Bisneto de Niemeyer diz que pretende acionar Justiça para que obra de ‘Os Gêmeos’ seja apagada do MON

Uma obra grafitada pelos artistas Otávio e Gustavo Pandolfo, conhecidos como “Os Gêmeos”, na fachada do Museu Oscar Niemeyer (MON), recebeu críticas do bisneto do arquiteto que dá nome ao local.

Paulo Niemeyer fez uma postagem nas redes sociais em que disse estar revoltado com a intervenção artística: “Deveriam ter o respeito pela arte e criação de Niemeyer, da mesma forma que ele, Oscar, teve para com todo e qualquer artista”.

O bisneto, que também é arquiteto, afirmou que pretende acionar a Justiça para que o trabalho seja apagado.

Com obras espalhadas pelo mundo, Otávio e Gustavo Pandolfo fizeram o desenho em um dos lados da fachada do MON para divulgar a exposição deles em Curitiba, que será aberta em setembro.

O bisneto de Niemeyer comentou não concordar com a proposta por interferir na obra do arquiteto. “Quando você precisa, com o seu trabalho chamar a atenção interferindo no trabalho do outro, acho que não é a forma mais correta de mostrar a arte”, disse.

“Os Gêmeos” não quiseram se manifestar sobre a declaração do bisneto de Oscar Niemeyer. A direção do museu, que encomendou a obra, saiu em defesa dos artistas e do desenho.

A diretora do MON, Juliana Vosnika, disse que o desenho foi autorizado pelo órgão que preserva o patrimônio cultural do estado.

“Ela não afeta nem a volumetria da fachada, não teve parafuso, não tem nenhum tipo de intervenção física na fachada. Após o término da exposição, a fachada vai ser pintada e vai voltar exatamente à fachada original”, disse.

Mais informações no G1 Paraná

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pista Municipal de BMX recebe novas bicicletas para aulas gratuitas

A Pista Municipal de BMX da Prefeitura, no Parque Olímpico do Cajuru, recebeu novas bicicletas e equipamentos para serem usados nas aulas gratuitas de BMX do projeto Escola+Esporte=10 (EE10). Foram entregues, nesta quinta-feira (21/10), 31 novas bicicletas e 20 capacetes.

Os equipamentos foram comprados com recursos do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comtiba) da Fundação de Ação Social (FAS). 

A pista com padrões internacionais foi inaugurada em junho e desde o início de agosto oferece aulas gratuitas para crianças e adolescentes do projeto EE10 e para a comunidade aos fins de semana. 

Para participar, os interessados devem conferir turmas e horários disponíveis no portal Curitiba em Movimento e também disponível no Curitiba App. Informações sobre horários de aulas também podem ser conseguidos pelo telefone do Núcleo Regional do Cajuru da Smelj, no 3221-2353, ou pelo 3221-2484.

A entrega das novas bicicletas foi acompanhada pelo vice-prefeito Eduardo Pimentel, e pelo secretário municipal do Esporte, Lazer e Juventude, Emilio Trautwein. 

Parque Olímpico do Cajuru

O endereço do Parque Olímpico do Cajuru é Rua Rivadávia Fonseca de Macedo, 510, Cajuru. Além da Pista Municipal de BMX, o complexo esportivo conta com campos de futebol de areia, de rua e americano, quadra de futebol de salão, academia ao ar livre, área de treinamento de atletismo, um estádio municipal de beisebol e softbol, pista de caminhada e canchas de voleibol.

Nissei vai aplicar vacinas contra a H1N1 gratuitamente a partir dessa quinta-feira (21)

Nessa quinta-feira (21), a Rede de Farmácias Nissei inaugura mais uma sala de Serviços Avançados Nissei (SAN). A unidade está localizada no Ventura Shopping. Para marcar a data, a Nissei vai aplicar gratuitamente 1.674 doses de vacinas tetra contra a gripe H1N1. Além da nova sala do Ventura, a aplicação também poderá ser feita nas farmácias 24h dos bairros Bacacheri, Hauer, Portão e Seminário

Os interessados devem se cadastrar e agendar um horário no site da Nissei (https://www.farmaciasnissei.com.br/influenza-tetra-gripe-influvac-tetra), escolhendo a loja onde será realizada a imunização. 

A vacina tetraviral do vírus Influenza tem indicação de aplicação anual, pois o imunizante passa por atualização constante, realizada por conta das cepas variantes. Pessoas acima dos seis meses de idade, sem restrição, podem receber a vacina.