Ônibus com mais de 50 passageiros despenca na BR-376 no Litoral

O Corpo de Bombeiros e o Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas (BPMOA) estão ajudando no atendimento do acidente com um ônibus de turismo que ocorreu na manhã desta segunda-feira (25) na BR-376, próximo à Curva da Santa, em Guaratuba, no Litoral do Paraná.

Foto: AEN PR

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) confirmou, por volta das 13h desta segunda-feira, 19 mortos no acidente do ônibus de turismo que despencou na Curva da Santa, BR-376, em Guaratuba, no litoral do Paraná. O Corpo de Bombeiros havia informado 21 mortes, porém após recontagem o número foi atualizado para menos pela PRF.

Informações apuradas no local falam que o ônibus, com placa do Pará, saiu da pista e tombou na lateral da via. O veículo tinha 57 passageiros, além de dois motoristas. O acidente aconteceu perto das 8h30 no quilômetro 668.

Foto: AEN PR

Foram deslocados para o local duas aeronaves do BPMOA, caminhões de Combate a Incêndio e Resgate, ambulâncias e viaturas de Busca e Salvamento do Corpo de Bombeiros do Paraná; viaturas da concessionária Litoral Sul, da Polícia Rodoviária Federal, da Polícia Civil, da Polícia Científica e do Instituto Médico Legal, além do suporte de Santa Catarina, que encaminhou aeronaves do Grupo Águia e viaturas do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais 18 linhas de ônibus vão aceitar somente pagamento com cartão-transporte

Mais 18 linhas de ônibus de Curitiba passarão a ter pagamento exclusivo com cartão-transporte, a partir do próximo sábado (15/1).  Considerado mais prático e seguro, o cartão-transporte ajuda a dar velocidade no embarque, além de diminuir a circulação de dinheiro nos veículos, o que inibe assaltos e roubos. 

As 18 linhas (lista abaixo) atendem as regiões do Boa Vista, Cajuru, Boqueirão, Pinheirinho, e Bairro Novo. As linhas são alimentadoras, ou seja, que fazem a ligação entre terminais e regiões próximas.

Atualmente, mesmo aceitando dinheiro, o cartão já é o principal meio de pagamento nessas 18 linhas, com 73% de participação, segundo a Urbanização de Curitiba (Urbs), que administra o transporte coletivo na cidade.  

“O cartão já é o principal meio de pagamento dos usuários do transporte coletivo, com mais de 70% no total das linhas. Trata-se de uma mudança que veio para ficar, tanto pela agilidade no embarque, sem a necessidade de esperar pelo troco, por exemplo, quanto pela facilidade de carregar os créditos, o que pode ser feito em terminais, por aplicativos e pelo WhatsApp”, lembra o presidente da Urbs, Ogeny Pedro Maia Neto.

Atendimento

A confecção do cartão é gratuita. Para atender o usuário que vai precisar fazer o cartão, a Urbs está reforçando o atendimento nas suas unidades localizadas nas Ruas da Cidadania nesses bairros. Também é possível fazer o cartão na sede da Urbs, junto à Rodoferroviária, no bairro Jardim Botânico.

Para fazer o cartão nessas unidades, o usuário deve agendar atendimento pelo site da Urbs. Desde dezembro, cartazes nos ônibus informam sobre a mudança. O usuário também pode apontar a câmera do celular para um QR Code e ser direcionado para a página de agendamento. 

Como fazer o cartão

Fazer o cartão é rápido e fácil. É necessário levar ao local de atendimento documento de identificação com foto, CPF e comprovante de endereço. No caso de menores de idade, o cartão pode ser solicitado pelos pais ou responsável legal, apresentando documento de identificação original com foto de ambos. Todas as unidades e o Urbs Móvel trabalham de 11h às 17h em dias úteis.

Outras funções

Com o pagamento exclusivo por cartão, 120 cobradores que atuavam nessas linhas ficarão à disposição das empresas para desenvolverem outras funções, como fiscalização, ou atenderem outros itinerários.

O transporte coletivo de Curitiba conta atualmente com 254 linhas urbanas. Com essas 18 linhas, sobe para 148 o número de linhas que aceitam apenas o pagamento com o cartão. Desde o início da pandemia, 24 outras linhas já haviam migrado para uso exclusivo de cartão – 18 delas em novembro de 2021.

Confira as linhas que passam a aceitar apenas cartão-transporte

Regional Boa Vista

232- Aliança

X39 -Reforço Santa Cândida

Regional Cajuru

332 – Acrópole

334-Agrícola

336- V. Reno

Regional Boqueirão

511- São Francisco

512-Itamarati

513-Hauer/Boqueirão

513- Hauer/Boqueirão (sábados e domingos)

515 -Iguapé II

Regional Pinheirinho

640 – Palmeira

642-Ganchinho

643 -Umbará

646 -Pompeia/Janaina

654 -Campo Alegre

680 – Rurbana

690 -Vila Juliana

Regional Bairro Novo

552- Sambaqui

Serviços de cadeiras anfíbias e passarelas tornam as praias paranaenses mais acessíveis

Pessoas com mobilidade reduzida podem usufruir com mais conforto das praias no litoral paranaense. O projeto Praia Acessível disponibiliza cadeiras anfíbias e passarelas que facilitam a caminhada na areia, em cinco pontos das praias de Guaratuba, Matinhos e Pontal do Paraná. O serviço é feito em parceria entre a Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) e a Secretaria da Justiça, Família e Trabalho (Sejuf) e a Superintendência de Esporte.

As cadeiras anfíbias funcionam de terça a domingo, das 9 horas ao meio-dia e das 15 às 18 horas, com ajuda de agentes capacitados. Não é necessário agendar previamente, mas os usuários ou seus responsáveis legais devem preencher um cadastro no momento do uso das cadeiras.

Por questões de segurança, em dias chuvosos, o serviço fica suspenso. Os equipamentos são apropriados para entrar na água, possibilitando que pessoas com deficiência ou baixa mobilidade tenham um banho de mar seguro e confortável.

Em pontos próximos às cadeiras anfíbias, foram instalados 190 metros de passarelas de acessibilidade que facilitam a locomoção de pessoas desde as calçadas até a beira-mar. As passarelas estão sendo utilizadas não apenas por pessoas que usam cadeiras de rodas, mas por toda a população, especialmente por idosos, crianças ou pessoas com carrinhos de bebês.

As passarelas agradaram as pessoas que já utilizavam as cadeiras anfíbias. A moradora de Curitiba Loeide Sutil Gabriel Teodoro, de 57 anos, e o filho Emanuel Gabriel Teodoro usaram os serviços em Praia de Leste, nesta temporada.

“Conhecemos esse trabalho por acaso, em 2019, visitando Pontal do Paraná. Vimos a plaquinha do Praia Acessível e descobrimos as cadeiras anfíbias, inclusive na Praia de Leste, onde a gente vai frequentemente. Desde então, minha mãe usa a cadeira sempre que pode. Neste ano, melhorou muito porque foi instalada uma passarela até a beira-mar, que é como um tapete sobre a areia fofa, essencial para acessar a praia com a cadeira. Só no primeiro dia nesse verão, minha mãe quis tomar banho de mar três vezes na cadeira. Sem a cadeira não tem como entrar no mar, até a mobilidade na praia é bem dificultada”, diz Emanuel.

OUTROS SERVIÇOS – A Sanepar também disponibiliza duchas ecológicas para rápidos e confortáveis banhos de água tratada com cloro e baixo teor de sal, ainda na areia da praia. Isso contribui para a economia de água, uma vez que as duchas utilizam água do lençol freático e o banho na areia ajuda a reduzir o uso de água tratada do sistema público de abastecimento da Sanepar. As duchas ficam nos mesmos locais onde estão as cadeiras anfíbias e as passarelas.

A empresa também está levando totens do atendimento comercial para contêineres na beira da praia, fazendo a limpeza diária de 48 km de extensão das areias e participando das atividades nas arenas de recreação educativa na orla de Guaratuba, Matinhos e Pontal do Paraná, sempre divulgando em seus materiais a importância do uso racional da água, da separação de resíduos e da preservação ambiental.

Pontos das cadeiras anfíbias, passarelas e duchas ecológicas:

Guaratuba: Morro do Cristo (Avenida Atlântica, em frente à Avenida Brejatuba)

Matinhos: Avenida Atlântica, em frente à Rua Londrina

Pontal do Paraná: Balneário de Praia de Leste (Avenida Deputado Aníbal Khury, em frente à Rua Baronesa do Cerro Azul)

– Balneário de Ipanema (Avenida Deputado Aníbal Khury, em frente à Rua São Luís)

– Balneário de Shangrilá (Avenida Deputado Aníbal Khury, em frente à Avenida Paranaguá)