Fiscalização de fim de ano interdita nove estabelecimentos

Nos últimos cinco dias, durante as ações de fiscalização da virada do ano, a força-tarefa formada por equipes da Prefeitura de Curitiba e do Governo do Estado, percorreu diferentes bairros da cidade com ações para coibir excessos, evitar aglomerações e a falta de adequação às medidas anti-covid. Durante as incursões, realizadas entre 30 de dezembro e 3 de janeiro, 50 estabelecimentos foram vistoriados ou inspecionados e nove deles acabaram interditados por descumprimento ao decreto 1.710, de 17 de dezembro.

O decreto estabelece medidas restritivas a atividades e serviços para o enfrentamento da Emergência em Saúde Pública, de acordo com o quadro epidêmico do novo coronavírus na cidade. A situação atual é de Risco Médio de Alerta – Bandeira Laranja.

Tiveram as atividades encerradas durante ações da Aifus-covid (Ações de Fiscalização Integradas) um bar e mercearia no Butiatuvinha, um restaurante, bar e Lanchonete no Água Verde, uma casa de festas, eventos e casa de massagens no Parolin, um restaurante e pizzaria no Tingui, dois bares no Batel, além de bares no Centro, Cajuru e Barreirinha.

Quatro estabelecimentos foram notificados para adequação à Resolução 1/2020: um bar e comércio varejista de bebidas no São Braz, uma pizzaria no São Braz, uma lanchonete e restaurante no Bigorrilho, além de uma loja de departamentos no Parolin. Em dois locais foram expedidas notificações por comércio irregular.

Auto de infração

Os técnicos da Vigilância Sanitária inspecionaram 15 estabelecimentos entre farmácias, supermercados, restaurantes, comércios de bebidas nos bairros Portão, Matriz e Santa Felicidade. Um auto de infração foi emitido.

Todas as ações de fiscalização e inspeção foram focadas especificamente no cumprimento dos protocolos de prevenção ao novo coronavírus, como distanciamento social e uso de máscara e outras regras sanitárias. Novas ações serão realizadas ao longo desta semana.

Desde o início do combate ao novo coronavírus as equipes da Prefeitura já fizeram 35.809 ações de inspeção ou fiscalização. As fiscalizações e inspeções são pautadas a partir das denúncias feitas pela população, por meio da Central e aplicativo 156.

Natal

As ações realizadas na semana do Natal, de 23 a 27 de dezembro, resultaram em 15 estabelecimentos fechados e notificados por estarem em desacordo com as normas vigentes no município para evitar a propagação do novo coronavírus. Ao todo, nesse período, foram vistoriados 39 estabelecimentos pelas equipes da Prefeitura, Polícia Militar e Guarda Municipal.

Entre os locais interditados estão bares, lanchonetes, restaurantes, pizzaria, tabacaria, mercado, distribuidora de bebidas, entre outros, nos bairros São Francisco, CIC, Portão, Centro, Campo Comprido, Santa Felicidade, Rebouças, Xaxim, Água Verde.

As Aifus (Ações de Fiscalização Integradas) são ações diárias e regionalizadas, formadas por equipes da Guarda Municipal e Urbanismo, com Policia Militar, Corpo de Bombeiros. As ações são direcionadas a bares e casas noturnas, em locais com histórico de aglomerações, notadamente bares e regiões que concentram grande número desses estabelecimentos.

A Vigilância Sanitária e Guarda Municipal, por sua vez, realizam ações voltadas para o comércio: restaurantes, lanchonetes, shoppings, galerias, farmácias, supermercados e lojas, principalmente as de departamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curitiba tem o primeiro drive-thru de café do Brasil

Recentemente, Curitiba ganhou o primeiro drive-thru de café do Brasil, o Drive Café! O espaço (que é uma lindeza) fica localizado na Rua Mateus Leme. 

E nesses dias de frio na capital um café quentinho vai bem! O cardápio do Drive conta com preparos tradicionais, que vão dos mais elaborados – com caramelo e chocolate europeu – até os gelados. Os preços variam de R$4 a R$23. 

Foto: @drivecafe.br

O Drive também serve sorvetes com casquinha recheada de café. Além de pão de queijo, cookies, brownie e nuts. 

Foto: @drivecafe.br

Serviço – Drive Café

Endereço:  Rua Mateus Leme, 3268 – São Lourenço

Horários: segunda a sexta, das 7h30 às 19h | sábados, das 8h às 17h

Ponto “instagramável” de Curitiba, Praça das Nações é revitalizada

A Praça das Nações, localizada na confluência dos bairros Alto da XV, Tarumã e Cristo Rei, é um desses locais da paisagem urbana chamados de “instagramáveis”: tem um bom plano de fundo para fotos postadas nas redes sociais, especialmente no Instagram. Por estar em uma área alta, a praça oferece uma vista privilegiada do skyline, o horizonte da cidade contornado pelos edifícios. Por isso, é bastante procurada para fotos no por-do-sol e em noites de lua cheia. 

Foto: Daniel Castellano / SMCS

Agora, a praça está ainda mais fotogênica com a revitalização feita pela Prefeitura. O trabalho foi realizado por equipes da Secretaria Municipal do Meio Ambiente (SMMA) a pedidos de moradores da região e frequentadores do local. Incluiu reparos de rachaduras no concreto e correção dos desníveis na calçada.

“Recebemos com atenção os pedidos dos curitibanos para tornar a Praça das Nações ainda melhor. O prefeito Rafael Greca escutou as solicitações e determinou as melhorias, que proporcionam bem-estar aos frequentadores”, destaca a administradora da Regional Matriz, Rafaela Lupion.

Melhorias

Além da correção das rachaduras nos paredões das áreas de estar e do parquinho, feita com concreto armado, as equipes também melhoraram o sistema de drenagem, evitando o acúmulo de água das chuvas.

No parquinho, todos os equipamentos foram recuperados e os acessos foram refeitos, em cimento alisado. 

Foto: Daniel Castellano / SMCS

O calçamento da praça foi restaurado, inclusive com a correção de falhas no meio-fio. O piso em petit-pave do parquinho, da área de estar e junto à Rua Presidente Beaurepaire Rohan também foi reformado.

Trincheira sem pichação

As benfeitorias se estenderam à trincheira que liga a Avenida Victor Ferreira do Amaral (Tarumã) à Rua XV de Novembro (Alto da XV) e faz parte do complexo da Praça das Nações. As paredes receberam pintura antipichação em uma área de 5 mil m², serviço feito pelas equipes da Superintendência de Manutenção Urbana no projeto de revitalização assinado pelo Ippuc.

Foto: Daniel Castellano / SMCS

Múltiplas paisagem

A Praça das Nações oferece ainda outras paisagens para contemplação. Além da vista privilegiada da área central de Curitiba a partiir da Rua XV de Novembro, quem volta olhar em direção oposta, ao Tarumã, enxerga os contornos da Serra do Mar.

Foto: Daniel Castellano / SMCS

Outro atrativo da praça é o painel do artista curitibano Poty Lazzarotto na parede da casa de bombas do Reservatório Cajuru, a Caixa-d’Água do Alto da XV. Este ano, o mural de 23 metros de comprimento por 3 metros de altura completou 25 anos. Ele foi inaugurado como parte das comemorações dos 303 anos de Curitiba, em 1996.