Na pandemia, famílias transferem filhos para escolas públicas

A queda na renda e o desemprego gerados pela pandemia têm levado muitas famílias a mexer no orçamento doméstico. Nesse cenário, alguns pais ou responsáveis estão transferindo crianças e estudantes da rede particular para a pública.

Segundo dados do Departamento de Planejamento, Estrutura e Informações da Secretaria Municipal da Educação, desde o final de março até 18 de maio, 437 solicitações de matrículas foram registradas na rede pública municipal.

Como fazer

As famílias que quiserem optar por vaga na rede municipal de ensino de Curitiba, que atende Educação Infantil, Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos (EJA) fase I, devem – com o uso de máscara – procurar o Núcleo Regional Municipal da Educação de seu bairro, nas Ruas da Cidadania, com os seguintes documentos:

– Certidão de Nascimento da criança (original e cópia)

– Declaração de transferência ou histórico da escola de origem

– Cópia de RG e CPF dos pais ou responsáveis

– Se a criança tiver cadastro no Programa Bolsa Família do governo federal, deverá informar o código do NIS (Número de Identificação Social)

 – Para comprovante de endereço deverá apresentar o talão de conta da Copel recente

– Declaração de vacina da criança (esta declaração pode ser retirada em qualquer posto de saúde)

Cada um dos dez Núcleos Regionais irá direcionar o estudante para a unidade onde há vaga. Na rede municipal, o atendimento a partir dos 4 anos é universal, ou seja, todos serão atendidos.Videoaulas da rede

Videoaulas

Desde o dia 13 de abril, estudantes da rede municipal de Curitiba podem assistir às videoaulas produzidas pela equipe da Secretaria Municipal da Educação de Curitiba, além de receberem as atividades complementares produzidas pelas equipes das escolas.

A transmissão é pela TV aberta (canal 9.2 UHF da TV Paraná Turismo) e no YouTube, pelo canal TV Escola Curitiba. São 67 mil inscritos e 5,5 milhões de visualizações desde a estreia.

Para quem estuda na rede municipal de Curitiba, os professores também produzem atividades complementares, que as famílias retiram nas escolas a cada 15 dias.

página da Educação disponibiliza os contados dos Núcleos, na aba da esquerda.

Doces ou travessuras: Rede de café ‘to go’ lança frappe inédito de Halloween  

O Dia das Crianças e o Dia das Bruxas, ambos comemorados em outubro, vão ficar ainda mais gostosos com a nova criação da Go Coffee. A rede pioneira em cafés ‘to go’ acaba de lançar o Frappe Secreto de Halloween, bebida temática no sabor uva, para agitar o mês mais assustador do ano.

“Resolvemos brincar com os feitiços e mistérios das bruxas aliado à criação de receitas únicas e saborosas para criar uma sobremesa incrível para as crianças e também para os jovens e adultos que desejam relembrar o gostinho da infância”, conta Elói Ferreira, sócio fundador da Go Coffee. Para tornar a experiência ainda mais divertida, na compra de um Frappe de Halloween, o cliente vai ganhar uma tatuagem assombrada para colar na pele.

A novidade ficará disponível em todas as lojas brasileiras da rede de 03 de outubro a 04 de novembro. Já para acompanhar a bebida, a rede ainda um cardápio completo de doces e salgados produzidos a partir de receitas autorais, como cookies tradicionais e recheados, brownies, muffins, salgados e pães de queijo.

O Frappe de Halloween fica disponível até o dia 04 de novembro em todas as unidades da Go Coffee do país. Mais informações no Instagram oficial da rede no Instagram (@gocoffeebrasil).

Pizzaria da Mathilda lança novo sabor com promoção

Um novo sabor de pizza chegas às três unidades da Pizzaria da Mathilda nessa terça-feira – e com desconto. A Portuguesa mistura o sabor clássico ao estilo napolitano, com pizzas individuais, da rede que conquistou o público curitibano. O valor da pizza será R$ 42, mas no dia do lançamento (04/10), sairá pela metade do preço, tanto para consumo nas lojas (no Juvevê, Água Verde e Vicente Machado) quanto para retirada no balcão e venda no site.

A pizza Portuguesa, segundo as histórias, teria nascido no Brasil, quando imigrantes portugueses adicionaram ingredientes diferentes às pizzas feitas pelos imigrantes italianos. Na receita da Mathilda, os insumos clássicos se aliam ao estilo napolitano que consagrou a pizzaria curitibana. A massa de fermentação lenta, servida individualmente, recebe molho, presunto, basílico, cebola roxa, mozzarella, ovo caipira e azeitona preta.

O estilo napolitano da Pizzaria da Mathilda é celebrado como um dos mais tradicionais, sendo considerado patrimônio imaterial da humanidade pela UNESCO. A Mathilda conquistou o público curitibano ao seguir as regras dessa tradição com as pizzas individuais em sabores clássicos, como Marguerita, e também com criações originais. Renovando o cardápio, traz pedidas favoritas do público como a Portuguesa.

A nova pizza Portuguesa estreia nas três lojas no dia 04 de outubro. A Pizzaria da Mathilda conta com três unidades da rede em Curitiba: Vicente (Av. Vicente Machado, 859), Juvevê (R. Rocha Pombo, 265) e Água Verde (Av. dos Estados, 1066). As lojas abrem de terça-feira a domingo, das 18h às 23h. Além disso, os pedidos poderão ser feitos, também, pelo site www.pizzariadamathilda.com.br. Mais informações no perfil oficial no Instagram (@pizzariadamathilda).