Paraná confirma 198 novas mortes e 6.446 casos da Covid-19

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou nesta quarta-feira (17) 6.446 casos confirmados e 198 mortes em decorrência da infecção causada pelo novo coronavírus.

Os dados acumulados do monitoramento da Covid-19 mostram que o Paraná soma 776.410 casos confirmados e 14.278 mortos em decorrência da doença.

Os casos confirmados divulgados nesta data são de março (6.097), fevereiro (195 ) e janeiro ( 50) de 2021 e dos seguintes meses de 2020: abril (1), maio (1), junho (2), julho (5), agosto (3), setembro 92), outubro (2), novembro (39) e dezembro (49).

Vacina

O Paraná já aplicou 724.029 doses, sendo 535.424 da primeira dose e 188.605 da segunda dose contra a Covid-19 até o final da manhã desta quinta-feira, 18 de março. Portanto, 535.424 paranaenses já foram vacinados.

Internados

2.616 pacientes com diagnóstico confirmado de Covid-19 estão internados. São 2.167 pacientes em leitos SUS (906 em UTI e 1.261 em leitos clínicos/enfermaria) e 449 em leitos da rede particular ( 234 em UTI e 215 em leitos clínicos/enfermaria).

Há outros 2.791 pacientes internados, 865 em leitos UTI e 1.926 em enfermaria, que aguardam resultados de exames. Eles estão em leitos da rede pública e particular e são considerados casos suspeitos de infecção pelo Sars-CoV-2.

Mortes

A secretaria estadual informa a morte de mais 198 pacientes. São 88 mulheres e 110 homens, com idades que variam de 21 a 96 anos. Os óbitos ocorreram entre os dias 27 de janeiro a 18 de março de 2021.

Os pacientes que foram a óbito residiam em: Curitiba (20), Maringá (10), Cascavel (9), Guarapuava (8), Londrina (8), Ponta Grossa (8), Foz do Iguaçu (6), Paranaguá (6), São José dos Pinhais (6), Ibaiti (5), Apucarana (4), Guaratuba (4), Marialva (4), Pinhais (4), Rolândia (4), Toledo (4), Campina da Lagoa (3), Colomdo (3), Dois Vizinhos (3), Jaguapitã (3), Palmas (3), Sarandi (3), Almirante Tamandaré (2), Altônia (2), Arapongas (2), Araucária (2), Catanduvas (2), Cerro Azul (2), Cianorte (2), Clevelândia (2), Itapejara D´Oeste (2), Nova Prata do Iguaçu (2), Paiçandu (2), Paranavaí (2), Paula de Freitas (2), Wencesleu Braz (2).

A Sesa registra ainda a morte de uma pessoa que residia em cada um dos seguintes municípios: Alto Paraná, Andirá, Arapoti, Astorga, Atalaia, Balsa Nova, Barracão, Brasilãndia do Sul, Cafelândia, Cambé, Campo Largo, Capitão Leônidas Marques, Carambeí, Colorado, Corbélia, Cornélio Procópio, Corumbataí do Sul, Curiúva, Imbituva, Indianópolis, Itaperuçu, Jacarezinho, Janiópolis, Mandaguari, Mariluz, Medianeira, Nova Olímpia, Peabiru, Planalto, Ponta do Paraná , Porto Amazonas , Prudentópolis, Quitandinha, Realeza, Salto do Lontra, São João, São José da Boa Vista, São Pedro do Ivaí, Telêmaco Borba, Terra Rica, Três Barras do Paraná e Ventania.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Motociata de Bolsonaro no Paraná deve acontecer no dia 25 de setembro

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), fará uma nova “motociata” no Paraná no dia 25 de setembro. O “passeio” terá início no município Piraí do Sul e deve seguir até Ponta Grossa.

O evento foi anunciado, nesta quarta-feira (15), pelo deputado Ricardo Barros (PP-PR), líder do Governo na Câmara, por meio do Twitter.

Reprodução

PM lança edital de ingresso no curso de formação de oficiais para policial e bombeiro militar

A Polícia Militar abriu as inscrições para o concurso público de ingresso ao Curso de Formação de Oficiais (CFO) turma 2022. São 60 vagas para cadete policial militar (seis para candidatos afrodescendentes) e 10 vagas para cadete bombeiro militar (uma para candidatos afrodescendentes). Os interessados podem fazer a inscrição até as 12h do dia 10 de novembro. Confira o link do Edital.

Os candidatos devem ler atentamente o que prevê o edital e verificar os pré-requisitos básicos para concorrer às vagas. As inscrições devem ser feitas pela internet, no site do Núcleo de Concursos da Universidade Federal do Paraná, mediante o preenchimento do formulário de inscrição, e serão consolidadas com o pagamento da taxa, ou após a homologação da isenção dessa taxa (ver critérios no edital).

A SELEÇÃO – O processo seletivo será feito em duas etapas, sendo a primeira com a UFPR e a segunda com a Academia Policial Militar do Guatupê (APMG). A primeira etapa, de caráter eliminatório e classificatório, consiste provas de Conhecimentos Gerais e de Compreensão e Produção de Textos, em fase única, para avaliar o domínio dos conteúdos das disciplinas do Ensino Médio, as capacidades de articular ideias com clareza, de relacionar e interpretar fatos e dados e de raciocinar de maneira lógica.

Na segunda etapa, os candidatos serão submetidos às Provas de Habilidades Específicas (PHE) no âmbito da PMPR, reguladas por edital. As PHE, de caráter eliminatório, serão compostas pelas seguintes fases: Investigação Social (IS), Avaliação Psicológica (AP), Exame da Capacidade Física (ECAFI) e Exame de Sanidade Física (ESAFI).

CFO – O curso, oferecido pela Escola de Formação de Oficiais (EsFO), é disponibilizado todos os anos pela UFPR. As disciplinas fundamentais estão ligadas diretamente à vida militar, buscando adaptar os cadetes para o melhor cumprimento da sua atividade como policial militar e bombeiro militar. São diversos segmentos do direito, uso correto de armas de fogo, psicologia, estatística, educação física, direitos humanos e policiamento comunitário, além de técnicas de salvamento e prevenção de incêndios, entre outras.

DURAÇÃO – O curso tem duração de três anos e, no 1º ano, o cadete recebe um subsídio de R$ 3.277,88. No 2º ano o valor é de R$ 3.671,24 e, no 3º ano, de R$ 4.221,93. Ao concluir o 3º ano o cadete é declarado Aspirante à Oficial com subsídio no valor de R$ 7.211,35. Após o período de estágio probatório, estará apto a ser promovido ao posto de 2º tenente, com subsídio de R$ 9.735,33.