O Cidadão Ilustre: um filme para ler ou livro para assistir

Um história boa pode ser contada de várias maneiras. A narrativa é a arte de amarrar as ideias, dar espaço ao silêncio, chamar o próximo pedaço pra fazer parte daquele todo que vai se revelando na medida em que a história avança. O filme “O Cidadão Ilustre”, de 2016, é uma boa história.

O filme é argentino e conta a história de um escritor famoso de uma pequena cidade, a 700 quilômetros de Buenos Aires. Não vale a pena contar porque o enredo e o filme são bons, basta você abrir um desses serviços de streaming de vídeos disponíveis e comprovar.

Neste fim de semana, mais um no meio da pandemia, assistimos sete filmes. Este fez eu lembrar o nome depois que acabou e ter vontade de pensar nele. O filme é premiado, o que não quer dizer nada.

Na verdade, os últimos sete minutos me atraíram mais do que todo o resto. “A realidade não existe. Não existem fatos e sim interpretações”, essa bela frase é dita pelo protagonista, o escritor argentino Daniel Mantovani.

Na sequência ele fala algo que lembra também um pouco o jornalismo. “A verdade, ou o que chamamos de verdade, é uma interpretação que prevaleceu sobre as outras”.

Um escritor tem a liberdade para tirar os personagens da cabeça. Personalidades de pessoas mesquinhas, viciadas, hipócritas, maldosas, ruins, sem caráter, vis e baixas podem deixar de ocupar a mente e serem “expurgadas” para o papel. Talvez as gavetas fiquem mais leves e limpas assim.

Mas tudo pode ser mentira, inclusive o que você assistir na tela ou ler por aí.

TEXTO por: Adriano Kotsan

Filme no isolamento: O milagre vai entrar na sua sala

Chorei de soluçar oito vezes. Oito vezes. Sempre fui sentimental, agora na quarentena talvez isso tenha ficado mais à flor da pele. O mundo tem coisas boas e coisas ruins. Pessoas boas e pessoas más. As coisas se transformam também, as merdas que fazemos ficam para trás e quem era ruim pode ficar bom.

O que fez eu escrever essas coisas, ligar o computador e depois passar para o meu amigo, que há um mês não vejo (porra de isolamento, mas é o melhor a ser feito agora) foi o filme Milagre na Cela 7. Acho que está no top 3 da Netflix.
Não é por acaso.

A produção turca é um soco no estômago. Vai por mim, vale à pena ligar a televisão. Ainda mais agora né? Precisamos preencher o tempo com coisas boas, embora o filme tenha me feito sofrer. Mas a dor faz a gente crescer e ficar melhor.

As coisas passam, esse isolamento também vai passar. Vamos sair mais fortes. Aquele café depois do almoço com olhares perdidos, pensamentos cortados, angústias sufocadas, mensagens de whatsapp conferidas, roladas no instragram e atualizadas no twitter vão voltar.

Enquanto isso não volta, conheça o Memo e sua filha Ova. Se perca nas paisagens do interior da Turquia. Lembre-se que existem pessoas inocentes e sem maldade no coração, que o amor é lindo, mas que coisas ruins acontecem. Que filhas da puta existem, entretanto podemos ficar do lado dos bons e deixar a balança sempre pendendo para o certo.

O perdão é uma das coisas mais lindas da humanidade. Fiquem em casa.

Texto por: Adriano Kotsan

Cine Pets do Shopping Curitiba tem sessão natalina neste domingo (8)

O mês de dezembro começou e todas as atenção já estão voltadas para o Natal. E é nesse clima festivo que acontece no domingo (8) uma nova edição do Cine Pets no Shopping Curitiba.

Os tutores poderão assistir com seus cães ao filme Uma Segunda Chance para Amar, que conta a história de Kate, uma jovem inglesa com a vida bagunçada e que trabalha como elfo em uma loja temática de natal o ano todo. Quando ela conhece Tom, o que parecia impossível se torna realidade, conforme o rapaz enxerga através de todas as barreiras que ela construiu.

A sessão acontece às 14h e é exclusiva para tutores e cachorros. Será permitida a presença de cães de todos os portes, com as vacinas em dia. Os pets poderão assistir ao filme no colo do respectivo dono ou no chão, em frente à poltrona. Os donos estão autorizados a levar itens básicos de higiene e recipiente adequado com água.

Os ingressos custam R$ 30 (inteiro) e R$ 15 (meia). Mais informações pelo site www.cinesystem.com.br .

Serviço

Cine Pets – 7ª edição

Quando: 8 de dezembro (domingo)

Horário: 14h

Quanto: R$ 30 (inteiro) e R$ 15 (meio)

Onde: Cinesystem Shopping Curitiba (Piso L4)

Shopping Curitiba

Rua Brigadeiro Franco, 2.300.

Curitiba (PR)

(41) 3026-1000 | www.shoppingcuritiba.com.br

@ShoppingCtba | www.facebook.com/ShoppingCuritiba