Número de assaltos em ônibus de Curitiba caiu 74% desde 2016

O número de assaltos no transporte coletivo de Curitiba caiu 74% desde 2016 em Curitiba. Naquele ano, tinham sido registrados 3.111 assaltos. No ano passado, os casos somaram 794.

Os dados correspondem ao número de boletins de ocorrência registrados pelos cobradores e motoristas e acompanhados pela Urbanização de Curitiba S.A. (Urbs). Os assaltos vêm caindo ano a ano. Em 2017, primeiro ano da gestão do prefeito Rafael Greca, foram 1.678. No ano seguinte, em 2018, 1.115 ocorrências. Somente em relação a 2018, houve queda de 28% nas ocorrências.

Em 2016, a média era de 8,5 assaltos por dia. No ano passado, a média estava em 2,18. Em 2016 foram R$ 490,7 mil  de prejuízo com os assaltos. Em 2019, esse valor somou R$ 120 mil.  

Ações da Guarda Municipal e colocação de novas câmeras de segurança nos ônibus têm contribuído para a queda nos assaltos, segundo o presidente da Urbs, Ogeny Pedro Maia Neto. 

“A Guarda Municipal intensificou as operações no transporte coletivo e além disso, a presença de câmeras de monitoramento nos novos ônibus entregues desde 2017 reforçam a segurança”, disse o presidente da Urbs. 

A frota do transporte coletivo vem sendo renovada desde dezembro de 2017. São 317 ônibus novos, todos equipados com câmeras, número que deve chegar a 450 em 2020.

Cada modelo de veículo tem um número de equipamentos suficiente para registrar toda movimentação do interior dos ônibus.
Nos biarticulados, por exemplo, são 8 câmeras em cada ônibus, e nos modelos comuns, mais curtos, 4 câmeras. As imagens ficam armazenadas no Centro de Controle e Operações da Urbs, à disposição das autoridades.

Patrulha

A Guarda Municipal desenvolve um trabalho específico para inibir diversos tipos de delitos por meio da Patrulha do Transporte Coletivo. Equipes fazem rondas, mantêm presença em estações-tubo e terminais e fazem operações estratégicas que incluem abordagem a pessoas dentro dos ônibus.

Só no ano passado foram reprimidas mais de 70 situações relacionadas à importunação sexual dentro de ônibus, com a condução dos suspeitos à delegacia, após acionamento da vítima ou de testemunhas, pelo telefone de emergência 153 da Guarda Municipal. Junto com repressão a danos, tentativas de invasão e roubos, foram atendidas 983 ocorrências na rede de transporte em 2019.

O cidadão pode contribuir repassando situações de delito no transporte coletivo para a Guarda Municipal, por meio do telefone 153. A ligação é atendida 24 horas por dia por um dos profissionais do Centro de Operações da Guarda Municipal.

Colher informações básicas, como a cor da roupa, óculos ou bonés, ajudam na identificação posterior. A partir da ligação é possível deslocar uma equipe da Guarda Municipal em trabalho de rua que estiver mais próxima do endereço para averiguação de uma situação de delito em flagrante e fazer abordagens a pessoas suspeitas

Principal meio de deslocamento dos cidadãos curitibanos, o sistema de transporte da capital conta atualmente com 254 linhas urbanas operadas por três consórcios de empresas privadas que disponibilizam uma frota operante de 1.231 ônibus. 

As linhas fizeram, em média, 14,1 mil viagens por dia, percorrendo mais de 273 mil quilômetros. Em média, a Rede Integrada de Transporte transporta 1.228.694 passageiros por dia útil.

Trufas frescas estrelam festival no Marcondes Cozinha Autoral

Ingredientes de alto padrão costumam ser ponto de destaque em restaurantes de alta gastronomia. Insumos raros, preparados com excelência de forma criativa são celebrados nas maiores cozinhas do mundo. E um dos itens mais celebrados, a trufa, estrela um festival completo no Marcondes Cozinha Autoral. Ao invés de usar pastas e cremes de trufa, mais comuns de encontrar, a casa tem um menu completo que leva trufas frescas vindas direto da Itália. O menu sai a R$ 159 por pessoa e começa a ser servido a partir desse sábado (05/11), por tempo limitado.

Iniciando a sequência, o couvert tem Pão feito no vapor com manteiga trufada, e a entrada conta com Bocado de pasta e sálvia, umamassa grano duro com molho cremoso de sálvia. Como prato principal, o cliente pode escolher entre quatro opções. Uma delas é o Mignon ao molho de mostarda apresentado com risoto milanês e finalizado com trufas frescas. Já o Entrecot tem nhoque ao molho de vinho Barolo e finalizado com as trufas.

Uma terceira pedida é o Fettuccine artesanal ao molho pesto e espuma de parmesão, que leva as trufas frescas na finalização. Já a quarta escolha apresenta uma Polenta cremosa com ragu de ossobuco, finalizados com as trufas frescas. Na sobremesa, a sequência leva Zabaglione com sorvete de café.

As trufas frescas têm procedência garantida pela ÉlEat Tartufi, uma das fornecedoras de destaque na região de Piemonte, no norte italiano. As trufas, de aroma marcante, são raras, crescendo na comuna de Alba. São colhidas à noite para garantir o frescor característico. O Festival de Trufas Frescas do Marcondes Cozinha Autoral acontece por tempo limitado. O menu com couvert, entrada, prato principal e sobremesa sai a R$ 159,90 por pessoa. A casa abre de segunda a sábado para jantar, às 18h30, e para almoço de sábado, das 11h30 às 15h30. O Marcondes funciona na R. Recife, 220 – Cabral. Mais informações no perfil oficial do restaurante no Instagram (@marcondesrestaurante). Reservas por WhatsApp (41) 3205-4982.

Happy Hour no ST 444 Batel: de terça a domingo, restaurante italiano-mediterrâneo oferece opções exclusivas de porções

O St 444 Batel, empreendimento gastronômico que atua no segmento italiano-mediterrâneo, está lançando um menu de porções exclusivas para o Happy Hour, que acontece de terça a domingo, das 16h às 20h, para preencher as noites curitibanas com muito sabor.

O novo cardápio com porções exclusivas para o horário de Happy Hour mantém os ingredientes característicos da gastronomia mediterrânea mas com um toque de refinado sem perder a facilidade que as porções precisam no momento do consumo.

As opções formam um menu completamente irresistível. Para os apaixonados por crocância, o restaurante oferece frutos do mar – mais especificamente a lula, camarão e iscas de peixe – empanados na farinha panko acompanhados de molho especial da casa, além da versão do requintado polvo à grega, regado a azeite de oliva e condimentado com sal grosso, páprica picante e acompanhado de pequenas fatias de pão.

Para os fãs dos clássicos, uma boa pedida pode ser as batatas rústicas que vêm acompanhadas com molho de páprica picante. Aos que preferem a maciez e suculência marcante das carnes bovinas, têm a opção de degustar a fraldinha na mostarda e/ou o entrecôte – também conhecido como bife ancho –, este último acrescido de farofa crocante e chimichurri. No horário de Happy Hour, os pratos presentes no menu comum não estarão disponíveis.

Para acrescentar uma dose de personalidade brasileira à refeição, o chopp Pilsen de 300ml chega – bem gelado – à mesa por apenas R$10; os valores variam de R$29 a R$49 por porção.

SERVIÇO

Happy Hour no ST 444 Batel

Onde: Alameda Presidente Taunay, 444 – Curitiba – PR

Quando: de terça a domingo, das 16h às 20h

Como: (41) 3044-0444

Instagram: @st444batel

Fotos: Rafael Ribeiro.