Natal cresce e consolida Curitiba como um dos principais destinos turísticos do país

O Natal de Curitiba – Luz dos Pinhais 2019 fechou com chave de ouro um ano em que o turismo da capital colheu grandes resultados devido às melhorias da oferta turística da cidade, aos novos investimentos públicos e privados, às medidas como a redução do Imposto Sobre Serviços (ISS) para eventos e o incremento das ações de divulgação do destino Curitiba.

Foto: Daniel Castellano/SMCS

Também foi um ano em que o Instituto Municipal de Turismo intensificou as ações de articulação dentro da Prefeitura e junto ao setor de turismo – estratégias que estão ajudando a aumentar o fluxo de turistas e os recursos gerados por quem visita a capital.

Com 5,5 milhões de visitantes, Curitiba é a cidade que mais recebe turistas no Paraná por ano e o terceiro destino brasileiro de turismo de negócios entre os estrangeiros, atrás apenas de São Paulo e Rio de Janeiro.

Além do volume significativo, os visitantes costumam gostar da cidade.

Segundo turistas ouvidos pela Pesquisa de Demanda Turística, realizada em 2018 e divulgada em 2019, 99% deles recomendariam Curitiba como destino de viagens, ajudando com isso a consolidar Curitiba entre os principais destinos turísticos do país.

“O município buscou consolidar ainda mais Curitiba no roteiro nacional de lazer e dos grandes eventos, com destaque para a programação do Natal de Curitiba – Luz dos Pinhais, em que a Prefeitura e a iniciativa privada promoveram mais de 160 espetáculos de fim de ano, a maioria gratuita”, destaca Tatiana Turra, presidente do Instituto Municipal de Turismo.


Maior programação gratuita de Natal

Desde 2017, a festa de Natal coordenada pelo município cresce ano a ano.

O reconhecimento nacional do Natal de Curitiba estimulou, inclusive, o crescimento do calendário, que já é a maior programação gratuita de fim de ano do país. Em 2017, foram 60 eventos; em 2018, 120 espetáculos e, em 2019, chegou a mais de 160 atrações em toda a cidade, entre apresentações de corais, autos de natal, concertos, exposições de presépios e feiras temáticas.

As atrações agradaram o público. “Nós nunca fizemos um passeio como esse, estou com um friozinho bom na barriga de andar na roda-gigante. O Natal de Curitiba está muito bonito”, afirmou Laide Crispin, doméstica de 63 anos, que passeou na roda-gigante da Vila de Natal Electrolux, com o marido, o aposentado Antônio Orlando, 79 anos, durante o Natal de Curitiba 2019.

O município estima que a temporada natalina recebeu 10% a mais de público em 2019, chegando a 700 mil pessoas, e que o número de turistas aumentou 15%, superando 105 mil turistas nas atrações de Natal em 2019. (O balanço deverá ser consolidado no início de 2020)

“Depois da revitalização e agora com o carrossel de Natal, está bom demais trazer as crianças para passear no Passeio Público. Meus netos queriam muito conhecer o parque e estavam empolgados de andar no brinquedo”, avaliou Marcia Regina, 52 anos, dona de casa que mora em Almirante Tamandaré. Durante a programação de Natal, ela levou os netos, Herick, de 10 anos, Luna, de 7 anos e Samira, de 3 meses, para conhecer o Passeio Público e o carrossel. O amigo Carlos Alberto, 45 anos, também curtiu o passeio.

Grandes eventos

Outras ações foram importantes para o turismo da cidade.

A redução da alíquota do ISS de 5% para 2% para eventos, sancionada pelo prefeito Rafael Greca no fim de 2017, começou a valer em 2018 e já refletiu em um crescimento de 8,3% no número de eventos realizados na capital em 2019. Além disso, os novos materiais e vídeos segmentados para o turismo de negócios e eventos têm contribuído para aumentar a ocupação hoteleira, aquecer os setores de comércio/serviços e movimentar as atrações turísticas da capital.

Em 2019, 95 grandes eventos (entre congressos, festivais, feiras, shows, conferências e encontros) contaram com o apoio do Instituto Municipal de Turismo, que ofereceu suporte e orientação aos organizadores, assim como ações de divulgação nos mais diversos meios.

O ano começou com o apoio da Prefeitura e do Vale do Pinhão à segunda edição Smart City Expo Curitiba, maior evento de cidades inteligentes do mundo. O fórum internacional, realizado nos 21 e 22 de março, no Expo Barigui, recebeu 6,7 mil visitantes nacionais e internacionais, um crescimento de 25% em relação ao público de 2018. Além de ter colocado Curitiba na vitrine das cidades inteligentes, com a presença de 85 palestrantes de 80 cidades brasileiras e 40 países, o Smart City Expo Curitiba 2019 teve como destaque o Smart Plaza, espaço do Vale do Pinhão no evento, que sintetizou como o movimento de inovação da cidade está interagindo. 

A terceira edição do Smart City Expo Curitiba já está confirmada para os dias 26 e 27 de março de 2020.

Outro importante evento ocorreu entre setembro e outubro deste ano, quando a cidade sediou o 25º Congresso Mundial da IUFRO, uma organização internacional de pesquisas florestais que se reúne a cada cinco anos.

Foi a primeira vez que o encontro aconteceu no Hemisfério Sul e na América Latina e trouxe para a capital 2,5 mil especialistas de todo o mundo. O encontro teve estande de Curitiba, da rede de lojas #CuritibaSuaLinda e exposição de produtores artesanais que utilizam, de forma sustentável, a madeira. A iniciativa originou o projeto Madeira nas Arcadas, em parceria com Embrapa e Sebrae-PR.

Outros eventos que deram grande visibilidade turística à capital, este ano, foram o Experiência Braztoa Sul 2019 (um dos eventos captados pelo instituto, CTUR, PR Turismo e Sebrae), que reuniu na cidade, em agosto, 75 empresas ligadas à Associação Brasileira das Operadoras de Turismo (Braztoa) e 600 agentes de viagens brasileiros; o International Cardiology Meeting, congresso internacional que teve a participação, em agosto, de 2,5 mil médicos cardiologistas do mundo todo; o encontro de Harleyros do Outubro Rosa, que teve a participação de mais de mil motociclistas de todo o Brasil; e o concerto de Paul McCartney, em março, que recolocou Curitiba no calendário de shows internacionais e trouxe fans do ex-beatle de todo o Sul do país.

“Curta Curitiba”

Estrategicamente lançada para o setor de turismo, durante o Experiência Braztoa Sul 2019, a nova marca “Curta Curitiba, Uma Cidade a Cada Esquina” reflete a estratégia de posicionamento, promoção e diversificação da oferta de atrativos turísticos da capital aplicada pelo Instituto Municipal de Turismo e, também alinhada às instituições e empresas do setor, redefine toda linguagem e layout dos materiais, vídeos e folhetos do turismo da cidade.

Entre as iniciativas estão novas ações de promoção dos atrativos e roteiros, a participação em mais feiras e eventos e capacitações voltados a agentes, operadores de turismo e formadores de opinião.

Curitiba em 20 feiras

Em 2019, o destino Curitiba foi apresentado em mais de 20 feiras e eventos de negócios do setor de turismo nacionais e internacionais, que contaram um público superior a 180 mil participantes.

Além disso, foram realizados fantours com 188 representantes de agências de viagens e operadoras e presstrips com veículos de comunicação e influenciadores digitais.

Complementam as estratégias de promoção um plano de mídia com anúncios nos principais veículos da mídia especializada do Turismo.

Capacitação

Ao longo de 2019, o Instituto Municipal de Turismo ainda promoveu 61 capacitações (palestras, treinamentos, oficinas, visitas técnicas e city tours) com 2.367 participantes e apoiou palestras, workshops e oficinas de entidades como Sebrae-PR,  Convention & Visitors Bureau, Guarda Municipal e Superintendência de Trânsito.

Linha Turismo cresce

Em parceria com a URBS, o Instituto Municipal de Turismo promoveu um estudo e mapeamento para subsidiar a definição de melhorias no atendimento da Linha Turismo, como a implantação da bilhetagem eletrônica. Como resultado, de janeiro a outubro, houve um aumento de 8,3% no número de embarques em relação ao mesmo período de 2018. Destaque para o mês de julho, que teve 81.400 embarques, fortalecendo Curitiba como destino de inverno.

Iniciativas em várias frentes

Além disso, várias iniciativas de apoio ao turismo, iniciadas em 2017, continuaram a ser intensificadas este ano, como melhorias contínuas na Torre Panorâmica das Mercês, que de janeiro e novembro recebeu 134,7 mil visitantes (+5,9% em comparação ao ano passado); o tour gratuito “Caminhada Turística”, com passeios pelo Centro Histórico; a divulgação dos roteiros do programa Curitibéra, de apoio aos produtores de cerveja artesanal da região; e a campanha Inverno em Curitiba – Aqueça sua Programação, que divulgou entre julho e setembro as atrações culturais e gastronômicas.

No que se refere à atenção aos turistas, foram registrados mais de 59 mil atendimentos nos postos físicos e canais digitais. Já no portal do Turismo de Curitiba foram registrados aproximadamente 440 mil acessos, enquanto que nos sete perfis de redes sociais somam-se mais de 30 mil seguidores.

Economia criativa

Em novembro de 2019, o Instituto Municipal de Turismo inaugurou o inédito Liceu de Ofícios Criativos, o primeiro hub do Paraná dedicado à capacitação de artesãos, designers e empreendedores ligados à economia criativa da capital. Em dois meses, mais de 20 ações de capacitação foram realizadas.

O Instituto Municipal de Turismo administra as 30 feiras de arte e artesanato, que reúnem mais de 2.500 artesãos pela região central e bairros da capital paranaense, entre elas as Feiras Especiais nas praças Osório e Santos Andrade e feirinha do Largo da Ordem. Em 2019, os editais de chamamento público ofereceram 1.229 novas vagas para expositores nos pontos. 

Mais CuritibaSuaLinda

Oportunidades surgiram também com a abertura de três novas lojas de suvenires da rede #CuritibaSuaLinda, administradas pela URBS, no Espaço Cultural David Carneiro, no Mercado Municipal e a loja móvel Fashion Truck, assim como com o apoio à participação dos artesãos em dez eventos externos. As cinco unidades #CuritibaSuaLinda encerraram o ano com 146 novos produtores selecionados.

O Sou Curitiba, projeto conduzido pelo Sebrae-PR, do qual o Instituto Municipal de Turismo é membro do grupo gestor, assessorou 25 designers para a concepção e desenvolvimento de novos produtos com identidade local, contribuindo para a diversificação dos suvenires de Curitiba.

Ainda em dezembro, o Instituto Municipal de Turismo inaugurou o espaço Madeira nas Arcadas, que renova a ocupação da Galeria das Arcadas de São Francisco, na Praça João Candido. O espaço comercializa arte e peças autorais em madeira sustentável. O projeto visa também a conscientização quanto a importância do consumo local e reaproveitamento da matéria-prima e tem o slogan “Da floresta ao design sustentável”.

Além disso, o Instituto Municipal de Turismo levou 18 artesãos e designers para a Feira Internacional de Artesanato (Feiarte), que ocorreu, em maio de 2019, em Curitiba.

Todas as ações visam a fortalecer a “Curitiba Capital do Design”, título recebido da Unesco.


Turismo ponto a ponto em 2019

Natal de Curitiba

 – O Instituto Municipal de Turismo lidera com Fundação Cultural e o Gabinete do prefeito a organização do Natal de Curitiba – Luz dos Pinhais. Entre as novidades de 2019, destaque para o carrossel, trenzinho e auto do Natal Condor no Passeio Público, o balé O Quebra Nozes nas Ruínas do São Francisco, espetáculo de Ópera no Palácio Garibaldi, a Bola de Natal na Avenida Mario Tourinho, as 25 árvores iluminadas e mais dias de passeio na roda-gigante da Vila de Natal Electrolux da Praça Santos Andrade.

– Grandes marcas, como Electrolux, Supermercados Condor, Caixa Econômica Federal, Volvo, Banco do Brasil, Governo Federal, Samar Iluminação, Grupo Servopa, Associação Comercial e Industrial de Santa Felicidade (Acisf) e ParkShoppingBarigüi foram patrocinadores do Natal de Curitiba este ano. Outras empresas e instituições, como Bradesco, Fecomércio e Rumo, foram parceiras em grandes eventos. A programação do Natal da cidade se expandiu em frequência e na descentralização para todas as Regionais da cidade.

– Como na edição de 2018, moradores e turistas puderam conhecer várias atrações da programação embarcando na Linha Natal, que foi oferecida de 4 a 22 de dezembro, com direito a embarque e desembarque nos pontos de visitação e um bilhete que permitia integração (passagem grátis) de retorno para casa no sistema de transporte da cidade.

Pesquisa de Demanda Turística

Curitiba recebeu 5,5 milhões de turistas no ano passado – um crescimento de 49% em comparação a 2012, ano da pesquisa anterior, quando 3,7 milhões de pessoas estiveram na capital paranaense. É o que mostrou a Pesquisa de Demanda Turística, feita na cidade no ano passado. O estudo apontou que, do total de turistas de 2018, 41,7% visitaram a capital por motivo de negócios e eventos – enfatizando a vocação de Curitiba para a realização de eventos e viagens de negócios.

No entanto, cabe destacar o crescimento do número de viagens motivadas por lazer, que dobrou nos últimos seis anos. Em 2018, 1,15 milhão de pessoas vieram à capital a passeio ou descanso, representando 21% do total de visitantes. Em 2012, eram apenas 584,6 mil. O crescimento no período foi de 96,7%.

Atenção ao turista

– A implantação do novo cartão-transporte na Linha Turismo possibilita reembarques em todos os 25 atrativos do percurso de maneira ilimitada no período de 24 horas, significando um aprimoramento do serviço e equiparando a padrões internacionais. O cartão é estampado com imagens de ícones da cidade, uma lembrança para os turistas levarem para casa.

 – Quem visita a cidade ganhou, este ano, os mapas turísticos “Curta Curitiba até segunda” e “Curta Curitiba a pé”, que se somam aos demais guias e roteiros temáticos disponíveis online e nos postos de informações turísticas.

 – Ao longo do ano foram realizadas cinco walking tours com 149 turistas. Além disso, houve 12 ações de sensibilização para o turismo e para o patrimônio municipal, solicitadas pela comunidade, que reuniram um total de 431 participantes.

 – Entre 26 e 30 de junho, foi realizado o 2º Festival Sabores do Pinhão, no Mercado Municipal, uma parceria entre o Instituto Municipal de Turismo, a Secretaria Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional, a Agência de Desenvolvimento Turístico (Adetur) e municípios da Região Metropolitana. Na programação, comercialização de pratos à base do fruto da araucária, aulas-show e oficinas culinárias infantis.   

Destino Curitiba em principais feiras e congressos

– Estande do Vale do Pinhão no Smart City Expo Curitiba 2019, nos dias 21 e 22 de março, em Curitiba.

– WTM (World Travel Market) Latim America, em São Paulo, de 2 a 4 de abril

– Nos dias 3 e 4 de maio, participou do Salão Paranaense de Turismo, em Curitiba. A cerimônia de abertura do evento ocorreu no Memorial de Curitiba com o apoio da Prefeitura.

– Festival das Cataratas, em Foz do Iguaçu (PR). A feira ocorreu de 17 a 19 de junho

– Expo Abav, maior feira de turismo do Brasil. O evento ocorreu nos dias 25, 26 e 27 de setembro, no Expo Center Norte, em São Paulo. Na feira, o prefeito Rafael Greca apresentou ao trade de turismo, a Curitiba inovadora, com soluções inteligentes de gestão, responsabilidade social e comprometimento com o meio ambiente. O destino Curitiba foi apresentado em um estande com aulas-show de culinária nas tardes da feira.

– FIT América Latina, em Buenos Aires (Argentina), maior feira latino-americana de turismo e viagens. A feira ocorreu de 5 a 8 de outubro.

–  Feira Internacional de Turismo do Paraguai, em Assunção. O evento ocorreu de 11 a 13 de outubro.

– Festival de Turismo de Gramado (RS). O evento ocorreu entre 7 a 9 de novembro.

– JPA Travel Market, de 18 e 19 de outubro, em João Pessoa (PB).

Apoio ao artesanato local

– O Liceu de Ofícios Criativos oferece rodadas de negócios, cursos e oficinas voltados à inovação, criatividade e identidade local. Com uma área de 121 metros quadrados, o espaço ocupa um prédio histórico na Rua Mateus Leme, no São Francisco, com recepção, biblioteca e salas de aula. O prédio foi revitalizado a partir de um projeto do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc).

– As Feiras de Artesanato dos Bairros contam com 610 artesãos. A novidade de 2019 é a Feira Regional Cajuru, com a missão de fomentar o desenvolvimento do empreendedorismo local, bem como divulgar a diversidade da produção artesanal de cada região da cidade.

– A Feirinha do Largo da Ordem ganhou, em novembro, 40 novas vagas para expositores de produtos artesanais e 10 para artes plásticas. Atualmente, a tradicional feira de domingo conta com 1.300 expositores.