Árvores de Natal iluminam Curitiba: veja onde admirar a decoração da cidade

Curitiba definitivamente é a cidade luz dos Pinhais. Prova disso é a decoração natalina que vai do Centro aos bairros da capital. Um dos pontos altos são as árvores de Natal. Estrelas de Belém e contornos de luz enchem os olhos de quem visita espaços públicos da cidade, mas são elas que não poderiam faltar e encantam pela estrutura imponente toda iluminada ou com milhares de vasinhos de flores para torná-las “vivas”.

Curitiba conta com nove grandes árvores de Natal da Prefeitura, que podem ser apreciadas (e fotografadas!) em parques, jardins, largos e ruas até o dia 6 de janeiro. Além disso, todas as dez Regionais da Prefeitura receberam árvores para embelezar as Ruas da Cidadania. Toda a programação do Natal de Curitiba – Luz dos Pinhais, a temporada de celebrações da capital, pode ser conferida no site http://natal.curitiba.pr.gov.br/.

“O trabalho de instalação das árvores de Natal e decoração dos vários espaços teve início em novembro e levou semanas, mobilizando vários órgãos da Prefeitura”, lembra Tatiana Turra, presidente do Instituto Municipal de Turismo.  Ela destaca que, desde a primeira edição do Natal de Curitiba – Luz dos Pinhais, no ano passado, o prefeito Rafael Greca determinou que toda a cidade fosse embelezada para o Natal. “É um período de grande emoção para todas as famílias e também um momento em que a capital recebe milhares de pessoas de fora”, justifica Tatiana.

A seguir você confere um roteiro com nove árvores de Natal instaladas pela Prefeitura e que se espalham por toda a Curitiba.

Curitiba conta com nove imensas árvores de Natal da Prefeitura, que podem ser apreciadas (e fotografadas!) em parques, jardins, largos e ruas até o dia 6 de janeiro.
– Na imagem, árvore de natal no Jardim Botânico.
Foto: Cesar Brustolin/SMCS

JARDIM BOTÂNICO

Um dos espaços verdes mais visitados da capital, o Jardim Botânico ganhou uma árvore de Natal “viva” de 11 metros de altura, com iluminação especial, e  5 mil vasinhos de sálvias vermelhas e a base rodeada de 15 vasos com Espírito Santo, alusivas ao Natal. A imponente estrutura faz uma composição única com a Estufa do Jardim Botânico, que a partir desta semana ganha uma iluminação cênica natalina, nas cores vermelha e verde.

Horário da visitação: diariamente, das 6h às 20h.

Foto: Daniel Castellano / SMCS

RUA XV DE NOVEMBRO

O calçadão mais famoso de Curitiba não poderia deixar de receber sua árvore de Natal. Com 11 metros de altura, os cinco mil vasinhos de sálvias vermelhas a tornam a árvore “viva” do Centro, criando um belo cenário com os canteiros com flores vermelhas e as fachadas dos prédios da Rua XV de Novembro. A noite, a iluminação especial torna a árvore de Natal ainda mais lúdica.

Horário para visitação: durante todo o dia e iluminada à noite.

Curitiba conta com nove imensas árvores de Natal da Prefeitura, que podem ser apreciadas (e fotografadas!) em parques, jardins, largos e ruas até o dia 6 de janeiro.
– Na imagem, árvores de Natal na avenida Cândido de Abreu.
Foto: Pedro Ribas/SMCS

ROTATÓRIA DA CÂNDIDO DE ABREU

A arquitetura modernista do Centro Cívico ganhou um belo toque natalino com o brilho da árvore de Natal de 18 metros de altura da rotatória da Avenida Cândido de Abreu, próximo a sede da Prefeitura.  Com o pôr do sol, a estrutura embeleza a região graças as 50 mil microlâmpadas de LED na cor verde.

Horário para visitação: durante todo o dia e iluminada à noite.

Curitiba conta com nove imensas árvores de Natal da Prefeitura, que podem ser apreciadas (e fotografadas!) em parques, jardins, largos e ruas até o dia 6 de janeiro.
– Na imagem, árvore de natal e iluminação para o Natal Luz dos Pinhais no Parque Tanguá.
Foto: Daniel Castellano / SMCS

PARQUE TANGUÁ

Com 18 metros de altura, a árvore de Natal do Parque Tanguá parece flutuar sobre um dos espelhos d’água do Jardim Poty Lazzarotto, que fica no alto do mirante natural. Se durante o dia, a árvore na cor verde, com 50 mil microlâmpadas de LED, forma uma composição única com o belvedere, marca registrada do local, à noite o cenário fica ainda mais especial, com as luzes evidenciando os contornos da construção semicircular. Como o belvedere pode ser visto de baixo, a construção recebeu iluminação cênica nos dois lados da fachada, permitindo que do gramado do parque também possa ser apreciada a decoração natalina. O Parque Tanguá fica na Rua Oswaldo Maciel, 97, no bairro Taboão.

Horário para visitação: das 6h a meia noite, diariamente, durante o verão.

Curitiba conta com nove imensas árvores de Natal da Prefeitura, que podem ser apreciadas (e fotografadas!) em parques, jardins, largos e ruas até o dia 6 de janeiro.
– Na imagem, árvores de Natal do parque Barigui.
Foto: Daniel Castellano / SMCS

PARQUE BARIGUI

Localizada em frente ao lago, o que proporciona a bela imagem de seu reflexo na água, a árvore de Natal do Parque Barigui é a mais alta da cidade. São 23 metros de altura e 54 mil pontos de luz LED na cor verde que fazem a gigantesca estrutura ser uma das mais disputadas por quem busca uma selfie com o clima de Natal de Curitiba.

Horário para visitação: durante todo o dia e iluminada à noite.

Curitiba conta com nove imensas árvores de Natal da Prefeitura, que podem ser apreciadas (e fotografadas!) em parques, jardins, largos e ruas até o dia 6 de janeiro.
– Na imagem, árvore de natal Santa Felicidade.
Foto: Daniel Castellano / SMCS

PORTAL DE SANTA FELICIDADE

Quem visita o bairro mais italiano de Curitiba será surpreendido, ao passar pela Avenida Manoel Ribas, com o famoso portal de Santa Felicidade todo decorado com contorno de luz e também com a árvore de luz de 10 metros de altura instalada próximo à entrada da sede da Secretaria Municipal do Meio Ambiente.

Horário para visitação: durante todo o dia e iluminada à noite.

BOSQUE ALEMÃO

O bairro Pilarzinho entrou no roteiro de visitações do Natal de Curitiba – Luz dos Pinhais com a impactante decoração do Bosque Alemão (Rua Nicolo Paganini, s/n). As seis estrelas de Bélem, o contorno todo iluminado do nostálgico portal e o Oratório de Bach transformado em Casa do Pão de Mel já seriam boas razões para visitar o espaço verde da Prefeitura. Mas Bosque Alemão ganhou ainda sua árvore iluminada de 10 metros de altura para encantar ainda mais o local.

Horário para visitação: durante todo o dia e iluminada à noite.

 

ASILO SÃO VICENTE DE PAULA

Na esquina das ruas Barão dos Campos Gerais e Manoel Eufrásio, no Juvevê, o painel da artista plástica curitibana Ida Hanemann normalmente chama a atenção de quem segue pela via rápida para o Cabral ou Santa Cândida. Até o dia 6 de janeiro, o pequeno largo do Asilo São Vicente de Paula está ainda mais bonito com uma árvore iluminada de 10 metros de altura.

Horário para visitação: durante todo o dia e iluminada à noite.

 

MEMORIAL DE CURITIBA

Com 10 metros de altura, a árvore de Natal do Memorial de Curitiba é a única instalada em um local fechado da Prefeitura e se destaca em meio à arquitetura contemporânea do espaço cultural no coração do Largo da Ordem. Também não deixe de apreciar as flâmulas e guirlandas coloridas, além de uma estrela de Belém de três metros “iluminando” a Casa da Memória, que embelezam os prédios históricos do Centro Histórico.

Horário para visitação: durante todo o dia e iluminada à noite até o fim das apresentações natalinas no espaço.

 

POR TODAS AS REGIONAIS

Dez árvores de Natal de 7,5 metros de altura embelezam as administrações regionais da Prefeitura, iluminadas com lâmpadas brancas. Estão localizadas nas Ruas da Cidadania ou em prédios das administrações regionais.

Horário para visitação: diariamente, das 8h às 18h.

 

EXTRAÍDO DA AGÊNCIA DE NOTÍCIAS DA PREFEITURA DE CURITIBA: http://www.curitiba.pr.gov.br/noticias/arvores-de-natal-iluminam-curitiba-veja-onde-admirar-a-decoracao-da-cidade/48678

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bosque Alemão e Bosque do Papa têm programação do Natal das Etnias

O Oratório de Bach, sala de apresentações no Bosque Alemão, e o Memorial da Imigração Polonesa, no Bosque do Papa, serão palco das festividades natalinas programadas pelas comunidades étnicas de Curitiba. A programação gratuita inclui espetáculo teatral, grupo de valsas vienenses e as tradicionais Festa de São Nicolau, Jaselka e Laternenfest.

Em todas as atrações serão seguidos os protocolos de enfrentamento à pandemia da covid-19. São obrigatórios o uso de máscara corretamente, distanciamento e higienização das mãos com álcool em gel.

Nesta sexta-feira (3/12), às 16h, será encenada no Oratório de Bach a peça Lugar de ser Inútil, do grupo Olho Rasteiro. A história é inspirada na obra do poeta Manoel de Barros. Dois personagens andarilhos viajam pelo mundo rupestre e nesse caminho descobrem a palavra bocó. Não sabem seu significado, mas com a ajuda do público irão atrás dessa descoberta.

No sábado (4/12), a partir das 14h30, no Memorial Polonês, será realizada a festa de São Nicolau, celebrada por eslavos, germânicos e luxemburgueses. Este ano, o Consulado de Luxemburgo promove as atrações, reunindo crianças dessas três etnias.

O programa tem também apresentação de músicas tradicionais luxemburguesas e de grupos folclóricos de Curitiba com destaque para o Grupo Folclórico Polonês Wawel, da Colônia Muricy. O ponto alto será entrega de presentes por São Nicolau às crianças. Todas receberão bolachas de mel e o livro infantil A Rainha Ester, de Júlia Malucelli, com ilustrações do cartunista Ziraldo.

A tradicional Jaselka, da comunidade polonesa, acontece no domingo (5/12), a partir das 14h. Estão confirmadas as participações de grupos folclóricos poloneses, ucraniano, italiano, alemão, árabe, grego, boliviano e espanhol. A programação finaliza com uma encenação de Natal pelo grupo Wisla de Curitiba.

No domingo seguinte (12/12), às 15h, o Memorial Polonês receberá o Grupo de Valsas do Original Einigkeit Tanzgruppe da Sociedade Thalia, que apresentará três coreografias de valsas vienenses. Depois será apresentada uma Cantata de Natal – A História do Natal – com 95 vozes da Igreja Adventista do 7º Dia, seguida de um concerto de canto lírico do Núcleo de Ópera Comunitária de Curitiba.

Festa das lanternas

Tradição germânica, a Laternenfest (Noite das Lanternas), que celebra o Dia de São Martinho, será realizada no dia 12 de dezembro, a partir das 18h30, no Bosque Alemão. Pais e filhos levam suas lanternas, cuja luz simboliza o bom caminho e o exemplo de vida do santo que se dedicou a ajudar o próximo e a ensinar o bem.

As famílias se confraternizam numa caminhada entre o Oratório de Bach e a fachada da Casa Mila, seguindo São Martinho em seu cavalo. Ao final do percurso haverá uma apresentação da Banda da Cachimba e a distribuição de bolachas natalinas.

Para participar da caminhada da Laternenfest é necessário se inscrever pelo e-mail da Coordenação de Etnias da Fundação Cultural de Curitiba: caalmeida@curitiba.pr.gov.br. As lanternas devem ser confeccionadas pelos participantes em suas casas.
 

Serviço: Natal das Etnias

Sexta-feira (3/12)
16h – Peça teatral Lugar de ser Inútil, do grupo Olho Rasteiro
Oratório de Bach – Bosque Alemão (R. Schubert, 175, Vista Alegre)

Sábado (4/12)
14h30 – Festa de São Nicolau
Memorial da Imigração Polonesa – Bosque do Papa (R. Mateus Leme, Centro Cívico)

Domingo (5/12)
14h – Jaselka
Memorial da Imigração Polonesa – Bosque do Papa (R. Mateus Leme, Centro Cívico)

Domingo (12/12)
15h – Cantata de Natal, Canto Lírico e Valsa
Memorial da Imigração Polonesa – Bosque do Papa (R. Mateus Leme, Centro Cívico)

18h30 – Laternenfest – Dia de São Martinho
Oratório de Bach – Bosque Alemão (R. Schubert, 175, Vista Alegre)
Inscrições devem ser realizadas no e-mail da Coordenação de Etnias da FCC (caalmeida@curitiba.pr.gov.br). As lanternas devem ser confeccionadas com os pais em suas casas

+55 anuncia reabertura com sua versão 2.1

Casa reabrirá 100% no próximo dia 01 de dezembro e promete novidades

Com a reabertura do comércio e a retomada dos eventos na cidade, uma das maiores casas noturnas de Curitiba, o +55 Bar, irá reabrir.

Em comunicado oficial, o bar anunciou a retomada das atividades e também algumas novidades. Mesmo após tanto tempo, o +55 conseguiu manter os projetos de inovação de pé. A primeira novidade começa pelo Restaurante Japonês do bar, o Japonero, que agora tem uma operação 100% própria, sob comando do Chef Dougla Piccoli.

Também temos algumas mudanças na infraestrutura e decoração. A casa passará a ter um novo layout e nova bandeira da companhia AMBEV assinando o Tailor Made da casa, Stella Artois. E, ainda, um novo bar de coquetéis assinado pelo Rum Havana Club. O fato é que, mesmo fechados, o +55 nunca ficou parado. Sempre pensando em melhorias internas para quando cliente retomar.

O bar anunciou uma série de outras novidades desta versão 2.1 do Bar. Confira:

>> Novo Bar “Rum Havana”

Um novo bar, com uma nova carta de drinks, 100% assinada pela marca cubana Rum Havana Club. Mais do que isso: um dos primeiros bares do Brasil totalmente dedicado ao Rum. É a aposta do +55, em que tem sua carta assinada polo renomado bartender Vinicius Kodama.

Divulgação

>> Nova Decoração Temática Stella Artois

A marca Belga estará em todos os cantos do +55. Como patrocinador master da casa, a cervejaria assinará o novo visual do bar.

Divulgação

>> Japonero

Sob coordenação do Chef Douglas Piccoli, agora o +55 terá seu próprio restaurante japonês. Uma fusão da cozinha tradicional japonesa com aquele toque de Brasil.

Divulgação

>> Novo horário de funcionamento

O bar passa a operar de quarta a domingo, sempre com música ao vivoa partir das 19h. Com entrada free na quarta-feira. As quintas feiras teremos Smooth N Dizzy com Hanuman Kid transitando por várias vertentes da black music em geral acompanhado de instrumentos musicais ao vivo. Aos finais de semana, a casa abre sexta e sábado as 21h com djs nacionais convidados tocando eletrônico e open format para fechar. Aos domingos, a casa abre 17h.

>> Reservas online

A agenda do bar já está aberta para reservas. Tudo via WhatsApp: 41 00000-0000

>> Programação

  • Quartas: Bar + Lounge & DJ Residente Pedro Soares
  • Quintas: Havana Club apresenta: Smooth N Dizzy + Hanuman Kid
  • Sextas: Música Eletrônica – toda semana novos convidados.
  • Sábados: Bar + Lounge & DJ Residente.
  • Domingos: Sunday Sunset – toda semana uma banda diferente.

Serviço:

fhc.contato@gmail.com

(RP –Casas 41 9 9992 9848)

Av. Vicente Machado, 866 – Batel

Funcionamento: de quarta e quinta, 19h-00h. Sexta, Sábado 21h-05 e domingo, das 17h às 00hh

Valores de entrada: por data

Links redes sociais: @mais55bar