Moradores de Campo Largo recebem cartões para compras nos Armazéns da Família

A Prefeitura de Campo Largo, região metropolitana de Curitiba, entregou nos últimos dias os primeiros 450 cartões do programa Armazém da Família aos moradores da cidade. Com isso, os campo-larguenses, que têm como renda familiar até três salários mínimos, já podem efetuar compras nos Armazéns de Curitiba, onde encontram produtos com desconto e de ótima qualidade.

A secretária de Desenvolvimento Social de Campo Largo, Márcia Fabiani Botelho, destacou como funciona a parceria com a Prefeitura de Curitiba. “Hoje estamos com 460 cartões entregue em mãos, possibilitando que as pessoas façam suas compras nos Armazéns da Família em Curitiba. Essa parceria é um primeiro passo para que a gente avalie o que fazer no futuro, como a criação de uma unidade aqui em Campo Largo, no caso de se tornar viável”, destacou em entrevista ao Jornal Metropolitano, da Rádio Banda B.

A expectativa é que cerca de dois mil moradores da cidade façam o cadastro gratuito, que está disponível a todos. “Em qualquer CRAS (Centros de Referência da Assistência Social) do município é possível fazer, assim como no Bloco 01 da sede da prefeitura e nas associações de moradores dos bairros. Temos certeza que essa novidade trará muitos benefícios aos cidadãos”, disse a secretária.

Segundo Márcia Fabiani, são dezenas de Armazéns espalhados por Curitiba. “Os mais próximos de Campo Largo são o do Caiuá (Rua Maria Lúcia Locher de Athayde) e do São Braz (Rua Antônio Escorsin). As unidades estão espalhadas por toda a capital, inclusive tem o da Praça Rui Barbosa, para o campo-larguense que trabalha na região central de Curitiba”, destacou.

O prefeito de Campo Largo, Maurício Rivabem, ressaltou a importância de ações como essa e que a conquista é de cada campo-larguense e de cada Associação de Bairro. “O Armazém da Família é um programa que facilita o acesso a todos a produtos de qualidade com economia. É importante ter a prefeitura como parceira em ações que tragam economia às famílias, principalmente neste momento de pandemia“, afirmou ao site oficial da Prefeitura de Campo Largo.

Informações Banda B

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cafeteria em ritmo de Copa do Mundo é o novo atrativo da Rua da Cidadania do Cajuru

Cafeteria em ritmo de Copa do Mundo é o novo atrativo da Rua da Cidadania do Cajuru

A Rua da Cidadania do Cajuru acaba de ganhar mais um atrativo. É a Cafeteria Damas, que a partir deste mês funciona no térreo do centro de serviços públicos descentralizados mantido pela Prefeitura. O novo espaço gastronômico serve a quem desce no terminal de ônibus, procura os serviços públicos ou trabalha no local.

A cafeteria funciona de segunda a sexta-feira, das 6h45 às 18h30, e oferece salgados, doces e bebidas para lanches. Entre eles estão pão de queijo, salgados assados e fritos, bolo no pote, mini pizza, sorvetes de massa e picolés, sucos, refrigerantes, água, energéticos, chocolate quente cremoso e, é claro, café.

Que venha o público

“A cafeteria é muito boa. Venho umas duas vezes por semana e recomendo. Além de tudo, facilitou a vida de quem trabalha aqui”, diz a servidora da FAS (Fundação de Ação Social) Annelise Ferreira Leite, que leva o lanche para comer na sala.

Quem não está com pressa, pode saborear os quitutes nas duas mesinhas existentes no local ou mesmo no balcão. “Temos condições de servir até dez pessoas ao mesmo tempo”, conta o comerciante Gustavo Felipe Damas, que venceu a licitação aberta pela Prefeitura para tocar o empreendimento. “Resolvi encarar o desafio e está sendo bem interessante”, completa ele, que atuava na área de informática.

Para isso, Gustavo conta com a ajuda da mãe, Jucélia Aparecida Damas. Aposentada, ela ajuda a atender os clientes e também a organizar o espaço, que está em clima de Copa do Mundo.

Veja a matéria no site da Prefeitura de Curitiba

Veja como se inscrever para os cursos da 40ª Oficina de Música de Curitiba

39ª OMC - Trompete, Prof. Flávio Gabriel - Foto: Cido Marques

Estão abertas as inscrições para os cursos da 40ª Oficina de Música de Curitiba, que acontece de 25 de janeiro a 5 de fevereiro de 2023. Os cursos voltam a ser todos presenciais, com aulas na Pontifícia Universidade Católica do Paraná – Campus Prado Velho. Estão sendo ofertados mais de 90 cursos, divididos nas áreas de Música Antiga, Erudita, MPB e Música e Tecnologia.

As inscrições podem ser feitas no site www.oficinademusica.org.br até 9 de dezembro. O valor padrão é de R$ 130, com descontos de 25% para inscrição em dois cursos ou de aproximadamente 40% para inscrição em três ou mais. Também há muitos cursos gratuitos.

Alguns cursos precisam de seleção prévia para participação nas aulas, com envio de currículo e vídeo para aprovação da coordenação da Oficina de Música.

100% presencial

Os cursos retornam à modalidade presencial depois de dois anos em que o evento teve que se adaptar às condições de prevenção à pandemia de covid-19. Em 2021, a 38ª edição foi integralmente on-line, e a edição seguinte, de janeiro de 2022, foi transferida para o mês de julho e realizada em formato híbrido, com aulas presenciais e à distância.

Além dos cursos, está sendo preparada uma grande programação de shows e concertos que vão movimentar a cidade durante 12 dias do verão.

Parcerias  

A 40ª Oficina de Música de Curitiba é uma realização da Prefeitura, Fundação Cultural de Curitiba e do Instituto Curitiba de Arte e Cultura (Icac), Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo Pátria Amada Brasil, com apoio master da Pontifícia Universidade Católica do Paraná e patrocínio da Volvo do Brasil e Copel.

Serviço: 40ª Oficina de Música de Curitiba

Inscrições de 18 de novembro a 9 de dezembro pelo site www.oficinademusica.org.br

Veja a matéria no site da Prefeitura de Curitiba