ZF e Freudenberg anunciam parceria para acionamento de células de combustível para acelerar a eletrificação de veículos comerciais

Friedrichshafen (Alemanha). A divisão Commercial Vehicle Solutions (CVS) da ZF anunciou um acordo de desenvolvimento conjunto com a Freudenberg e-Power Systems, fornecedora de sistemas de baterias e células de combustível. Os parceiros desenvolverão soluções limpas de e-Drive ‘powerpack’, que consiste em uma célula de combustível e sistema de transmissão, além de componentes para uma variedade de aplicações. O foco inicial do acordo é desenvolver uma solução de e-Drive de célula de combustível altamente integrada para veículos comerciais. Enquanto a Freudenberg oferecerá sistemas de e-power escaláveis em forma de kit com várias saídas de energia, a ZF oferecerá sistemas completos de driveline elétrico de até 360 kW de potência contínua. Isso está de acordo com o novo acionamento central elétrico CeTrax 2 da ZF para veículos pesados.

“A descarbonização é um dos principais objetivos da indústria de transporte e, dentro disso, a tecnologia de células de combustível será um divisor de águas. Juntamente com a Freudenberg, podemos oferecer uma solução ‘one-stop-shop’, permitindo que os fabricantes tragam rapidamente soluções de eletromobilidade para o mercado e apoiem a transformação da indústria em direção a um futuro mais sustentável”, disse Wilhelm Rehm, membro do Board Mundial ZF, responsável por Soluções para Veículos Comerciais, Tecnologia Industrial e Gestão de Materiais. A cooperação da ZF com a Freudenberg desenvolverá soluções de e-Drive de célula de combustível altamente integradas para a indústria de veículos comerciais. Ao reduzir os custos de desenvolvimento e projeto dos fabricantes, nossas soluções de powerpack também ajudarão a reduzir o custo total de propriedade”.

“Estamos investindo fortemente na mobilidade do futuro. Na tecnologia de baterias, hidrogênio e células de combustível, bem como no desenvolvimento de componentes de alta tecnologia para veículos elétricos. A cooperação de longo prazo com a ZF acordada hoje ressalta a importância estratégica e potencial de crescimento que nós da Freudenberg enxergamos neste setor”, explicou o Dr. Mohsen Sohi, CEO do Grupo Freudenberg.  “Freudenberg e ZF são players experientes e de longa data na indústria e possuem know-how em tecnologia complementar”, acrescentou o Dr. Max Kley, CEO da Freudenberg e-Power Systems. “Através de nossa cooperação, estamos reunindo essa experiência para desenvolver soluções limpas de e-Drive e, assim, ajudar a indústria a alcançar suas metas climáticas”.

A fase piloto do acordo de cooperação está em andamento com o desenvolvimento de protótipos para veículos de demonstração, como ônibus e caminhões. O primeiro protótipo está previsto para 2023. Isso corresponde à já anunciada parceria com células de combustível da ZF para o desenvolvimento de um protótipo de ônibus como parte do projeto HyFleet.

Abordagem de tecnologia aberta para eletromobilidade

Quando se trata de descarbonização, a ZF vê uma clara tendência para a tecnologia de células de combustível devido ao maior alcance e tempos de reabastecimento mais rápidos que oferece. Até 2030, o Grupo estima uma participação mundial dessa tecnologia em 20% para veículos comerciais pesados. Como resultado, a ZF continuará a adotar uma abordagem flexível e de mente aberta para a tecnologia de células de combustível como uma solução de acionamento para apoiar essa transformação.

Essa abordagem flexível para a diferenciação da fonte de energia também é fundamental para a parceria da ZF e da Freudenberg, que oferece muitos benefícios para fabricantes em todo o mundo. Adicionar um e-Drive integrado de célula de combustível desenvolvido em conjunto ao portfólio abrangente de eletromobilidade da ZF, significa que todas as principais soluções de hardware e software eletrificadas que os clientes precisam para transformar seu portfólio de produtos estão disponíveis em uma única fonte. Isso elimina a necessidade dos fabricantes de P&D dispendiosa, gerenciamento de projetos e reduz os esforços de integração, pois a tecnologia e-Drive altamente integrada promete ajudar a reduzir o Custo Total de Propriedade.

A parceria combina as principais competências de duas empresas com a experiência da Freudenberg em células de combustível e sistemas de baterias e componentes elétricos da ZF, incluindo drivelines, inversores, conversores, compressores, sistemas de gerenciamento de energia de software, bem como a capacidade de integrar e harmonizar os sistemas intermediários, além de aumentar a eficiência operacional e a sustentabilidade.

Junte-se à ZF na IAA Transportation 2022

A ZF apresentará alguns de seus produtos mais recentes, bem como demonstrações de tecnologia ao vivo na IAA Transportation 2022. Isso incluirá como a ZF está capacitando montadoras e frotas para o futuro com soluções inovadoras, sistemas de eletrificação, aplicações automatizadas de depósito e sistemas inteligentes e soluções de conectividade.

Visite a ZF no Hall 21, Stand A90

Deutsche Messe Exhibition Grounds, 30521 Hanover, Alemanha

Dia de Imprensa: 19 de setembro de 2022

Dias públicos: 20 a 25 de setembro de 2022, das 9h às 18h CET

Para mais informações sobre a participação da ZF na IAA Transportation 2022 visite www.zf.com/IAA <http://www.zf.com/IAA>

Coletiva de Imprensa da ZF

A ZF realizará uma coletiva de imprensa no Industry Forum, no Hall 13, das 9h55 às 10h15 CET de segunda-feira, 19 de setembro de 2022.

Sobre a Divisão CVS

A Divisão de Soluções para Veículos Comerciais (CVS) da ZF está ajudando a moldar o futuro dos ecossistemas de transporte comercial. Nossa missão é ser o parceiro de tecnologia global mais requisitado da indústria de veículos comerciais. Combinando poderosamente a experiência em sistemas de veículos comerciais da ZF, amplo portfólio de tecnologia e operações globais, a divisão atende a toda a cadeia de valor da indústria de veículos comerciais. À medida que a indústria automotiva avança em direção a um futuro cada vez mais autônomo, conectado e eletrificado (ACE), a divisão CVS da ZF inova, integra e fornece componentes e sistemas de controle avançados que ajudam a tornar veículos comerciais e frotas mais seguras e sustentáveis. A CVS une as antigas divisões de Tecnologia para Veículos Comerciais e Sistemas de Controle de Veículos Comerciais da ZF, sendo a última formada após a aquisição da WABCO pela ZF, em 2020.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cidades inteligentes podem movimentar US$ 2,4 trilhões até 2025, aponta estudo

Hoje, cerca de 4,2 bilhões de pessoas vivem em centros urbanos. Esse número diz respeito a 55% da população mundial. Para o Brasil, a expectativa da Organização das Nações Unidas (ONU) é de que, até 2050, 70% da população esteja vivendo em áreas urbanas. Esses dados confirmam a necessidade de se pensar em cidades inteligentes, ou seja, que utilizem a tecnologia para melhorar a qualidade de vida das pessoas.

Segundo uma reportagem publicada pela Isto É Dinheiro, ainda não existem métricas que informem sobre a relação direta entre cidade inteligente e atração de investimentos, mas especialistas afirmam que há um vínculo imediato para isso, já que empresas e trabalhadores qualificados tendem a buscar por essas cidades. Um estudo da consultoria Frost & Sullivan citado na mesma reportagem, prevê que as cidades inteligentes podem movimentar US$ 2,4 trilhões em 2025.          

O engenheiro civil e pré-candidato a deputado federal, Joel Krüger, defende que com o número cada vez maior de pessoas que optam por viver nas grandes cidades, é necessário que os governantes pensem em gestões mais ativas. “Quando pensamos que cada vez mais as pessoas estão conectadas e buscam praticidade no dia a dia, é necessário pensar em soluções que atendam essas necessidades, como infraestrutura moderna de transporte, saneamento, moradia e mobilidade urbana que suportem o crescimento de demandas públicas”, explica.

Por aqui, ainda há o fato de que muitos problemas se arrastam por mais de 500 anos e que passam por áreas como planejamento urbano, saneamento básico, regularização fundiária, ineficiência de processos, entre outros. Apesar de o Brasil ter boas iniciativas, nenhuma cidade pode ser considerada inteligente, pois não tem infraestrutura.

Em 2021, a consultoria Urban Systems considerou Curitiba a cidade mais inteligente e conectada do país. Sendo mobilidade urbana um dos indicadores levados em consideração, a capital paranaense, por exemplo, incentiva desde 1980 a utilização de transporte público, tida como um exemplo no campo de mobilidade. “Uma das bandeiras que defendo é transformar as cidades brasileiras em lugares que funcionem melhor, utilizando a tecnologia e o conhecimento técnico que tenho na área de infraestrutura para alcançar o objetivo de oferecer mais qualidade de vida a todos os brasileiros, principalmente aos paranaenses”, enfatiza Joel.

O que são cidades inteligentes?

Songdo, na Coreia do Sul, é um ótimo exemplo de cidade inteligente. Ela foi planejada com edifícios conectados a sistemas que monitoram energia e alarmes de incêndio, assim reduz gastos com manutenção. Além de que todos os apartamentos possuem um sistema que destina resíduos jogados diretamente para a central de coleta de lixo.

Copenhague, capital da Dinamarca, possui 400 km de ciclovias, diminuindo a emissão de poluentes e contribuindo para a preservação ambiental. Por lá, 63% dos parlamentares vão de bicicleta todos os dias para o trabalho. Até 2025, Copenhague quer ser a primeira capital do mundo neutra em carbono.

Joel explica que cidades inteligentes utilizam a tecnologia de maneira estratégica para o planejamento urbano, contribuindo para melhoria da infraestrutura, habitação e mobilidade urbana. “A tecnologia também contribui para o desenvolvimento de ações e soluções sustentáveis, tais como coleta de lixo consciente, controle da poluição do ar e preservação ambiental, entre outras ações que melhorem a qualidade de vida dos habitantes”, finaliza.

Brasil é 1º no ranking mundial de crescimento das compras online

Com a pandemia e as lojas físicas fechadas, as vendas online cresceram significativamente em todos os países do mundo.

A grande surpresa, é que especialmente no Brasil, o aumento foi ainda mais significativo. O país que lidera o ranking de crescimento das vendas online, com 22,2% no ano de 2022, e um crescimento estimado de 20,73% ao ano, entre 2022 e 2025.

É o que revela um estudo divulgado pela CupomValido.com.br <https://www.cupomvalido.com.br/> , plataforma de cupons de descontos online, com dados da Statista sobre as vendas no e-commerce.

De acordo com o estudo, o Brasil possui uma expectativa de crescimento quase duas vezes maior que a média mundial (11,35%), e acima até de países como o Japão (14,7%), o Estados Unidos (14,55%) e a França (11,68%).

 <https://i.imgur.com/NyokP3T.png>

Por que o e-commerce no Brasil cresce tanto?

Dois fatores foram cruciais para influenciar o forte crescimento das vendas online no Brasil.

A pandemia é um dos primeiros fatores, pois com as lojas físicas fechadas, fez com que diversos brasileiros passassem a realizar sua primeira compra online. Ao encontrar facilidade na compra, métodos de pagamento instantâneos (como o PIX), e entregas rápidas (diversas lojas com entregas em 1 dia útil), muitos deles se tornaram consumidores recorrentes.

Um segundo fator, é que o índice de penetração de compras online, ainda é relativamente baixo no Brasil.

Segundo a pesquisa, no Reino Unido, 84% das pessoas realizaram pelo menos uma compra nos últimos 12 meses. Nos Estados Unidos e no Japão, em ambos os países a taxa foi de 77%. E na Alemanha, foi de 74%.

Como boa parte da população, principalmente destes países desenvolvidos, já realiza frequentemente compras online, a taxa de crescimento em potencial tende a ser menor nos próximos anos.

Em contrapartida, no caso do Brasil, apenas 49% da população realizou ao menos uma compra online no último ano. Isto explica o potencial significativo de crescimento que o Brasil ainda possui, ao comparar com os outros países.

Fonte: Statista, CupomValido.com.br <https://www.cupomvalido.com.br/>

 <https://i.imgur.com/RmnjN66.png>

Confira o infográfico completo abaixo:

 <https://i.imgur.com/JXXz1iQ.png>

 <https://i.imgur.com/JXXz1iQ.png>