Vídeos de Curitiba em 1910 a 1942

Vídeos de Curitiba em 1910 a 1942

Vídeos de Curitiba em 1910 a 1942

Caraaaca, eu fiquei muuuito de cara ao assistir a esse vídeo de Curitiba em 1910! Veja aí também:

Viiiiiish, que tesão! Coooomo eu queria poder voltar no tempo e passar uns dias nessa época aí… Muuuito top!

E ao ver o vídeo anterior, lembrei de uma dica que recebi no busaocuritiba@hotmail.com esses dias pelo Sirlei Brizola, da página Eu Sou do Sul. E tive o cuidado de traduzir a parte em que falam de Curitiba. Deu um pouco de trabalho porque o áudio tá meio ruim e eu tô com muuuita preguiça de ficar voltando o vídeo, mas espero que gostem! Há!

Logo no começo já aparecem imagens da nossa região aqui, Ponta Grossa, Vilha Velha e tals, mas, se quiserem ir direto, a narração massa mesmo começa aos 3:00.

“O estado do Paraná é cercado pela Serra do Mar, paralelamente à costa. Por séculos, essa região acidentada prejudicou, evitou a comunicação entre a capital, Curitiba, e a cidade portuária, Paranaguá. A necessidade de rodovias era clara em todo o estado. O acesso ao mar poderia ser feito através de túneis. Muito engenheiros europeus tentaram, mas todos falharam e isso deixou para os engenheiros brasileiros o brilhante trabalho de realizar a construção das rodovias. Em 1885, a ligação de 70 milhas (uns 110 km) estava pronta. Agora o trem sai da estação de Paranaguá e percorre 25 milhas (uns 40 km) sobre esse trilho muito bacana, legal e joia (não manjei traduzir essa parte direito ~preguiça~). É difícil de imaginar que há 50 anos tudo isso era só um grande e profundo manguezal (ou mangue, qual o certo?). O trem começa sua jornada bacana e nas próximas 29 milhas (uns 45 km) segue o caminho do trilho, usado nas antigas por mineiros e tals. O bagulho todo sobe do nível do mar (Paranaguá) até uns 3 mil pés (uns mil metros), onde fica Curitiba, passando por pontes e 14 túneis através das rocha, pedras e o mato todo da parada aí. Pra cima e avante (tradução nível ~rede globo~ hauhauha) até o trilho nivelar de volta e mais umas 16 milhas (25 km) chega até Curitiba (aeeeeeee). Curitiba é uma limpa e bonita cidade (isso todos nós já sabíamos), sem sinais do campo de mineração que ficava aqui ou do que era o centro de troca e tals dos fazendeiros das antigas. O que chama a atenção em Curitiba são as construções do século passado ~mostrando vários exemplos~. Uma das mais impressionantes construções é a Universidade Federal do Paraná, uma das escolas de medicina mais ~joia (huaheuaehuae)~ do Brasil. Todo ano, no dia 7 de setembro (táááá chegando), o Brasil comemora seu dia da independência. E em Curitiba, como em todo o Brasil, jovens, adultos e a galera toda ae vai pra rua ~#vemprarua~ pra celebrar o desfile, desfile do ‘Orgulho das pessoas’ (WTF? Huhaeuhaeea).”

Depois dos 6:20 começa a narração sobre Santa Catarina e Rio Grande do Sul, daí o vídeo fica chato, não precisa ver! Huhauehhaeuhaue

0 Comments

  1. nossa muito legal, como eu queria voltar no tempo só por um dia e conhecer essa curitiba antiga…mas lógico levaria minha maquina digital rsrsrs o ruim dessas fotos e videos antigos é que são preto e branco , aí eu fico me perguntando , que cor será que eram os predios e casas, qual a cor da roupa de cada pessoa?? rsrsrs

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.