Confirmada cidadania honorária à Cláudia Silvano, diretora do Procon

Admiração, competência e responsabilidade foram as palavras mais utilizadas pelos vereadores para elogiar e reconhecer o trabalho feito por Cláudia Francisca Silvano à frente do Procon-PR, órgão que atua na defesa dos interesses dos consumidores. Formada em Direito e Pedagogia, ela dirige a instituição desde 2011 e agora será cidadã honorária da capital. A homenagem foi aprovada em definitivo e com unanimidade na sessão desta terça-feira (15), na Câmara Municipal de Curitiba (CMC), além de outros sete projetos que estavam na ordem do dia.

Claudia Silvano, diretora do Procon-PR.
Foto: Chuniti Kawamura/Arquivo ANPr

“Esse é o mais alto reconhecimento que a cidade pode oferece a alguém por seus serviços prestados e representa o carinho dos curitibanos”, afirmou Professor Euler (PSD), que apresentou o projeto de lei que concede a honraria à paulistana (006.00013.2019). O vereador destacou que Cláudia tem sido mantida na direção do Procon em vários governos, o que confirma sua competência na defesa dos direitos dos consumidores, “não só os de Curitiba, mas de todo o Paraná”. O texto segue agora para sanção do Poder Executivo e a entrega será feita em sessão solene que ainda será agendada.

Outros 15 vereadores pediram a palavra para falar sobre as qualidades de Cláudia Silvano, que acompanhou a votação em plenário. “É a pessoa que mais entende do Código de Defesa do Consumidor aqui no Paraná. Além disso, é uma lançadora de moda”, destacou Julieta Reis (DEM). A vereadora contou que artesãos de Curitiba  produzem roupas ao “estilo Cláudia Silvano”, após a  diretora ter utilizado um “look” em um telejornal que causou repercussão por ser bastante colorido e parecer com um pijama.

Herivelto Oliveira (Cidadania) diz conhecer Cláudia há 30 anos, desde que era repórter na RPC. Ele e Colpani (PSB) agradeceram sua parceria e disponibilidade com a imprensa. “É uma conciliadora. Tem competência e mostra às empresas que elas tem deveres”, reforçou Tico Kuzma (Pros). Falando em nome do corpo docente da Unicuritiba, Dalton Borba (PDT) lembrou que a homenageada foi aluna da instituição, da qual é professor. “É um orgulho para a cidade: uma das pessoas mais carismáticas, convictas e eficientes em seu ofício”, destacou.

A comunicação didática feita com a população, em assuntos muitas vezes técnicos, foi exaltada por Professora Josete (PT), que confessou admirar o trabalho da advogada. “Você cativou a nossa cidade, pois exerce sua função com muita paixão”, completou Mauro Ignácio (PSB). Da mesma forma elogiou Maria Leticia Fagundes (PV):  “você pra mim é uma grande inspiração, um exemplo de ser humano. Mulheres como você são raríssimas”.

Também fizeram elogios a Cláudia Silvano os vereadores Ezequias Barros (Patriota), Serginho do Posto (PSDB), Marcos Vieira (PDT), Bruno Pessuti (PSD), Noemia Rocha (MDB), Edson do Parolin (PSDB) e o presidente Sabino Picolo (DEM). Presente na sessão, o desembargador Adalberto Jorge Xisto Pereira, presidente Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR), concordou com a concessão do título e comprovou que o trabalho de mediação feito pelo Procon evita processos na Justiça. “Ela faz um trabalho magnífico à frente do Procon. Não é só uma conciliadora, mas especialista em direito do consumidor”, atestou.

 

Via: Câmara Municipal de Curitiba

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.