Linha Natal começa a funcionar nesta terça e percorre nove locais decorados

Moradores e turistas que quiserem conferir os principais pontos de decoração natalina da cidade podem embarcar, a partir desta terça-feira (3/12), às 19h, na Linha Especial de Natal. O passeio de duas horas faz parte da programação do Natal de Curitiba – Luz dos Pinhais 2019 e custa R$ 20 – com direito a integração com o transporte convencional.

A Linha Natal vai funcionar até 23 de dezembro, de terça a domingo, com embarques a cada 12 minutos até 21h. O ponto inicial ficará na Rua XV de Novembro, no Teatro Guaíra, que contará com três coberturas, identificadas com a cor vermelha.

No percurso, será possível apreciar nove pontos da capital, como Praça Santos Andrade, Passeio Público, Largo da Ordem, Palácio Avenida, Parque Tanguá e Bosque Alemão.

Parceria entre o Instituto Municipal de Turismo e a Urbanização de Curitiba (Urbs), a linha terá 20 ônibus, tipo padron (fechados), que percorrerão 20,5 quilômetros a cada viagem.

Na Linha de Natal, o passageiro também poderá desembarcar em algum ponto de parada do seu interesse e embarcar novamente no próximo ônibus para continuar o passeio, sem custo adicional.

Integração

“É o segundo ano consecutivo que o ônibus de Natal vai funcionar, mas nessa edição há uma novidade: a integração com as demais linhas do sistema de transporte da capital”, destaca Tatiana Turra, presidente do Instituto Municipal de Turismo.

O cartão de embarque, que deverá ser comprado em dinheiro no ônibus de Natal, poderá ser usado, uma única vez, para pagar uma passagem em qualquer outro ônibus de linha da capital.

“Quem faz o passeio e depois quer ir para casa com outro ônibus, não vai precisar pagar uma nova passagem”, detalha o presidente da Urbs, Ogeny Pedro Maia Neto.

No ano passado, 3,5 mil passageiros embarcaram na Linha Especial de Natal.

Serviço: Linha Especial de Natal

Pontos inicial: Rua XV de Novembro – Teatro Guaíra. Depois a linha passa pelos seguintes atrativos: árvore de Natal da Rua XV de Novembro, Passeio Público, Prefeitura Municipal, Parque Tanguá, Bosque Alemão, Farol do Saber Machado de Assis (Mercês), Centro Histórico – Belvedere e Palácio Avenida.

Ingresso: R$ 20 em dinheiro, que dá direito a um cartão de embarque

Crianças até 5 anos não pagam

Demais categorias sem isenção

Observação: Nos dias 6,7,8,13,14,15,20, 21 e 22 de dezembro, em função da apresentação de Natal do Palácio Avenida, o embarque e desembarque da Linha Especial de Natal se dará no ponto do ônibus Circular Centro, em frente ao hotel Bourbon.

A Prefeitura promove o Natal com o patrocínio dos Supermercados Condor, Caixa Econômica Federal/Governo Federal, Electrolux, Volvo, Samar Iluminação, Servopa, Associação Comercial e Industrial de Santa Felicidade (Acisf) e Associação dos Lojistas do ParkShoppingBarigui. A programação de espetáculos vai até 23 de dezembro e a decoração poderá ser vista até 6 de janeiro.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA NO SITE: https://natal.curitiba.pr.gov.br/

A programação está sujeita a alterações.

Deixar animais soltos em ruas e praças pode gerar multa de até R$ 2 mil em Curitiba

Projeto de lei que reforça punição à maus-tratos foi aprovado em 1º turno na Câmara Municipal.

Os vereadores de Curitiba aprovaram nesta quarta-feira (16), por unanimidade e em 1ª discussão, o projeto de lei que, entre outras coisas, estabelece multa de R$ 200 a R$ 2 mil para quem abandonar animais em ruas e espaços públicos. O projeto modifica  modifica lei já existente e amplia as práticas consideradas como crime de maus-tratos a animais.

A proposta da vereadora Katia Dittrich (Solidariedade) lista 24 ações ou omissões como maus-tratos, o dobro do que previa a lei de 2011. Entre os novos comportamentos que caracterizam o crime, o mais significativo é o de abandono.

“Deixar o animal solto em vias e logradouros públicos” como diz o texto do projeto, vai passar a doer no bolso, com multas de até R$ 2 mil no caso de flagrante ou denúncia comprovada. As medidas seguem a linha de projeto semelhante porém ainda mais rigoroso e que prevê responsabilização criminal, aprovado no Senado Federal na semana.

Outros dois pontos polêmicos do projeto são a proibição expressa de ‘passeios’ desacompanhados e abandono de animais idosos ou doentes. No primeiro caso está prevista responsabilização dos tutores com multa, pelo risco do animal sofrer ou causar acidentes, além de permitir uma possível cria indesejada” e no segundo uma característica de agravante ao crime de maus-tratos, pela vulnerabilidade dos bichos.

Para entrar em vigor, o projeto precisa ser aprovado em 2ª discussão para depois ser sancionado ou não pelo prefeito.  Caso seja sancionada, a lei então terá um prazo para regulamentação.

Informações Banda B.

Sérgio Moro recebe carteira da OAB e abre escritório em Curitiba

Antes de começar a advogar, no entanto, Moro deverá acabar de cumprir a quarentena de seis meses determinada pela Comissão de Ética da Presidência.

O ex-juiz federal que conduziu a Lava Jato e colecionou desafetos entre alguns criminalistas vai atender sua futura clientela em um endereço de Curitiba, base e origem da maior operação já desencadeada no País contra a corrupção.

Antes de começar a advogar, no entanto, Moro deverá acabar de cumprir a quarentena de seis meses determinada pela Comissão de Ética da Presidência. Levando em consideração a data em que anunciou sua renúncia e acusou o presidente de suposta tentativa de interferência na Polícia Federal, 24 de abril, a quarentena do ex-juiz terminará no fim de outubro.

Informações Banda B.