Terminal Tatuquara entra em fase final de construção

O Terminal Tatuquara, 24.º da Rede Integrada de Transporte Coletivo de Curitiba, começou a receber as telhas que formam a cobertura e entrou na fase final de construção. A entrega das cerca de 400 telhas teve atraso por conta da pandemia e a previsão da Secretaria Municipal de Obras Públicas, que coordena o trabalho, é de que a estrutura do terminal fique pronta até o fim de maio. 

Obras do Terminal do Tatuquara. Curitiba, 13/04/2021. Foto: Pedro Ribas/SMCS

Nesta terça-feira (13), o prefeito Rafael Greca e o secretário municipal de Obras Públicas, Rodrigo Rodrigues, realizaram uma visita técnica para acompanhar o andamento dos serviços. Além do telhado, ainda será concluída a implantação da rede de energia elétrica e da iluminação. Também será instalado nos próximos dias o reservatório de água com capacidade de 23 mil litros que abastecerá o terminal.

“Está ficando pronto o Terminal Tatuquara. Finalmente chegaram as telhas, que são painéis termoacústicos, uma espécie de sanduíche de aço e poliuretano. Elas vão cobrir os mais de três mil metros quadrados desse grande terminal e as pessoas do Tatuquara não precisarão mais se deslocar a outros bairros para ingressarem na Rede Integrada de Transporte Coletivo de Curitiba”, disse Greca.    

Prefeito Rafael Greca vistoria com o secretário de Obras, Rodrigo Rodrigues e o admnistrador da Regional Tatuquara, Marcelo Ferraz, as obras do Terminal do Tatuquara. Curitiba, 13/04/2021. Foto: Pedro Ribas/SMCS

A área do novo terminal é de 3,4 mil metros quadrados e os acessos são feitos pelas ruas Olivardo Konoroski Bueno e Jornalista Emílio de Zola Florenzano. O equipamento público vai permitir que os ônibus de Araucária, de Fazenda Rio Grande e de todos os bairros que compõem a Regional Tatuquara (Campo de Santana, Caximba e Tatuquara) tenham lugar para fazer a integração. Não será mais necessário que passageiros se desloquem até o Pinheirinho, pois irão direto pela Rua Presidente João Goulart para a Linha Verde e, daí, ao Centro de Curitiba.

De acordo com o secretário, o investimento realizado na construção do terminal é de R$ 8,2 milhões e o local oferecerá estrutura de apoio aos passageiros, como bicicletário com 108 vagas, vestiários e lanchonetes. “No fim de maio pretendemos concluir o trabalho de construção e entregar o Terminal Tatuquara aos cuidados da Urbs, que administra o sistema de transporte coletivo de Curitiba”, apontou Rodrigo Rodrigues. 

Obras do Terminal do Tatuquara. Curitiba, 13/04/2021. Foto: Pedro Ribas/SMCS

Dez linhas, entre elas Rio Bonito, Dalagassa, Pompeia, Janaína, Santa Rita, Rurbana e Tatuquara, terão o novo terminal em seu itinerário. Linhas troncais que farão a futura integração com estações estratégicas da Linha Verde – para a ligação direta ao Centro e integração metropolitana – também passarão pelo terminal.

Mural da praça

Em frente ao novo terminal, foi inaugurada em junho de 2020 a Praça Vovô Vitorino, área de convivência para prática esportiva e lazer do Tatuquara. O local também fica próximo à Rua da Cidadania e à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e, ao espaço está sendo agregado neste momento, um mural pintado pelos artistas plásticos Rodolfo Lima, João Paulo Moser, Bruno Ferrari e Caio Caron.  

“A praça e o painel artístico evocam o pioneiro e líder comunitário do Tatuquara, célebre por sua atuação social. A obra liga o ex-plantador de café Vitorino Xavier às lendas desta cidade da gralha azul e das araucárias”, disse Greca.  

Instalada no ponto de encontro das ruas Presidente João Goulart e Jornalista Emílio de Zola Florenzano, a praça conta com quadras de futebol, vôlei e basquete e com parquinho. Para facilitar e proteger esportistas, crianças e demais frequentadores, o local é cercado por alambrados de cinco metros de altura. A praça também foi bem iluminada para permitir seu uso durante a noite. 
 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 restaurantes de chefs famosos em Curitiba

Um roteiro pra lá de saboroso para você conhecer os pratos dos chefs mais famosos da cidade

Para quem aprecia a alta gastronomia, conhecer restaurantes de chefs conceituados e experimentar as delícias criadas por eles é um passeio inigualável. No Paraná, a chef Manu Buffara conquistou recentemente o título de 21ª melhor chef do mundo, pelo prêmio The Best Chef Awards, e está colocando Curitiba no mapa da gastronomia mundial.

Além de Manu, outros grandes nomes da gastronomia paranaense estão surpreendendo críticos nacionais e internacionais, entre eles os chefs Lênin Palhano, Ivan Lopes e Igor Marquesini. Confira uma lista com oito restaurantes de chefs famosos que você precisa conhecer em sua próxima viagem a Curitiba:

Obst: Inaugurado no em janeiro deste ano, o Obst. conquistou rapidamente o público com um menu criativo, extremamente saboroso e contemporâneo, além de uma coquetelaria de altíssimo nível. O empreendimento é o primeiro restaurante próprio do chef Lênin Palhano, grande nome da culinária paranaense nos últimos anos. Endereço: Alameda Prudente de Moraes, 983 – Centro.

Divulgação

Raulino Cozinha Autoral: O restaurante Raulino, comandado pelo chef André Raulino, oferece ao público um ambiente moderno com boa gastronomia, uma excelente carta de vinhos e drinks autorais. Endereço: R. Recife, 220 – Cabral.

Divulgação

Kitsune: Comandado pelo chef André Pionteke, curitibano que ganhou popularidade com a participação no Masterchef Profissionais 2018, o Kitsune trabalha com preparos inspirados em ingredientes locais da região da Mata Atlântica – bioma do litoral do Paraná – aliados às técnicas da culinária oriental. Endereço: R. Celeste Santi – Ahú.

Divulgação

Mukeka: Ivan Lopes é pernambucano, mas foi em Curitiba onde se consagrou como um dos melhores chefs da cena nacional, por suas criações servidas no restaurante Mukeka. Comida brasileira criativa inspirada na diversidade da gastronomia nacional e excelência de sabores. Endereço: R. Machado de Assis, 417 – Juvevê.

ASU: O chef Danilo Takigawa, participante do reality show de gastronomia Mestre do Sabor, inaugurou em agosto deste ano o seu restaurante solo, o ASU. No cardápio, pequenos pratos para compartilhar e comer inclusive com as mãos, sem separação entre entrada, prato principal e sobremesa, para que o cliente se sinta em um ambiente leve e descontraído. Endereço: Alameda Augusto Stellfeld, 813 – Centro.

Restaurante Igor: O Restaurante Igor serve uma cozinha contemporânea, direta e criativa. O chefIgor Marquesini oferece menu degustação com couvert, quatro opções de entrada, três pratos principais e duas sobremesas num ambiente moderno e descolado. Endereço: R. Gutemberg, 151 – Batel.

Quintana Gastronomia: Funcionando desde 2008, o Quintana Gastronomia é conhecido por sua proposta de cozinha de responsabilidade, baseado fortemente nos pilares da alta gastronomia, sustentabilidade e cultura. A frente do restaurante está a chef Gabriela Carvalho. Endereço: Av. do Batel, 1440 – Batel.

Restaurante Manu: Como o próprio nome já diz, Manu Buffara é a chef responsável pela cozinha do Restaurante Manu, o primeiro restaurante do Sul do Brasil a entrar para a lista dos 50 melhores restaurantes da América Latina. O empreendimento trabalha apenas com menu degustação de produtos frescos, com cardápio sazonal. Endereço: Alameda Dom Pedro II, 317 – Batel.

Divulgação

Em novembro, Curitiba recebe o maior festival de hambúrgueres do Brasil

Durante o mês de novembro, Curitiba recebe pelo terceiro ano consecutivo, o maior festival de burgers do Brasil, o Burger Fest! O evento está na sua 16ª edição e reúne restaurantes, bares e hamburguerias, que promovem simultaneamente a cultura do burger de qualidade no formato presencial, delivery e take out.

O festival já atingiu a marca de mais de 1,5 milhão de hambúrgueres consumidos, com aproximadamente 1.000 restaurantes espalhados pelo Brasil, gerando um valor de R$ 150 milhões em vendas. A criação e organização do Burger Fest é da Agência KRP que também assina os festivais Brunch Weekend, Sanduweek, Food Delivery Series e Semana do  Hambúrguer.

Serviço 16ª Burger Fest

01 a 30 de novembro de 2021

*Os restaurantes participantes serão divulgados em breve