Morador de Curitiba lança livro de número 100

Saulo Adami começou a escrever ainda criança, passou pelo jornalismo e hoje se dedica unicamente à literatura. Entre contos e livros de história o escritor já lançou 100 obras. Confira a entrevista completa com Saulo e participe do sorteio da sua obra Estradas de Papel, que resume toda sua trajetória.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Curitiba aplicou 1.535.248 doses de reforço contra a covid-19

Curitiba aplicou 1.535.248 doses de reforço contra a covid-19. Foto: Hully Paiva/SMCS

Curitiba aplicou 1.535.248 doses de reforço da vacina anticovid até a última sexta-feira (12/8). Entre estas aplicações, 1.105.630 foram do 1º reforço (a 3ª dose para quem tem esquema vacinal inicial com Coronavac, AstraZeneca ou Pfizer; ou 2ª dose para quem recebeu a Janssen) e 429.618 foram de 2º reforço (4ª dose para quem tem esquema vacinal inicial com Coronavac, AstraZeneca ou Pfizer; ou 3ª dose para quem recebeu a Janssen) e 3º reforço (pessoas imunossuprimidas com 60 anos ou mais que receberam o 2º reforço há mais de 120 dias).

A cobertura vacinal para as doses de reforço na população elegível para essas aplicações (pessoas com 12 anos ou mais) em Curitiba é de 66,3%.

Doses aplicadas

A SMS vacinou, até a última sexta-feira (12/8), 1.731.679 pessoas com a primeira dose ou a dose única (Janssen) da vacina anticovid, o que corresponde a 88,9% de toda a população da cidade. Em relação à população completamente imunizada com o esquema básico (com duas doses ou dose única), a cobertura chega a 84%.

Curitiba já aplicou 4.864.183 doses do imunizante, sendo 1.692.739 primeiras doses e 1.597.256 segundas doses; 38.940 doses únicas; além das 1.535.248 doses de reforço.

Primeira dose

Entre as crianças de 3 e 4 anos, 9.016 já receberam a primeira dose do imunizante. Já entre os curitibinhas de 5 a 11 anos, 122.117 iniciaram a vacinação com a primeira aplicação.

No grupo de adolescentes (12 a 18 anos), foram aplicadas 128.556 primeiras doses da vacina.

Na população com 18 anos ou mais, Curitiba já aplicou 1.442.066 primeiras doses.

Segunda dose

Do total de segundas doses aplicadas, 89.977 foram em crianças de 5 a 11 anos, enquanto 113.724 adolescentes (12 a 17 anos) completaram o esquema vacinal até sexta-feira.

Entre os adultos (18 anos ou mais), foram aplicadas 1.393.555 segundas doses do imunizante anticovid no município.

Doses recebidas

Até o momento, Curitiba recebeu do Ministério da Saúde, repassadas pelo Governo do Paraná, 5.169.536 doses de vacinas, sendo 1.788.986 para primeira dose, 1.802.157 para segunda dose, 54.235 doses de aplicação única e 1.552.520 doses de reforço. Nesse montante já estão contabilizados os 5% de reserva técnica.

A reserva técnica é uma medida de segurança, faz parte dos protocolos da logística e é necessária para evitar problemas no fluxo de imunização que possam ser causados por imprevistos eventuais, como a quebra acidental de frascos.

Confira detalhes da vacinação contra a covid-19 no Painel Covid-19 Curitiba.

Veja a matéria no site da Prefeitura de Curitiba

Depois das calçadas, Rua Kellers recebe asfalto novo

Início das obras de pavimentação da Rua Kellers. Curitiba, 11/08/2022. Foto: Pedro Ribas/SMCS

Uma nova etapa de obras teve inicio na tarde desta quinta-feira (11/8) na Rua Kellers, no Centro Histórico, no bairro São Francisco. A Prefeitura de Curitiba, por meio da Secretaria Municipal de Obras Públicas (Smop), está requalificando o pavimento da via no trecho de 244 metros entre as ruas Dr. Muricy e Desembargador Ermelino de Leão.

A implantação do novo asfalto completará as melhorias que estão sendo executadas na via, que já recebeu obras de drenagem e onde estão em fase final a implantação de novas calçadas, mais planas e acessíveis, do programa Caminhar Melhor. Serão quase 500 metros de passeio requalificado na via que, aos domingos, abriga parte da Feira de Artesanato do Largo da Ordem.

“Estamos requalificando a Rua Kellers, na colina do alto de São Francisco, Rosto da Cidade, que vai ganhando asfalto novo e calçadas amigáveis, com pisos táteis e acessíveis para o bem da nossa gente de Curitiba e para todos aqueles que nos visitam. Importante via para quem vive, para os comerciantes e para o turismo da nossa cidade”, diz o prefeito Rafael Greca.

Reforço estrutura

Os serviços de reciclagem do pavimento iniciaram a partir do cruzamento da via com a Rua Ébano Pereira, em direção à Rua Desembargador Ermelino de Leão, com a remoção da antiga camada asfáltica que receberá reforço estrutural.  Na sequência, as equipes avançarão para a quadra compreendida entre a Ébano Pereira e Dr. Muricy.

Neste método de pavimentação, o asfalto antigo é triturado e reaproveitado como base para a adição de concreto e massa asfáltica. Depois, são aplicadas camadas de reperfilamento e revestimento asfáltico garantindo um novo pavimento e mais segurança e conforto para moradores da região e para os que trafegam pela via.

Rodrigo Araújo Rodrigues, secretário municipal de Obras Públicas, ressalta que a técnica usada é eficaz e econômica. “Depois de prontas as obras do novo asfalto e o calçamento, a Kellers terá pisos planos, com acessibilidade, segurança e conforto para os deslocamentos, de motoristas e pedestres, privilegiando, especialmente as milhares de pessoas que prestigiam os artesões de Curitiba da Feira de Artesanato”, diz Rodrigues.

Cabeamento

Na segunda-feira (15/8), os serviços de pavimentação da via terão uma pausa para que as equipes da Copel possam trabalhar na organização de fios e cabos aéreos instalados nos postes da região. A operação será realizada entre 9h e 17h, com o apoio da Prefeitura de Curitiba.

Os trabalhos de pavimentação serão retomados na terça-feira (16/8) e têm previsão de serem finalizados no final de agosto.

A requalificação do pavimento da Rua Kellers integra o programa Asfalto Novo, criado pelo prefeito Rafael Greca em 2017 e que já assegurou 673 km de pavimento de boa qualidade em ruas das dez administrações regionais da cidade.

LEIA MAIS

Veja a matéria no site da Prefeitura de Curitiba