“CarnaVinho” acontecerá em Curitiba

Moradores de Curitiba e região, e visitantes que resolverem passar o feriado de Carnaval na cidade, têm uma boa dica de ‘harmonização’ da data com a degustação de vinhos. A Família Fardo Vinícola, de Quatro Barras, ficará aberta todos os dias e oferece os tradicionais roteiros para os visitantes.

Na visita simples, não há custo algum, pois as degustações são feitas no próprio balcão. Porém, se os visitantes optarem por uma degustação mais incrementada há a ‘Trinna’ ao valor de R$ 40, por pessoa, sendo necessário fazer a reserva antecipada. O primeiro horário é às 10h e o último às 15h e a ‘Completa’, a R$ 130.  Nesta a reserva, além de ser antecipada como no mínimo 7 dias, deve ser formado um grupo organizado pelo contratante.

A dica da Fardo é o visitante apreciar os recém lançamentos Tannat e Merlot 2012.

Degustação e bate-papo

Neste período, os visitantes também poderão ficar por dentro das novidades que a casa prepara para este ano. O vinho branco elaborado a partir da uvaViognier (uva aromática e com pouca acidez), por exemplo, é um dos lançamentos previstos para o primeiro semestre. Também entra na lista dos lançamentos um Chardonnay, considerada a rainha das uvas brancas.

A vinícola ainda não bateu o martelo em relação a data do lançamento, mas adianta que serão apenas 1.500 garrafas de cada rótulo que fazem parte da Linha Ambrosio Fardo, vinhos que descansam em barris de carvalho franceses agregando mais aromas e taninos à bebida.

“Além desses, também estamos trabalhando na elaboração do Encontro Harmonia (Merlot, Tannat e Cabernet Sauvignon). O premiado blend, que estagiou em barricas de carvalho francês e americano, para nossa grata surpresa, se revelou único e complexo, que chamaremos de Quartz Rubis”, conta Justina. Juntos os novos rótulos, previstos para comercialização no segundo semestre, somam cerca de 700 garrafas.

Serviço: Para quem deseja uma visita às instalações e queira conhecer outros rótulos, a Vinícola está aberta ao público de domingo a domingo (INCLUSIVE DURANTE O CARNAVAL), das 9h às 17h, na Rod. BR 116, nº 550, km 69 – Quatro Barras. Mais informações: (41) 3672-1693 e (41) 3672-4488.

Pela loja virtual em qualquer lugar do Brasil, os vinhos podem ser adquiridos e entregues no endereço escolhido. Para moradores de Curitiba o custo de entrega para compra via loja virtual não é cobrado, para as entregas às terças e/ou sextas-feiras. Além disso, os rótulos também podem ser escolhidos em lojas conveniadas em Curitiba. Os endereços podem ser conferidos no www.familiafardo.com.br

Deixar animais soltos em ruas e praças pode gerar multa de até R$ 2 mil em Curitiba

Projeto de lei que reforça punição à maus-tratos foi aprovado em 1º turno na Câmara Municipal.

Os vereadores de Curitiba aprovaram nesta quarta-feira (16), por unanimidade e em 1ª discussão, o projeto de lei que, entre outras coisas, estabelece multa de R$ 200 a R$ 2 mil para quem abandonar animais em ruas e espaços públicos. O projeto modifica  modifica lei já existente e amplia as práticas consideradas como crime de maus-tratos a animais.

A proposta da vereadora Katia Dittrich (Solidariedade) lista 24 ações ou omissões como maus-tratos, o dobro do que previa a lei de 2011. Entre os novos comportamentos que caracterizam o crime, o mais significativo é o de abandono.

“Deixar o animal solto em vias e logradouros públicos” como diz o texto do projeto, vai passar a doer no bolso, com multas de até R$ 2 mil no caso de flagrante ou denúncia comprovada. As medidas seguem a linha de projeto semelhante porém ainda mais rigoroso e que prevê responsabilização criminal, aprovado no Senado Federal na semana.

Outros dois pontos polêmicos do projeto são a proibição expressa de ‘passeios’ desacompanhados e abandono de animais idosos ou doentes. No primeiro caso está prevista responsabilização dos tutores com multa, pelo risco do animal sofrer ou causar acidentes, além de permitir uma possível cria indesejada” e no segundo uma característica de agravante ao crime de maus-tratos, pela vulnerabilidade dos bichos.

Para entrar em vigor, o projeto precisa ser aprovado em 2ª discussão para depois ser sancionado ou não pelo prefeito.  Caso seja sancionada, a lei então terá um prazo para regulamentação.

Informações Banda B.

Sérgio Moro recebe carteira da OAB e abre escritório em Curitiba

Antes de começar a advogar, no entanto, Moro deverá acabar de cumprir a quarentena de seis meses determinada pela Comissão de Ética da Presidência.

O ex-juiz federal que conduziu a Lava Jato e colecionou desafetos entre alguns criminalistas vai atender sua futura clientela em um endereço de Curitiba, base e origem da maior operação já desencadeada no País contra a corrupção.

Antes de começar a advogar, no entanto, Moro deverá acabar de cumprir a quarentena de seis meses determinada pela Comissão de Ética da Presidência. Levando em consideração a data em que anunciou sua renúncia e acusou o presidente de suposta tentativa de interferência na Polícia Federal, 24 de abril, a quarentena do ex-juiz terminará no fim de outubro.

Informações Banda B.