com pica pau?

Kareka
O Kareka não é careca. :/ Acho que por isso não ganhou confiança do povo! Raspe a cabeça na próxima! #DicaDoMestre

Zé Coxinha
Só eu tô com fome?!

Polaco do ônibus
Aaaah, um motorista de busão! Que pena que não foi eleito. Aposto que ia liberar a catraca pra geral! Hhauhauhahahaha

Zebrão
Hunmmmm, Zebrão! Hunmmmmmmmmmmmm!

Paulinho Raio X
Acho que é migué esse trabalho em laboratório! Aposto que ele tem visão Raio X e não quer falar!

Serginho do posto
“Teu pai tem posto?”

Picolo
Vish, essa é a versão humana do Piccolo?! Eleito para um plano superior? Estamos com você, Goku!
Anão
Uma curta risada: há!

Prof. Galdino
Claaaaaro que não poderia faltar o vereador mais bizarro de todos! Êêêêê Galdinão, quase 14 mil votos, ein? Quem diria! Hhuahuhuahaha, foi esse sucesso todo devido ao sucesso do Galdino Gangnam Style?
Candidatos bizarros de Curitiba
Tem dicas? Faça como o Henrique Heylmann com essa e mande para busaocuritiba@hotmail.com! Valeu e até a próxima, pessoal!

0 Comments

  1. O pior é ver que a maioria nem tem ensino medio completo =/ Depois querem ser vereadores, e sempre tem aquele eleitor idiota que votam neles. Depois que sai umas leis absurdas ninguém sabe o motivo.

  2. Conheço o Mestre Pop. O cara mora aqui perto de casa. Ele tem esse nome porque é um apelido. Afinal, ele é professor de Capoeira, e na capoeira (assim como outros esportes), o atleta ganha um apelido, sendo esse o seu. Ele é muito honesto e batalhador. Fui feliz em dar meu voto à ele, pois ele merece muito.

  3. Pois éh, também fiquei de cara com os nomes, agora que vi seu post.
    Acho que isso deveria ter mais repercursão.
    Que diabos de direito é essa de por um "Logo nome" pra candidatura?
    "Pastor Zé" .. "Zé da ambulancia" .. ai tem coisa viu ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curitiba apresenta plano municipal de vacinação contra Covid-19

Com 7.500 mil metros quadrados, o Centro de Exposições Positivo, no Parque Barigui, será o espaço oficial de Curitiba para imunização da população contra a covid-19. O local contará com 50 salas de vacinação, onde trabalharão por turno 100 profissionais da Secretaria Municipal da Saúde (SMS).

O Centro de Vacinação e outros detalhes estão no Plano Municipal de Vacinação contra a Covid-19, apresentado nesta quinta-feira (14/1), pela SMS de Curitiba no Comitê Municipal de Respostas às Emergências em Saúde Pública (Comresp).

A escolha de Curitiba por um centro de vacinação é por razões de segurança, e otimização das doses de vacinas. Além de ser um espaço que permite o distanciamento social adequado. O lugar também é estratégico para caso de vacinação por drive-thru, se necessário.

“Entre os primeiros vacinados estarão profissionais da linha de frente da covid-19, equipes de UTIs e no atendimento direto de pessoas contaminadas, portanto não seria prudente fazer uma vacinação desse público nas unidades de saúde, por exemplo. Além do mais, estamos lidando com uma vacina nova e não podemos nos dar o luxo de desperdícios”, disse a secretária municipal da Saúde, Márcia Huçulak.

No Plano Municipal de Vacinação constam ainda dez Unidades de Saúde que poderão ser ativadas exclusivamente para imunizar a população quando mais vacinas forem enviadas.

“Nós teremos vacinação descentralizada nas Unidades de Saúde quando tivermos doses suficientes, mas como nesse início serão grupos prioritários, o objetivo é ter o máximo controle para não haver perdas”, complementou Márcia.

Grupos prioritários

Curitiba seguirá as etapas de vacinação do plano nacional de imunização. Os primeiros a serem vacinados na cidade serão pessoas de maior vulnerabilidade como profissionais de saúde da linha de frente da covid-19 e idosos e trabalhadores de instituições de Longa Permanência (asilos) e a população indígena.

Nessa etapa estão previstos 18.150 pessoas a serem vacinadas. Ainda dentro da primeira fase serão atendidos os demais profissionais de saúde, seguindo a ordem do Plano Municipal.

“Esses três primeiros grupos estão em alinhamento com o Plano Nacional de Vacinação, pois precisamos dos nossos profissionais imunizados para que continuem na linha de frente, atendendo a população”, explica a secretaria municipal da Saúde, Márcia Huçulak.

Vacina por agendamento

Para evitar aglomerações e facilitar a identificação, a vacina para a população será agendada pelo Aplicativo Saúde Já, de acordo com o cronograma.

Quem tem cadastro no Saúde Já receberá a informação do agendamento pelo aplicativo. Os demais serão informados por outros canais.

Os três primeiros grupos (profissionais de saúde, idosos em instituições de longa permanência e indígenas) não precisam do agendamento pelo aplicativo. A Secretaria começou a identificação dos profissionais que serão vacinados nessa primeira fase.

Monitoramento

Uma rede de suporte e monitoramento pós-vacina foi estruturado pela Saúde. A farmacovigilância, como é chamada, é comum sempre que novos medicamentos ou imunizantes são aplicados. 

As pessoas vacinadas também receberão pelo aplicativo Saúde Já um questionário para avaliar o pós-vacinação.

Grupos prioritários serão avisados por aplicativo e redes sociais para dia da vacinação em Curitiba

Os profissionais de saúde e os idosos com idades entre 60 anos e 105 anos serão os primeiros

Com a confirmação de que o “Dia D e Hora H” da vacinação contra a Covid-19 irá acontecer no próximo dia 20 de janeiro, muita gente ficou animada nesta quinta-feira (14) com a possibilidade de receber logo uma dose do imunizante, mas em todo o Brasil será necessário respeitar uma sequência de grupos de risco para a doença. Em Curitiba, por exemplo, os profissionais de saúde e os idosos com idades entre 60 anos e 105 anos serão os primeiros, respeitando uma ordem decrescente de idade.

Como Curitiba tem 70 mil profissionais de saúde e cerca de 350 mil idosos acima de 60 anos, é claro que nem todos serão vacinados de uma só vez. Para organizar a ordem de imunização centralizada no Centro de Eventos do Parque Barigui, a prefeitura terá uma aliada: a tecnologia.

Segundo o anúncio feio nesta quinta, a vacinação será agendada pelo aplicativo ‘Saúde Já’, da Secretaria Municipal da Saúde de Curitiba e não será necessário fazer nenhum tipo de cadastro.

Mais grupos prioritários

Em entrevista à Banda B, o prefeito Rafael Greca confirmou que demonstrou ainda uma intenção de criar mais grupos prioritários na cidade. “Eu tenho vontade de comprar vacinas em doses extras, mandar importá-las, para poder vacinar todo mundo que na prefeitura lida com o público. Quero tornar a prefeitura imune o mais rápido possível, dos professores aos motoristas [de ônibus], dos guardas municipais aos coletores de lixo e recicladores”, disse.

O calendário de vacinação está sendo elaborado pela Secretaria Municipal da Saúde e deve ser divulgado nos canais oficiais da prefeitura nos próximos dias.

Informações Banda B.