Parques estaduais do Paraná ficam abertos durante feriado prolongado

Durante o feriado prolongado do Dia da Independência, na próxima semana, todos os Parques Estaduais do Paraná permanecerão abertos para visitação. Apenas o Caminho do Itupava, atrativo do Parque Estadual Serra da Baitaca, permanece fechado para visitação devido às obras de reparos na trilha.

As Unidades de Conservação (UC’s) seguem a restrição de 50% da capacidade, em respeito às normas de prevenção da pandemia da Covid-19. Também é necessário manter os cuidados para evitar a proliferação do vírus, conforme a Portaria IAT nº 006/2021.

“É preciso que as pessoas que querem visitar os parques tomem os devidos cuidados, liguem para as unidades e verifiquem se a capacidade de carga não está atingida para garantir a segurança de todos”, explicou o diretor de Políticas Ambientais da Sedest e diretor de Patrimônio Natural do IAT, Rafael Andreguetto.

O diretor alerta, ainda, sobre a entrada nas unidades, que deve ser feita apenas pela portaria oficial.

Nas terças-feiras, os Parques Estaduais normalmente fecham para manutenção, porém neste feriado eles funcionarão normalmente para atender o anseio dos turistas que procuram lazer na natureza.

Parques Estaduais do Paraná ficam abertos durante feriado prolongado Foto: Denis Ferreira Netto

CUIDADOS – Conforme a determinação da Portaria, é obrigatório o uso de máscaras por todos os frequentadores e colaboradores. Também são disponibilizados álcool em gel nas portarias e é preciso que a população respeite as regras de distanciamento social, proibição de acampamento e práticas esportivas. Os equipamentos de uso comum, como bebedouros, estão interditados e é proibido o comércio de alimentos dentro dos Parques.

Confira abaixo a lista de Unidades de Conservação com suas capacidades de visitação:

Parque Estadual Pico do Marumbi

50 visitantes/dia

Parque Estadual Rio da Onça

175 visitantes/dia

Parque Estadual Serra da Baitaca

116 visitantes/dia no Anhangava – 166/dia e 166 visitantes/dia no Pao de Loth

Parque Estadual do Monge

500 visitantes/dia

Parque Estadual de Vila Velha

407 visitantes/dia nos Arenitos; 159 visitantes/dia nas Furnas; e 279 visitantes/dia na Lagoa Dourada.

Parque Estadual do Cerrado Cerrado

20 visitantes/dia no Cerradinho; e 25 visitantes/dia no atrativo Cachoeira.

Parque Estadual do Guartelá

85 visitantes/dia no Mirante; 40 visitantes/dia na Cachoeira; e 40 visitantes/dia nas Formações Ruiniformes.

Parque Estadual de Ibicatu

175 visitantes/dia

Parque Estadual Pico do Paraná

100 visitantes/dia

Ilha do Mel (PE Ilha do Mel, ESEC Ilha do Mel e Áreas de Ocupação)

2.500 visitantes em pernoites + 1.500 visitantes/dia

Monumento Natural Salto São João

100 visitantes/dia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 lugares para acampar perto de Curitiba

O Busão preparou uma lista com três sugestões de lugares para acampar que ficam próximos de Curitiba. Os locais são ideias para quem quer descansar e se divertir em meio a natureza. Confira a lista:

1 – Recanto dos Papagaios (Palmeira)

Em Palmeira, cidade localizada a 50km de Curitiba, há um parque totalmente gratuito que oferece diversas atividades na natureza. No Recanto dos Papagaios é possível tomar banho de rio, piscina natural, fazer trilha, pescar, conhecer cachoeiras e relaxar! No recanto há churrasqueiras e banheiros que podem ser utilizados pelos frequentadores. No local também fica a Ponte dos Papagaios, construída no século XIX, quando o Imperador Dom Pedro II visitou as terras paranaenses.

*(Foto: Rede Clima)

2 – Ilha de Superagui (Guaraqueçaba)

No litoral norte paranaense, fica localizada a linda e preservada Ilha de Superagui. Na ilha, há uma pequena vila de pescadores nativos. A partir da vila, o visitante pode conhecer a A Trilha da Lagoa, de 3km de extensão, onde é possível encontrar inúmeras espécies de aves e outros animais, que são ameaçados de extinção ou que só existem na Mata Atlântica. A praia deserta de Superagui, pode ser inteiramente percorrida a pé ou de bicicleta. A Ilha contém diversos lugares para se conhecer, todos ligados à natureza. Na região, há vários campings e o visitante também pode  acampar em meio a natureza.

Foto: Viaje Paraná

3 – Recanto Saltinho

Localizado em Tijucas do Sul, a 75 km da capital, o Recanto Saltinho é uma ótima opção para quem deseja descansar! O local também é ideal para passeios em meio a natureza e um delicioso mergulho na cachoeira. Dica para aproveitar os dias de calor! 

Reprodução site Me Leva Viajar

Paraná recebe mais vacinas e anuncia início da aplicação da dose de reforço

Com a ajuda das vacinas contra a Covid-19 que o Paraná recebeu nesta segunda-feira (20), a Secretaria de Estado da Saúde dará início a mais uma etapa da campanha de vacinação com a aplicação das doses de reforço (terceira dose).

Serão utilizadas 450 da Janssen para o reforço de indígenas com mais de 70 anos e imunossuprimidos (pessoas que passaram por um transplante ou pacientes que têm HIV, por exemplo) de 18 a 59 anos, além de 118.170 imunizantes da Pfizer para a aplicação em idosos acima de 70 anos e imunussuprimidos, desde que com o esquema vacinal completo há mais de seis meses.

O secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, acompanhou a chegada das doses, e disse que a terceira dose será importante para aqueles que já tomaram as duas primeiras, dentro dos atuais critérios da campanha de vacinação. “Nós teremos agora um quantitativo para aqueles que têm um sistema imunológico mais suscetível e idosos que tomaram a vacina no início da campanha, seguindo a orientação do Programa Nacional de Imunização (PNI)”, disse.

As demais 164.250 da AstraZeneca/Fiocruz, que também chegaram nesta segunda, ainda aguardam a divulgação do Informe Técnico do Ministério da Saúde para definir o público e a descentralização.

Com a ajuda das vacinas contra a Covid-19 que o Paraná recebeu nesta segunda-feira (20), a Secretaria de Estado da Saúde dará início a mais uma etapa da campanha de vacinação com a aplicação das doses de reforço (terceira dose).. Foto: Américo Antonio/SESA

DISTRIBUIÇÃO – A Secretaria também anunciou a distribuição de 571.670 vacinas às 22 Regionais de Saúde, sendo 327.600 da Pfizer/BioNTech, 168.870 de Coronavac, 450 da Janssen e 74.750 da AstraZeneca/Fiocruz. As remessas serão para a primeira (D1), segunda (D2) e terceira (D3) doses. Elas chegaram ao Paraná nos últimos dias (sábado e domingo). 

As vacinas foram encaminhadas no início da tarde para as Regionais de Saúde (via terrestre e aérea) de Paranaguá, Metropolitana, Ponta Grossa, Irati, Guarapuava, União da Vitória, Pato Branco, Francisco Beltrão, Foz do Iguaçu, Cascavel, Campo Mourão, Umuarama, Cianorte, Paranavaí, Maringá, Apucarana, Londrina, Cornélio Procópio, Jacarezinho, Toledo Telêmaco Borba e Ivaiporã.

ADOLESCENTES – Beto Preto também disse que nesta terça-feira (21), em reunião com o Conselho de Secretários Municipais de Saúde (Cosems), o Paraná vai fechar uma decisão conjunta sobre a vacinação dos adolescentes. Na última quarta-feira (15) o Ministério da Saúde emitiu Nota Técnica recomendando a vacinação apenas para adolescentes entre 12 e 17 anos que tenham deficiência permanente, comorbidades ou estejam privados de liberdade.

“É importante ressaltar que o Paraná continua seguindo o PNI, mas, ao mesmo tempo, dialogamos com o Ministério da Saúde e cobramos que, o quanto antes, se realize a vacinação dos adolescentes, sem comorbidades”, enfatizou. 

VACINAÇÃO – Segundo os dados do Vacinômetro, o Paraná já aplicou 12.412.029 doses (D1), sendo 7.894.999 primeiras doses; 322.484 doses únicas (DU) e 7.894.999 segundas doses (D2). O Estado já atingiu 94,23% da população adulta, estimada em 8.720.953 pessoas com, pelo menos, uma dose.

Confira como ficou a distribuição para as 22 Regionais de Saúde:

Foto: SESA