Curitiba terá drive thru para a vacinação dos idosos

Curitiba adotou uma estratégia diferente para a campanha de vacinação contra a gripe, que começa na próxima segunda-feira (23/3). Em vez de concentrar a vacinação nas unidades de saúde, serão montados 42 pontos externos, que funcionarão de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.

Destes pontos, cinco funcionarão como um “drive thru” para os idosos: eles não precisarão sair do carro para receber a imunização. O público-alvo de idosos é de 118 mil pessoas.

A medida busca afastar os idosos do risco de contrair o novo coronavírus. Com a vacinação em áreas externas, não será necessário ir até a unidade de saúde para se vacinar e se expor ao vírus.

“Pede-se o comparecimento à vacinação principalmente às pessoas idosas. Não queremos perder ninguém”, diz o prefeito Rafael Greca.

Neste ano, o Ministério da Saúde adiantou o início da campanha contra a gripe em quase um mês, em decorrência da epidemia do novo coronavírus. O objetivo é imunizar a população-alvo contra influenza e minimizar os impactos da doença no sistema de saúde. 

Drive thru

Os pontos com drive thru para os idosos serão a Praça Afonso Botelho (do Atlético), Praça da Maternidade Bairro Novo, Praça Eucaliptos, o Restaurante Madalosso e a Paróquia Santo Antônio.

A operação do drive thru será realizada pela Secretaria Municipal da Saúde, em parceria com a Secretaria Municipal de Defesa Social e Trânsito, que disponibilizará módulos nos locais. Além disso, agentes de trânsito vão organizar o fluxo de pessoas e de trânsito durante este trabalho. 

Veja aqui todos os locais da vacinação contra a gripe

Segurança 

De acordo com a coordenadora da Central de Vacinas, Leia Regina Silva, a estratégia de vacinação “extra-muros” é segura e importante nesse momento.

“Com essa estratégia podemos poupar as pessoas que podem se infectar com o novo coronavírus e outras doenças de irem em unidades de saúde”, explica Leia. 

“Nossa equipe está capacitada para fazer essa vacinação, com práticas antissépticas e higienização da mãos de forma rigorosa, conservação das vacinas em caixas com bobinas refrigeradas, temperatura verificada regularmente, entre outros cuidados”, diz ela. 

Primeira fase

A vacinação será feita de forma escalonada. A partir de segunda-feira (23/3), na primeira fase, serão imunizados idosos com 60 anos ou mais e profissionais de saúde.

O público-alvo estimado da campanha toda é de 620 mil pessoas. A meta é vacinar 90% deste público-alvo definido pelo Ministério da Saúde de acordo com o critério de vulnerabilidade em relação à doença. A data prevista de encerramento da campanha é 22/5. O Dia D está marcado para 9/5. 

“Nesse momento é de extrema importância que as pessoas do público-alvo se vacinem contra a gripe, nos ajuda a evitar que mais pessoas fiquem doentes”, afirma a secretária municipal da Saúde de Curitiba, Márcia Huçulak. 

Escalonamento 

A campanha de vacinação contra a gripe de 2020 será escalonada, de acordo com o calendário do Ministério da Saúde.

1ª fase (a partir de 23/3) – Idosos com 60 anos ou mais e trabalhadores da saúde.

2ª fase (a partir de 16/4) – Professores das escolas públicas e privadas, profissionais das forças de segurança e doentes crônicos (que tenham prescrição médica ou sejam acompanhados por programas da unidade de saúde).

3ª fase (a partir do dia 9/5) – Crianças de 6 meses a menores de 6 anos, gestantes, puérperas (mães que tiveram bebês até 45 dias e apresentem algum documento que comprove a condição) e adultos de 55 a 59 anos.

Regionais distribuem mudas gratuitas a partir de segunda (24/1)

Que tal começar o ano deixando Curitiba mais verde e resiliente às mudanças climáticas? A partir da próxima segunda-feira (24/1), as dez regionais da cidade começam a ser abastecidas por mudas de árvores nativas que podem ser retiradas gratuitamente pela população. (Veja o cronograma e os endereços abaixo). 

O trabalho faz parte do Desafio 100 Mil Árvores para Curitiba, que agora é anual. Cada regional terá 500 mudas para distribuição. Será necessário, apenas, o preenchimento de um cadastro simples, com o local e as características do plantio para que seja fornecida a muda mais adequada. 

Poderão ser plantadas espécies como os ipês amarelo, roxo e roxo anão, uvaia, pitanga, araçá vermelho, palmeira imperial, entre outras. O engenheiro ambiental responsável pelo Horto Municipal da Barreirinha, Roberto Salgueiro, lembra que em áreas privadas não há restrição de plantio, mas em via pública, além de autorização, é preciso seguir algumas regras.

“Isso porque a cidade tem normas de urbanização, fiação elétrica e outras características que precisam ser levadas em consideração, como a largura das calçadas, por exemplo”, esclarece.

Antes de acabe

Salgueiro reforça que a procura pelas mudas nas regionais é sempre grande e os estoques acabam rápido. Mas quem ficar sem, pode solicitar via Central 156 e retirar no Horto da Barreirinha (Av. Anita Garibaldi, 5550). “O critério é o mesmo, o cidadão faz um rápido cadastro e ajuda a cidade”, explica.

Além da beleza, as árvores garantem equilíbrio térmico e abrigo para a fauna silvestre.  

Onde buscar a sua muda?

A partir de segunda-feira (24/1)
Manhã – REGIONAL BAIRRO NOVO – Rua Tijucas do Sul, 1.700
Tarde – REGIONAL PORTÃO – Rua Carlos Klemtz, 1.700 

A partir de terça-feira (25/1)
Manhã – REGIONAL PINHEIRINHO – Avenida Winston Churchill, 2.033
Tarde – REGIONAL TATUQUARA – Rua Olivardo Konoroski Bueno, s/n 

A partir de quarta-feira (26/1)
Manhã – REGIONAL MATRIZ – Praça Rui Barbosa, 101 
Tarde – REGIONAL SANTA FELICIDADE – Rua Santa Bertilla Boscardin, 213 

A partir de quinta-feira (27/1)
Manhã – REGIONAL CIC – Rua Manoel Valdomiro de Macedo, 2.460 
Tarde – REGIONAL BOQUEIRÃO – Avenida Marechal Floriano Peixoto, 8.430

A partir de sexta-feira (28/1)
Manhã – REGIONAL BOA VISTA – Avenida Paraná, 3.600 
Tarde – REGIONAL CAJURU – Avenida Prefeito Maurício Fruet, 2.150

Fim de semana será com festivais esportivos e recreação em seis parques da cidade

O segundo fim de semana do Verão Curitiba 2022 vai agitar os seis parques da cidade que recebem as atividades recreativas e esportivas preparadas pela Secretaria Municipal do Esporte, Lazer e Juventude (Smelj). No sábado (22/1) e domingo (23/1), os curitibinhas e suas famílias vão poder aproveitar as brincadeiras gratuitas das 14h às 18h nos parques Barigui, Bacacheri, Lago Azul, Náutico, Passaúna e Passeio Público. 

Todas as atividades seguem os cuidados e protocolos sanitários contra a covid-19. Em caso de chuvas, as atividades são suspensas. 

O Verão Curitiba 2022 tem o patrocínio da RIC TV e apoio da Megamania, MRV, Hospital de Olhos do Paraná e Jovem Pan Curitiba. Confira aqui os locais onde são feitas as atividades do Verão Curitiba 2022.

Profissionais de Educação Física da Smelj estarão nos locais para orientar os participantes e reforçar a importância dos cuidados sanitários durante a prática das atividades. Entre as atrações recreativas para as famílias estarão disponíveis orientações para a prática segura de atividade física, aulões de ginástica, jogos de tabuleiro gigantes e brincadeiras.

Festivais esportivos

Neste fim de semana os festivais esportivos da Smelj terão Caçador, Queimada e Badminton no Parque Barigui; Futebol de Areia no Parque Bacacheri; Atletismo – Arremesso no Passeio Público; Minivoleibol e Skate no Parque Náutico; Caçador – Queimada no Parque Lago Azul; e Bets e Tênis de Mesa no Parque Passaúna.

O fim de semana do Verão Curitiba 2022 vai agitar os seis parques da cidade que recebem as atividades recreativas e esportivas preparadas pela Secretaria Municipal do Esporte, Lazer e Juventude. Foto: Fabio Decolin/Smelj

Atividades sistemáticas em todos os parques (todo fim de semana, das 14h às 18h):

Aulões de Ginástica
Pintura no papel kraft
Circuito infantil de bicicleta
Atividades esportivas
Jogos lúdicos de tabuleiro
Xadrez gigante, ping-pong e perna de pau
Brinquedos inclusivos

Cuidados

Caso algum integrante da família apresente sintomas respiratórios leves, a orientação é que não vá participar das ações do Verão Curitiba. A pessoa deve se isolar e procurar o suporte dos serviços de Saúde da Prefeitura, prioritariamente pela Central 3350-9000.

Aqui você pode conferir todas as orientações e cuidados em caso de suspeitas de covid-19 ou gripe.