6 leais

6 leais

Comeu pastel de flango no lestaulante do China e não quis pagar 6 leais! Vai levar polada!

Aqui é arte marcial, mano! Chinesinho mandou ver!

Dica do Roberto B. Machado.

0 Comments

  1. Devia ter deixado ele apanhar até pagar! O cara vem do fim do mundo, trabalha honestamente sete dias por semana e um safado vem, consome e não quer pagar… PORRADA NELE MESMO!!!

  2. acho que se a pessoa entrasse na humildade e pedisse um lanche, e disesse que nao tinha dinheiro… qualquer dono, até msm atendente daria na boa… com certeza, mas isso ai é falta de educação.

  3. Curitiba a cada dia a populacao mais ignorante do resto do Brasil, ninguem sabe se o cara que nao pagou tem algum problema algo assim criticar e facil. Curitibanos povo das caverna

  4. Nõa falando que o tio está certo de sair sem pagar.Mas queria saber se esse China como outros tem o seu visto certinho aqui no meu pais.E a minha vontade de de fazer isso com esse china e outros todas as vezes em que somos mau atendidos por eles.Quem nunca foi mau atendido ,quem nunca percebeu que estão tirando uma com a sua cara falando em china na dua frente ??/

  5. tem problema sim….de falta de vergonha na cara….se ele tem algum problema seu lugar é internado, merece sim levar porrada….pra pedir o rango ele nao tem problema, ele so aparece na hora de pagar!

  6. Na boa brother, abra um estabelecimento e aguarde um cara pedir algo e querer ir embora dizendo não ter dinheiro (ou sabe-se lá como aconteceu) e me diga a sua reação, não vem querer dar uma agora de "isso é errado" e tal. ele está certo…

  7. creio que primeiramente deva se discutir o tamanho da ignorância da pessoa que aponta para toda a população de uma cidade e a julga, somente com base a alguns comentários feitos num site.
    Infelizmente sair sem pagar é encarado como roubo em qualquer lugar do mundo e não apenas em Curitiba. O obvio repudio visto nos comentários ainda é justo, pois no momento em que todos começarem a achar a atitude do cidadão correta, dai sim saberemos que a população está corrompida.
    Sendo o ladrão, creio já ter explicado que essa é a classificação perante a atitude que ele teve, alguém dotado de problemas psicológicos ou não, isso não justifica sua atitude. Tanto quanto recorrer a violência, não é a atitude mais adequada.
    O único cidadão louvável, que devo ressaltar curitibano, é oq se propõe a pagar a conta no final, por perceber que aquela briga era inútil.
    Por gentileza repense antes julgar uma população inteira, pois mais ignorante é aquele que se pauta em preconceitos, opiniões meramente superficiais e aquele que se acha superior.

  8. Kitsune Sama e mesmo se ele fosse julgar o curitibano como povo ignorante… o tiozinho é chinês/Japonês/Coreano kkkk

  9. Boa a sua teoria Kitsune mas na pratica nao e bem oque acontece na Cidade de Curitiba. Vc esta certa quando diz que nao se pode julgar um povo por alguns comentarios ou uma ou 10 pessoas por suas atitudes. Mas em Curitiba realmente a populacao reflete oque a populacao do resto do Pais pensa e acha sobre o Curitibano. E so andar por Curitiba que logo se percebe, se vc usa o transporte publico as pessoas sao sem educacao reparam e julgam os outros o tempo todo pelo simples fato de como a mesma esta vestida. No transito entao ao dirigir em Curitiba se for alguem que nao conhece a cidade e cometer algumas barbeiragens no minimo vai ouvir buzinadas e palavroes e levara sorte se nao for agredido fisicamente. De nada vale teorias em defender uma populacao se a Cultura no dia dia se sabe como e. Talves vc seja uma das excecoes nessa cidade. E se o cidadao caro amigo Marquistei e estrangeiro fica mais complicado ainda Alem de o mesmo nao Respeitar o Pais onde vive, encontra pessoas nessa cidade que apoiam a violencia e fazem a mesma voltar a Idade das CAVERNAS.

  10. Curitiba não faz parte do Brasil, na verdade, é o Brasil que fica envolta de Curitiba.

    De acordo com os habitantes de lá, a cidade possuí os seguintes epítetos: “Capital Social”, “Capital Natureza”, “Capital da Biodiversidade”, “Capital do Transporte, “Capital do Turismo”, “Capital dos Shoppings”, “Capital da Cultura”, “Capital dos Parques”, Capital das Árvores*”, “Capital das Capitais”, “Capital das Capitais das Capitais”, “Capital da tua mãe” (ALBORGHETTI, p. 43, 2001), dentre muitas outras denominações que são o orgulho dos curitbanos.
    – Mesmo que Porto Alegre tenha o maior número de árvores por habitante e que João Pessoa e outras capitais nacionais ultrapassem em longe a arborização urbana de Curitiba, nunca discuta isso com um curitibano, até porque para ele somente e unicamente Curitiba possui árvores na cidade.
    Qualquer outra árvore que não esteja no perímetro curitibano não é considerada uma árvore, sendo para o curitibano típico apenas mais um ser vivo inanimado sem valor algum, como ocorre com os mendigos, por exemplo.
    Vale lembrar, também, que segundo os curitibanos, shoppings, avenidas, McDonald’s, livros, universidade, carro, energia elétrica, telefone e água encanada existem apenas em Curitiba, sendo que o resto do Paraná é habitado por aborígenes plantadores de mandioca e/ou de café.

  11. Cultura de Curitibano

    Se você perguntar para um curitibano “tem horas?” ele diz que tem, te mostra o relógio e continua andando olhando torto pra você, te xingando no pensamento de nomes horríveis, que não convém escrever aqui.

    Em Curitiba é possível encontrar pizzas homenageando outros locais, sendo que estas mesmas pizzas não existem no local. Um exemplo é a paulistana, da qual nunca se ouviu falar na cidade ou estado de São Paulo

    Nos restaurante, o que em Curitiba se conhece por Filé, é na verdade um pedaço enorme de osso rodeado de sebo por todos os lados. A especialidade da cidade são pratos com frango, então você encontrará frango nas churrascarias, nos botecos e em restaurantes chiques. Restaurantes de frutos do mar servem uma espécie de “frango do mar”, também conhecido por camarão.

    Bizarramente o curitibano típico não consegue compreender a expressão “Bom Dia” entendendo algo como “lhe odeio seu cão sarnento!”. Porém, isso ainda é passível de estudos…

    Curitiba, também, é a única cidade do mundo com 5 pontos cardeais: Norte, Sul, Leste, Oeste e Boqueirão.

  12. Em Curitiba só existem três estações no ano: o Outono (visitado diariamente pelo Verão e o Inverno pra não se sentir tão só), a Estação Rodoviária e o Shopping Estação.

    Motoristas curitibanos ocupam 2 faixas, já que pagam 2 IPVAS e não sabem fazer uma curva fechada. Faça uma curva paralelamente ao carro de um curitibano e aprecie o acidente.

    Aliás, para os nativos dessa amada cidade, a conta feita ao avistar uma placa de limite de velocidade é limite de velocidade/2. Ou seja, quando o curitibano avistar o sinal de um radar, ele reduzirá a velocidade para 30 km/h e permanecerá nessa velocidade até passar pelo mesmo, fazendo com que todos os carros atrás tenham que reduzir a velocidade para 30 e não 60 como um ser humano normal faria. Depois do carro ter passado o radar, a velocidade é dobrada, no caso de ser 60 o limite, passará a ser 120 km/h.

  13. a cidade é tão chata que eles celebrarem anualmente o êxodo da cidade durante o Carnaval, oportuno para se dar um tempo, até porque ninguém aguenta ficar 365 dias do ano lá.

    Até o time da cidade resolveu mudar uma vogal no nome para parecer menos apático.

    Nem o Aeroporto Internacional da cidade (onde 99,76% dos voos são nacionais) fica na cidade! Na verdade, ele fica em São José dos Pinhais, um lugar bem mais hospitaleiro.

    – Muitos bairros de Curitiba não tem calçadas. Isso mesmo, não tem calçadas! O que tem é o asfalto e a grama, que fica no lugar da calçada (ideia de Jaime Lerner, para imitar algumas cidades europeias). Logo, você tem duas opções: andar no meio da rua ou em cima da grama.

    Em alguns bairros não é possível andar em cima da grama, pois o gramado virou xodó de algum dono-de-casa, que vai te olhar muito feio e soltar o rottweiler.
    E não discuta com um curitibano em hipótese alguma, pois, apenas, e exclusivamente, ele é curitibano, e não você, logo quem tem a razão é ele.

  14. Ederson E Aline hahahahahahaaha. Você está defendendo o que, afinal ? Falando mal de Curitiba e dos Curitibanos, generalizando. Para cada ação, há uma reação. No caso, o homem 'roubou' e apanhou. Coisa boa ele não iria receber em troca. É a lei do karma, tudo que vai, volta. Tudo o que você faz gera uma reação. É mal de quem vai morar no exterior falar mal do país que nasceu, se achando da própria realeza inglesa, mas jamais serão, serão sempre BRASILEIROS, dos quais vocês se enojam, e o que vocês serão para o resto da vida. Não adianta defender uma causa ofendendo pessoas, defender uma causa 'causando' outra. Mais respeito, por favor.

  15. agora entendi! vc está simplesmente reproduzindo a piada: curitiba é a russia brasileira.
    Ok, tá aí uma boa piada que vale alguns risos. Mas como qualquer piada é feita por meio de uma caricatura da verdade.
    Creio que saiba oq é uma caricatura, mas vou explicar para não deixar o pensamento vago. A caricatura é quando algo ou alguem é retratado de maneira a ressaltar seus defeitos, maximizá-los.
    Não digo que Curitiba não tenha defeito, nem qualquer outra cidade do mundo. Alias, todas estão saturadas de falhas, pois ainda não foi criada nem uma das cidades utópicas.
    Porem meu posicionamento, não só como curitibana mas como humana, é que quem generaliza por meios de preconceitos, joga fora toda sua capacidade de pensar por si!
    Alias, generalizar já é o pior tipo de ignorância!
    Uma raça, cor, credo, cidade, país, ou qualquer outra coisa, não são limitadores do intelecto humano. Achar que é torna a pessoa ignorante!

  16. O fato de expressar Minha opiniao nao pode se considerar falta de respeito pode? Falta de respeito e agredir pessoas fisicamente ou verbal. Sim o cara comeu e nao pagou. Quantas vezes ele fez isso vc sabe ? Vc sabe como tudo aconteceu ? Ou apenas esta julgando pelas imagens? Sera que ele nao perdeu a carteira? Foi roubado? E doente? Ou outra opcao que o impossibilitou o mesmo de pagar? Entao nao julgue se realmente ele estava errado e agindo de ma fe era apenas segura-lo e chamar a policia. Alias em uma cidade Tao (perfeita) policia e para esses tipos de crimes ou nao? Angelica