Zoo de Curitiba colabora com projeto catarinense de conservação de lontras

Zoo de Curitiba colabora com projeto catarinense de conservação de lontras

O Zoo de Curitiba tem um novo morador e, em breve, pode anunciar o nascimento de mais um filhote de lontra. Mapu, uma lontra macho jovem vinda do Projeto Lontra, de Santa Catarina, já ocupa um recinto na unidade de conservação que fica no Alto Boqueirão e, assim que for viável, será apresentado à fêmea Bella, que vive no local.

O diretor de Pesquisa e Conservação da Fauna da Secretaria do Meio Ambiente, Edson Evaristo, lembra que a instituição foi pioneira em obter sucesso na reprodução de lontras. “O primeiro nascimento da espécie fora da natureza no Zoológico de Curitiba aconteceu ainda no início da década de 1990”, conta.

De lá para cá, foram mais de 20 nascimentos. Os animais foram encaminhados a outros projetos de conservação, aos moldes da cooperação com o Projeto Lontra, onde nasceu Mapu. “Há motivos de otimismo para a reprodução com sucesso desse novo casal”, completa Evaristo, que manifestou o interesse em trazer Mapu para Curitiba após uma visita ao projeto catarinense em maio deste ano. 

No Zoo de Curitiba, os ambientes são cada vez mais pensados para o bem-estar dos animais e a equipe técnica busca se manter atualizada, incluindo as trocas de experiências possibilitadas pela participação nos grupos nacionais de conservação. “É a nossa atribuição e contribuição como instituição de pesquisa atuar cada vez mais como centro de conservação de espécies”, diz o diretor.

Quase ameaçada

De acordo com a classificação do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), a espécie possui uma boa distribuição no Brasil, ocorrendo em “quase todas as áreas costeiras onde corpos d’água são propícios”, mas em função do desmatamento e outros fatores existe a previsão de aproximação da categoria vulnerável. Hoje ela seria quase ameaçada. 

“Por isso é tão importante e ficamos felizes com a nova parceria”, destaca o presidente do Instituto Ekko Brasil, responsável pelo Projeto Lontra, Marcelo Tosatti. “O que se espera, a médio e longo prazo, são os projetos com vistas à soltura e reforço populacional da espécie em vida livre”, projeta. 

Tosatti reforça que o Instituto já tinha conhecimento da estrutura e da capacidade técnica da equipe do Zoológico de Curitiba. “Um espaço que busca, através de suas ações de pesquisa e conservação, dar uma boa qualidade para os animais lá residentes, com certeza está cuidando bem do Mapu.”

Nascido no projeto, Mapu é filho de dois órfãos de lontra – Nanã e Lucky – resgatados pelo Instituto Ekko Brasil. Responsável pelo Projeto Lontra, o Instituto Ekko Brasil é uma organização não governamental, cujo objetivo é coordenar e apoiar projetos que tenham como foco a conservação da biodiversidade e o turismo de conservação 

Com mais de 36 anos de história, o Projeto Lontra abrange a recuperação, conservação e ampliação do conhecimento técnico de lontras e outros integrantes da família Mustelidae. Os trabalhos são realizados através de dois Centros de Pesquisa, Conservação e Educação Ambiental em dois importantes biomas, Mata Atlântica e  Pantanal.

Trabalho consolidado

Com uma série de casos de sucesso de nascimentos de animais em risco de extinção, o Zoo faz parte de dez dos 25 grupos do termo de cooperação do programa nacional de conservação do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), com a Associação de Zoológicos e Aquários do Brasil (Azab) e o Ministério do Meio Ambiente. 

São eles: muriqui-do-sul; mico-leão-da-cara-dourada; macaco-aranha-da-testa-branca; tamanduá-bandeira; onça-pintada; lobo-guará; jacutinga; ararajuba; jacucaca; e sagui-da-serra-escuro.

Além deles, a instituição já encaminhou para a soltura na natureza em Santa Catarina papagaios-do-peito-roxo, do programa local de reprodução de psitacídeos, que também registra nascimentos de papagaios-da-cara-roxa. 

O Zoo integra, ainda, o Programa de Manejo Cooperativo de Harpias, coordenado pelo Projeto Harpia/Azab, para reprodução desta espécie de águia, e iniciou participação no trabalho nacional para a conservação da águia cinzenta, espécie da qual a chefe de fauna, Nancy Banevicius, é a keeper.

Veja a matéria no site da Prefeitura de Curitiba

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fim de semana tem festival de vôlei, basquete 3×3 e lazer no Centro e nos bairros

Novos padrinhos do vôlei curitibano participam de Festival no próximo sábado.

O primeiro fim de semana do Agosto Jovem, mês alusivo à juventude, terá muito esporte e lazer em várias regiões da cidade. O destaque é o Festival EE10 de Vôlei de Praia e Vôlei de Quadra, que vai reunir mais de 400 crianças e adolescentes no Parque Olímpico do Cajuru, com a presença dos campeões olímpicos Serginho (vôlei de quadra) e Agatha (vôlei de praia).

A programação do fim de semana começa sábado (6/8) pela manhã. Das 9h às 13h, o programa Lazer na Rua XV se estende por parte do calçadão, no trecho entre a Praça Osório e a Alameda Dr. Muricy. O programa faz da rua um espaço para o lazer com a oferta de atividades lúdicas que promovem a interação entre todas as idades.

Festival de Voleibol

Também no sábado, os campeões olímpicos e padrinhos do vôlei curitibano Serginho (vôlei de quadra) e Agatha (vôlei de praia) participam de um grande encontro na cidade. É o Festival EE10 de Vôlei de Praia e Vôlei de Quadra, que integra a programação Agosto Jovem e acontece no Parque Olímpico do Cajuru (Rua Rivadávia Fonseca de Macedo, 510, Cajuru), a partir das 9h30.

Na ocasião, os dois campeões serão apresentados para cerca de 400 crianças e adolescentes, de 9 a 17 anos, que vão jogar vôlei e que participam do projeto Escola+Esporte=10 (EE10), uma parceria da Secretaria Municipal de Esporte, Lazer e Juventude (Smelj) e a Secretaria Municipal de Educação (SME). Também participarão como convidados os alunos da Associação Curitiba Vôlei de Praia, parceira da Smelj.

Regional Boqueirão

O Programa Lazer no Bairro chega a Regional Boqueirão no mesmo dia. Das 8h às 17h, o Centro de Esporte e Lazer do Xaxim (Rua Ana Lopos Canet, 4) e o Centro da Juventude Eucaliptos (Rua Pastor Antônio Polito, 2.200, Alto Boqueirão), que neste fim de semana completa dez anos, estarão abertos para a comunidade, com empréstimos de materiais esportivos, quadra poliesportiva, oferta de atividades recreativas como jogos gigantes, perna de pau, mesa de pingue-pongue.

Basquete 3×3

Em comemoração ao mês alusivo ao Jovem, o fim de semana terá um torneio de Basquetebol 3×3 com os alunos do Projeto EE10 Excelência e demais participantes de 18 a 29 anos que se inscreverem. No sábado, o torneio acontece no Centro de Esporte e Lazer Avelino Vieira (R. Guilherme Ihlenfeldt, 233 – Bacacheri), a partir das 15h . Já no domingo o torneio será realizado na Rua da Cidade de Santa Felicidade (R. Santa Bertilla Boscardin, 213 – Santa Felicidade), a partir das 9h.

O Basquete 3×3, em vez de dez jogadores em quadra, tem equipes formadas por três integrantes. A premiação será com medalhas para os três primeiros lugares de cada categoria. As inscrições podem ser feitas até o inicio dos jogos.

Avaliação física

Também neste sábado, das 8h às 17h, acontece um mutirão de avaliação física para a população interessada em praticar atividades físicas no Centro de Iniciação Esportiva do Cajuru (Rua Rivadavia Fonseca de Macedo, 510 – Cajuru)

Teatro

O Teatro Novelas Curitibanas (Rua Presidente Carlos Cavalcanti, 1.222 – São Francisco) apresenta o espetáculo Crime no Cabaré. As apresentações, que também fazem parte do Agosto Jovem, estão marcadas para sábado e domingo, às 20h. A entrada é franca.

Domingo

No domingo), as atividades físicas, esportivas e recreativas acontecem nas Arcadas do São Francisco, na Praça João Cândido, ao lado da Feirinha do Largo da Ordem. As atividades serão das 9h às 13h, para todas as idades, e terão orientação dos profissionais da Secretaria Municipal de Esporte, Lazer e Juventude (Smelj).

À tarde, das 14h às 17h30, a diversão será em seis pontos da Curitiba: os parques Barigui, Atuba, Lago Azul e Náutico, Passeio Público e na Praça Afonso Botelho.

No Barigui, as atividades serão feitas no gramado ao lado do Salão de Atos. No Náutico, vão se concentrar ao lado da Academia ao Ar Livre. No Parque Atuba, no espaço ao lado da Guarda Municipal. No Lago Azul, as atividades serão no espaço do campo de futebol que tem um alambrado. Já no Passeio Público as atividades acontecem em frente ao Coreto Digital.

Entre as opções para diversão das famílias nos parques e na praça haverá cama elástica, jogos de tabuleiro gigante (dama, trilha e jogo da velha), mesas de pingue-pongue, pinturinha no papel kraft, circuito infantil de habilidades em bicicletas. Neste domingo a novidade é o futebol entre pais e filhos, onde duplas vão disputar uma partida de futebol em família. As inscrições também podem ser realizadas na hora.

Pedala Metropolitano

Nesta edição, o percurso ciclístico será entre Curitiba e Colombo, no domingo. Devido à intensidade da atividade, esta edição do Pedala Metropolitano não é recomendada para iniciantes. Será permitida apenas a participação de maiores de 18 anos e é obrigatória a utilização de capacete.

A saída e chegada será do Parque Atuba, região norte da capital, e o percurso terá 30 quilômetros. O ponto de encontro acontece na Rua Pintor Ricardo Krieger, 550, Atuba, e a saída está marcada para as 8h.

Veja a matéria no site da Prefeitura de Curitiba

Oficina de pedrarias e Papo de Artesão estão na agenda da semana

Oficinas e Papo de Artesão na agenda da semana.

O Liceu de Ofícios Criativos oferece duas oficinas presenciais gratuitas e um bate-papo on-line com artesãs na próxima semana. As inscrições podem ser feitas clicando aqui.

Como a sede do Liceu de Ofícios Criativos, no São Francisco, está em reforma, as aulas presenciais são feitas no Liceu de Ofícios Curitiba (Rua Monsenhor Celso, 35, Centro), até a conclusão dos reparos.

Instagram que vende

Na terça-feira (9/8), a social media Emilie Nascimento (@emilie.nascimento) mostra como vender mais usando o Instagram em uma oficina presencial. Entre os temas abordados estarão: Por que escolher o Instagram?; Para quem você fala?; Raio-x de um perfil que vende (foto de perfil, nome de usuário, biografia, link, destaques, identidade visual, conteúdo); e Ferramentas que vão te ajudar.

Papo de Artesão

Na quarta-feira (10/8), o encontro virtual é com as artesãs Adriana Metzger, Mônica Mota e Pricila Almeida, no Papo de Artesão (@papodeartesao). Elas mostram que é possível superar medos e perder a timidez com o tema: Superação Digital.

“Um dia vamos olhar para trás e ver o quanto evoluímos e quanto tivemos que nos superar para chegar onde estamos. Durante a pandemia muitas crenças limitantes tiveram que ser removidas e isso é apenas o começo”, declara Adriana.

O encontro acontece a partir das 15 horas no canal do Liceu de Ofícios Criativos pelo Youtube.

Decoração em pedraria

Na quinta-feira (11/8), a artesã Ana Nilcen (@brilho_daestrela) ensina a técnica de nós em fio de nylon e tramado de pedras que pode ser usada em vários itens de decoração.

Para participar não é necessário levar nenhum material. A artesã vai explicar como usar a técnica em enfeite de guardanapo, pingente de cortina e móbile.

Para receber por WhatsApp os informativos sobre cursos, novidades e outros conteúdos relacionados, salve o número (41) 3250-7710 no celular e envie a mensagem “EUQUERO”.

Novo endereço

Os cursos acontecem no Liceu de Ofícios Curitiba (Rua Monsenhor Celso, 35, Centro). O espaço oferece convênio com o Estacionamento da Ordem (Rua Treze de Maio, 635), para o período de quatro horas por R$ 10.

Veja a matéria no site da Prefeitura de Curitiba