Jornalista paranaense lança livro sobre Monty Python em Curitiba

Neste sábado, 27, o jornalista paranaense Thiago Meister Carneiro estará autografando o seu livro “A história (quase) definitiva de Monty Python” na 2ª edição da Feira Gráfica Mamute, em Curitiba.

Em cinco anos de pesquisa, o autor conta a história da criação do grupo, desde a época em que os membros faziam peças de teatro na faculdade até o Monty Python nos dias de hoje. O livro é recheado de curiosidades sobre os filmes, os discos lançados, os musicais e, principalmente, sobre a série de tevê.

AUTOR

Thiago Meister Carneiro é jornalista, com Especialização em Linguística e Literatura (aprovado com o artigo “O Ministro do Andar Tolo – O humor nos tempos de Monty Python).

Nasceu em Curitiba, em 1982, e hoje vive em Guarapuava, onde mantém o site O Ministro do Andar Tolo, o site (quase) mais completo sobre Monty Python do Brasil.

SERVIÇO:

O quê? Mamute – Feira Gráfica de Rua

Quando? Sábado, das 11h às 20h

Onde? Alameda Júlia da Costa, 102 – Curitiba

Quanto? De graça!!

Mais informações: https://www.facebook.com/events/791797161196697/

O Ministro do Andar Tolo: www.andartolo.com

Email: contato@andartolo.com

Facebook: www.facebook.com/OMinistroDoAndarTolo

Twitter: www.twitter.com/andartolo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acorda, Pedrinho: Banda Jovem Dionísio faz bate-papo na Oficina de Música de Curitiba

Banda Jovem Dionísio faz bate-papo na Oficina de Música de Curitiba. Foto: Divulgação

Nesta quinta-feira (2/2), às 17h30, a banda curitibana Jovem Dionísio participará de um bate-papo musical, como parte das atividades da 40ª Oficina de Música de Curitiba. No encontro, o grupo falará com os alunos da oficina e com o público em geral sobre suas trajetórias, sua visão sobre a música e sobre seus processos de composição e produção.  

O bate-papo será realizado no Auditório John Henry Newman, na biblioteca central da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR). A entrada é gratuita com inscrição pelo site da Oficina.

Acorda, Pedrinho

A banda, que existe desde 2019, ganhou grande popularidade a partir de 2020, com seu primeiro grande sucesso, Pontos de Exclamação. Mas a música que realmente fez o grupo curitibano estourar foi Acorda, Pedrinho, lançada em 2022. A canção chegou a ocupar a primeira posição nas músicas mais escutadas do país, na plataforma de streaming Spotify, também ficando bastante famosa nas redes sociais.

Este grande sucesso foi inspirado em uma piada interna do grupo, que frequentava a lanchonete Aquarius, na Avenida João Gualberto, também conhecida como o Bar do Dionísio, de onde vem o nome da banda. Neste local, o grupo jogava sinuca com um senhor chamado Pedrinho, que tinha de ser acordado antes, pois dormia após beber no bar.

Com esta recente popularidade, a Jovem Dionísio irá compartilhar algumas de suas experiências na estrada, além de suas impressões sobre música e produção musical, neste bate-papo especial promovido pela Oficina de Música de Curitiba.

Serviço

Bate-papo musical com Jovem Dionísio

Dia 2 (quinta-feira) – 17h30

Local: Biblioteca Central – Auditório John Henry Newman, PUCPR (R. Imaculada Conceição, 1155 – Prado Velho)

Grátis – Inscrição

Veja a matéria no site da Prefeitura de Curitiba

Sesi Cultura Paraná apresenta sua UMO na Oficina de Música no final de semana

Toda a versatilidade da Unidade Móvel de Cultura (UMO) do Sesi Cultura Paraná estará à disposição da 40ª Oficina de Música de Curitiba. No próximo final de semana, a carreta que se transforma em palco estará levando música gratuita e de qualidade para duas regiões da cidade. A programação traz atrações para as crianças, música brasileira de raiz, jazz, blues, viola caipira, choro,  rap, música negra e muito mais! 

O Baile Borogodó é o mais novo musical da Trupe Tupi Pererê. Esse show, que mistura teatro e música, poesia e brincadeira, será o “cabaré” escolhido para festejar com as crianças das Regionais a 40ª Oficina de Música de Curitiba. O repertório passeia pelo universo da infância com canções autorais da banda e cancioneiro popular.

Oswaldo Rios, fundador do Grupo Viola Quebrada, vem trilhando sua trajetória dentro da música brasileira sempre nessa trilha do resgate da música de raiz relacionada ao cidadão urbano, com releituras de músicas já consagradas de grandes nomes e composições de sua autoria. Nestes shows toca com seu parceiro de grupo Viola Quebrada, o violeiro Rogério Gulin. O Serra Acima Trio apresenta o virtuosismo das violas caipiras, com temas tradicionais da música sertaneja e de raiz, explorando ritmos da viola caipira. No repertório estão clássicos de artistas como Almir Sater, Tião Carreiro, João Lopes, Cascatinha e Inhana, e também composições dos integrantes do trio.

O rapper introspectivo Bruno Farias também traz as novidades da cena underground de Curitiba, tocando a poesia ritmada com batidas de groove com samples. Os grandes clássicos do jazz por sua vez serão atração do show de Priscila Nogueira e Caio Santos. Tupinamblues traz a conexão entre a música negra e sua fusão com a cultura local do blues da América do Norte, o samba e demais ritmos brasileiros. Outros ritmos nacionais presentes são o choro, no show do Grupo Chorólicos Anônimos, e o samba, com Amanda Cortes.

No final de semana passado a UMO já esteve na praça da Cidadania do Cajuru e no Parque Náutico do Boqueirão.

Serviço:

Unidade Móvel de Cultura (UMO) na 40ª Oficina de Música de Curitiba

  • Dia 04/02, sábado, Praça José Soares Grobe – R. Nova Esperança – Sítio Cercado:
  • 11h30 – Borogodó dos Pererês – Trupe Tupi Pererê, com Guga Cidral, Ithyara Tainá, Daniel Arenhart, Ramon Pereira, Fabinho de Souza, Luke Machado (STANDIN)
  • 13h30 – Serra Acima Trio, com Emiliano Pereira, João Triska e Junior Bier
  • 15h30 – Priscila Nogueira e Caio Santos
  • 17h –BFace, com Bruno Farias
  • Dia 05/02, domingo, Parque Barigui:
  • 11h30 – Borogodó dos Pererês – Trupe Tupi Pererê, com Guga Cidral, Ithyara Tainá, Daniel Arenhart, Ramon Pereira, Fabinho de Souza, Luke Machado (STANDIN)
  • 13h30 – Oswaldo Rios e Amigos, com Rogério Gulin
  • 15h30 – Chorólicos Anônimos – Silvio Biondo (bandolim), Jackson Franklin (violão 8 cordas) e Eron Barbosa (percussão)
  • 17h – Amanda Cortes
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com