Parques, museus e Zoo são opções para aproveitar as férias em Curitiba

Parques, museus e Zoo são opções para aproveitar as férias em Curitiba

Passar as férias em Curitiba é pura diversão! Com 45 parques e bosques municipais, os passeios ao ar livre com a criançada está garantido. O tempo fechou? Não precisa se preocupar: os museus garantem o passeio em família e o que não falta são opções. Confira 5 dicas para aproveitar ainda mais a época mais aguardada do ano.

Zoo – Conhecer para preservar

No Zoo, os curitibinhas podem acompanhar o comportamento dos animais que ficam abrigados por lá – boa parte deles vinda de apreensões irregulares ou atropelamentos que os impediram de voltar para a natureza – e saber mais sobre os cuidados que eles recebem, assim como sobre os programas que o espaço mantém para reprodução de espécies nativas ameaçadas.

No Centro de Educação Ambiental tem atividades especiais sobre os muriquis-do-sul, também conhecidos como mono carvoeiros, apadrinhados pelo Zoo de Curitiba.

Todos os dias, as crianças participam do “Enigmas do Muriqui”, com dois caminhos a serem resolvidos pelos visitantes a respeito da espécie, com a ajuda de cartilhas. Ao final, o curitibinha recebe uma carteirinha de membro do Clubinho da Conservação.

Às quartas e sextas (das 14h às 15h30) e sábados (10h às 12h) os curitibinhas vão poder participar de oficinas de desenhos e pinturas do muriqui com tinturas naturais (argila e pó de café). Os desenhos poderão ser levados pelo visitante ou ficar em exposição no Espaço Brincante da Capivara, junto ao Centro de Educação Ambiental.

Recentemente, a instituição foi reconhecida pela Associação Brasileira de Zoológicos e Aquários do Brasil (Azab) e pela Wild Welfare, instituição internacional que atesta o bem-estar de animais mantidos em cativeiro.

Zoológico de Curitiba

Funcionamento: terça a domingo

Horário: das 10h às 16h

Endereço: Rua João Micheletto, 1.500

Verão Curitiba

Os fins de semana das férias de verão serão especiais em parques e praças da capital paranaense. Todos os domingos entre os dias 15 de janeiro a 12 de fevereiro a Prefeitura vai promover o Verão Curitiba 2023.

A coordenação das atividades gratuitas será feita pela Secretaria Municipal do Esporte, Lazer e Juventude (Smelj), com patrocínio da RIC e apoio da Jovem Pan, Megamania, Farmácias Nissei e Calceleve.

As famílias que estiverem em Curitiba durante as férias poderão aproveitar as atividades recreativas como cama elástica, infláveis, jogos gigantes, pinturinha no papel kraft, lego, tênis de mesa, kits esportivos de futebol, voleibol, badminton, bétis, frescobol, desafios esportivos, festivais esportivos e muito mais.

As atividades físicas, brincadeiras e festivais esportivos serão feitos aos domingos, das 14h às 18h, nos parques Barigui,  Atuba, Náutico, Lago Azul, Yberê, Passeio Público e na Praça Afonso Botelho.

Sombra, trilhas e pôr do sol nos parques e jardins

Silenciosos ou animados, relaxantes ou para atividades físicas, bucólicos, românticos ou para encontrar os amigos. Há parques, bosques e jardins em Curitiba para todos os gostos e preferências. Seja o Barigui, o Tingui, o Bosque do Papa, o Jardim Botânico, o Tanguá, o Passaúna ou o Lago Azul, é impossível não passear pela capital sem cruzar com alguns deles.

No verão, as sombras das árvores, lagos, túneis, trilhas, cascatas, belvederes, pontes, obras de arte e flores são um convite para caminhar, correr, fazer um piquenique ou simplesmente contemplar a vida sentado no gramado, sob uma guabiroba ou paineira.

Mas se o calor bater demais, a maioria dos locais oferece atrações mais “refrescantes”, como cafés, bares e restaurantes. Com o horário de verão, também não deixe de apreciar o pôr do sol nestes espaços verdes e em um dos lugares mais disputados para a contemplação do fim do dia, a Praça das Nações, no Alto da XV, que também atrai pelo famoso caldo de cana e pelo belo painel de 23 metros do artista paranaense Potty Lazzarotto.

City tour na Linha Turismo

A cara do verão, a Linha Turismo Curitiba é um ônibus especial (double deck ou jardineira) que cobre praticamente todos os cartões-postais da cidade. O veículo passa de 30 em 30 minutos e percorre cerca de 45 quilômetros em duas horas e meia (tempo corrido sem descer nos pontos de parada).

O roteiro começa na Rua 24 Horas (centro da cidade), mas é possível iniciar o trajeto em qualquer um dos pontos. Para percorrer a rota, o passageiro adquire um cartão-turismo individual, que dá direito a embarques ilimitados na linha, em um período de 24 horas, após a sua 1ª utilização de embarque. Esta é uma comodidade que facilita ao turista escolher a quais atrações vai dedicar mais tempo para visitar.

Um serviço de som a bordo explica sobre as atrações em português, espanhol, francês e inglês.

São 25 pontos de parada: Praça Tiradentes, Rua da Flores, Rua 24 Horas, Museu Ferroviário, Teatro Paiol, Jardim Botânico, Mercado Municipal, Teatro Guaíra/Universidade Federal do Paraná, Paço da Liberdade, Passeio Público/Memorial Árabe, Centro Cívico, Museu Oscar Niemeyer, Bosque do Papa, Bosque Alemão, Universidade Livre do Meio Ambiente, Parque São Lourenço, Ópera de Arame, Parque Tanguá, Parque Tingui, Memorial Ucraniano, Portal Italiano, Santa Felicidade, Parque Barigui, Torre Panorâmica e Setor Histórico.

E se chover?

O tempo fechou? Os Museus são a grande pedida para passeios em família. O mais novo da cidade é o Planeta Água, no Tarumã. O espaço interativo, dedicado ao conhecimento e à preservação da água oferece uma imersão em nove espaços: a origem da água, água e vida, água e morte, água é preciosa, água e prazer, água e consumo, água é saúde e desenvolvimento, água e energia e o manifesto da água.

Preocupado em sensibilizar a população sobre a importância da boa gestão dos recursos hídricos, o Museu Planeta Água integra espaços que reúnem experiências e informações sobre a água, bem primordial para a existência da vida na Terra.

A museografia criativa e sensorial, proporcionada por diferentes suportes imersivos, como projeção mapeada, realidade aumentada, holografias, vídeos e sons, resulta em uma visitação ativa àqueles que mergulham nessa experiência.

No Museu de História Natural Capão da Imbuia têm programação especial para toda a família. A novidade fica por conta da nova exposição em parceria com o Projeto Meros do Brasil, que conta com um ambiente marinho com realidade virtual para alertar para a preservação do peixe mero, em risco de extinção.

Há, ainda, uma plotagem com informações, totens interativos como a roda do ciclo de vida do peixe, o jogo da memória “Meromória” e uma intervenção artística inédita: uma réplica de um mero de metal em tamanho real, confeccionada pelo artista plástico Marcelo Pszybylski.

A exposição e os demais atrativos do Museu – como os ecossistemas e seus animais nativos taxidermizados (empalhados) – podem ser conferidos gratuitamente, de terça-feira a domingo, das 9h às 16h45. Na área externa, o Caminho das Araucárias, com uma passarela de metal no Bosque Capão da Imbuia, é mais uma opção de passeio em meio à natureza.

Curitiba Viva Bem é uma política pública e uma das principais agendas da gestão do prefeito Rafael Greca, assim como a mobilidade urbana, sustentabilidade, empreendedorismo de impacto, cultura da inovação como processo social e cidade educadora. A importância da saúde e bem-estar para os curitibanos motivou a Prefeitura a mobilizar todas as áreas da gestão pública, que estão ampliando as ações de forma conjunta através do Curitiba Viva Bem.

Veja a matéria no site da Prefeitura de Curitiba

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Como economizar no volta às aulas?

Para muitas famílias o início do ano pode se tornar um verdadeiro período de acúmulo de gastos. Além das tradicionais despesas com o período de festas e férias, logo em janeiro já tem o pagamento de taxas e impostos, como IPTU e IPVA. Sendo que, somado a isso, ainda é preciso pagar, caso tenha filhos, a renovação de matrícula e a compra dos materiais escolares. 

De acordo com a Associação Brasileira de Fabricantes e Importadores de Artigos Escolares, o aumento no preço dos materiais escolares pode variar de 15% a 30% em 2023. E entre os itens de maior diferença está a caneta esferográfica, cadernos e mochilas, que estão com cada vez mais variedades de itens no mercado.

Por isso, é importante pesquisar um pouco antes. E, aliado a isso, você também pode aproveitar as vantagens de cartões de benefício consignado, como o Credcesta, que oferecem juros abaixo dos praticados pelo mercado. 

Para te ajudar nessa missão, separamos algumas dicas. Confira: 

Reaproveite material 

Que tal dar uma revisada no que sobrou do ano passado e está em condições de uso? Antes de ir às compras, verifique quais dos produtos da lista de material escolar você já tem em casa. Além disso, invista na troca de livros didáticos. 

Não compre por impulso

É sempre importante determinar o orçamento que você tem para a compra dos materiais. Além disso, dê uma caminhada e visite algumas livrarias e papelarias antes de efetivamente comprar os itens. Compare os preços. Com cuidados simples é possível gerar uma economia bem significativa. 

Não leve as crianças na hora de comprar 

Sabe aquela máxima de não fazer compras no mercado quando está com fome? Essa dica segue a mesma linha de raciocínio. Os olhinhos dos pequenos brilham com tantas opções e, muitas vezes, é difícil resistir aos apelos de compra. 

Refaça a lista de materiais 

Normalmente as escolas compartilham uma lista gigante de itens para o ano letivo. Só que ela pode ser dividida entre “itens obrigatórios” e “itens complementares”. Se a ideia for economizar, dê prioridade para os produtos essenciais e aposte na simplicidade.

Cartão de Benefício Consignado – Credcesta

Os servidores ativos, aposentados e pensionistas do Paraná já podem solicitar o Cartão de Benefício Consignado Credcesta. Sem cobrança de anuidade, o cartão ainda oferece diversas vantagens como: acesso ao “Saque Fácil”, para ser utilizado de acordo com as necessidades do dia a dia; cartão de crédito para compras em milhares de estabelecimentos físicos e online, no Brasil e exterior, com a credibilidade da bandeira Visa. E mais, possibilidade de pagamento em até 60 meses. Para solicitar ou ativar o cartão, basta ligar para Central de Atendimento no 0800 729 0660, ou acessar www.credcesta.com.br, para mais informações.

De Gilsons a orquestra barroca, veja as atrações desta sexta da Oficina de Música de Curitiba

O trio Gilsons, um dos grandes sucessos da cena atual da MPB, é o destaque desta sexta-feira (3/2) na 40ª Oficina de Música de Curitiba. Formada por netos e filhos de Gilberto Gil, a banda apresentará músicas que mesclam influências de pop rock, samba, reggae, rap, funk, ritmos baianos e eletrônicos, além de referências à MPB clássica do pai e do avô.

A banda que despontou pelo sucesso da música “Várias Queixas” fecha a programação do dia, no grande auditório do Teatro Guaíra. Antes disso, o público poderá conferir outras atrações de música brasileira e também erudita na Capela da Glória, no auditório Regina Casillo, no Teatro Cleon Jacques, na Capela Santa Maria e no Memorial de Curitiba, que na sexta-feira dá início à maratona de shows que tomará conta do Largo da Ordem durante todo o sábado e domingo.

Veja as atrações desta sexta-feira na 40ª Oficina de Música de Curitiba

Quarteto de Clarinetes do Paraná – Paran4

O Quarteto de Clarinetes do Paraná – “Paran4 ” é um grupo dedicado a executar todos os tipos de música para a formação, com maior aproveitamento na diversidade de repertórios para este instrumento. Dominam diferentes estilos de repertório de música moderna, clássica, popular brasileira e popular internacional.

12h30 – Capela da Glória

Av. João Gualberto, 565 – Alto da Glória

Gratuito

Recital Lírico

Com os cantores Vitorio Scarpi – tenor, Ornella de Luca – soprano, Ana Paula Machado – soprano,  Priscila Malanski Felix – piano. No programa, árias das grandes óperas como: La Boheme, Don Pasquale, La Traviata, Manon, Viúva Alegre dos compositores Giuseppe Verdi, Charles Gounod, Giacomo Puccini e Franz Léhar.

18h – Auditório Regina Casillo

R. Lourenço Pinto, 500 – Centro

Gratuito

Concerto Orquestra Barroca

Concerto dos alunos dos cursos de Música Antiga da 40ª Oficina de Música de Curitiba. Orquestra barroca, com instrumentos de época.

19h – Capela Santa Maria

R$ 35 e R$ 17 (Compra de ingresso pelo site www.minhaentrada.com.br)

Rua Conselheiro Laurindo, 274 – Centro

Show “Transborda” – Rubia Divino

Uma das vozes mais interessantes da cena musical atual, Rubia Divino explora em sua música elementos do jazz, música contemporânea, afrobeat, samba e maracatu, ressignificando temáticas da cultura afro-brasileira.

19h30 – Teatro Cleon Jacques – Memorial Paranista

R. Mateus Leme, 4.700 – São Lourenço

Gratuito

Histórias de Francisco – Grupo Brasileiro

O grupo, mantido pela Fundação Cultural de Curitiba, interpreta canções de Chico Buarque que contam uma história. Com os personagens inesquecíveis das canções, este show levará o espectador, além das melodias e harmonias geniais, para o encantador mundo da narrativa crônica de Francisco Buarque de Holanda.

19h – Teatro da Reitoria

R$ 35 e R$ 17,50 (Compra de ingresso pelo site www.minhaentrada.com.br)

R. XV de Novembro, 1299 – Centro

Gilsons

O trio Gilsons, formado em 2018, é a parceria musical de Francisco, João e José Gil, respectivamente netos e filho de Gilberto Gil. O trio mescla influências de pop rock, samba, reggae, rap, funk, ritmos baianos e eletrônico.

20h –  Auditório Bento Munhoz da Rocha Neto – Guairão

R$ 50 e R$ 25 – Compra de ingresso pelo site www.ticketfacil.com.br

Saxfônico – Quarteto de Saxofones

Victor Gabriel Castro, compositor, arranjador e multi-instrumentista apresenta o “Saxfônico Quarteto” com uma produção de arranjos cuidadosamente escritos para quarteto de saxofones sobre músicas consagradas do mundo inteiro.

19h – Memorial de Curitiba

R. Dr. Claudino dos Santos, 79 – São Francisco

Gratuito

Choro e Seresta 50 anos

O Conjunto Choro e Seresta, que alegra as manhãs de domingo na Feirinha do Largo da Ordem, comemora 50 anos de existência. Para comemorar, o conjunto contará com um dos nomes mais expressivos do choro nacional, o multi- instrumentista Nailor Azevedo, o Proveta.

20h – Memorial de Curitiba

R. Dr. Claudino dos Santos, 79 – São Francisco

Gratuito

Doxology Big Band

A Doxology Big Band é uma orquestra de jazz que toca músicas bem conhecidas do cancioneiro tradicional cristão com arranjos para jazz. Na sua participação da 40ª Oficina de Música, a Doxology estará lançando seu primeiro álbum em todas as plataformas de streaming.

21h30 – Memorial de Curitiba

R. Dr. Claudino dos Santos, 79 – São Francisco

Gratuito

Oficina Verde

Magia e ciência: uma conversa milenar sobre as ervas

A oficina abordará o tema magia natural e estudos científicos sobre o assunto, a atuação específica de algumas ervas, a potência das plantas no campo energético através da meditação com tambores.

14h30 – Cinemateca de Curitiba

Rua Presidente Carlos Cavalcanti, 1174 – São Francisco

Gratuito

Veja a matéria no site da Prefeitura de Curitiba

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com