Greca reforça que vacina acaba sexta e pede cronograma de novas doses ao governo federal

Nesta quarta-feira (17), governadores de diferentes regiões pediram uma reunião com o ministro da Saúde

O prefeito de Curitiba, Rafael Greca, compartilha da mesma preocupação apresentada por vários prefeitos e governadores em relação a vacina contra Covid-19. Pelas redes sociais, Greca reforçou o que a Secretaria Municipal da Saúde já vinha alertando de que só há doses até sexta-feira, para idosos acima de 85 anos, sem nenhuma previsão de convocação de novos grupos.

#ImunizaJáCuritiba Nós recebemos cerca de 62 mil doses e já aplicamos 57.768. Temos garantido a vacinação de idosos com 85 anos ou mais até sexta-feira (19). A agilidade e prosseguimento nas demais fases deste processo depende diretamente do recebimento de mais doses. Em carta ao Presidente do Brasil, peço ao Governo Federal um  cronograma de envio das doses para assegurarmos o planejamento de vacinação. Nós temos capacidade para vacinar até 15 mil pessoas por dia, mas a velocidade de imunização dos Curitibanos depende da organização e distribuição pelo Ministério da Saúde das doses do imunizante. Na imagem, charge de Chico Caruso mostra nosso Presidente se rendendo à necessidade das vacinas. Somos gratos à ideia de  #VacinaParaTodos Enquanto os papéis dormem, pessoas morrem. Mais agilidade, mais vidas salvas!“, disse o prefeito Rafael Greca.

Nesta quarta-feira (17), governadores de diferentes regiões pediram uma reunião com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, para cobrar, entre outros pontos, um cronograma de entrega de vacinas em cada estado, com datas e números de vacinas previstas, mês a mês.

Vacinação em Curitiba

Curitiba segue até sexta-feira (19), o  escalonamento previsto para idosos acima de 85 anos. Começou com o grupo acima de 89 anos na segunda-feira, 88 na terça e hoje, quarta, pessoas com 87 anos ou mais. Nesta quinta (18),  a vacinação será para 86 anos ou mais e na
sexta-feira (19), os idosos de 85 anos ou mais.

A procura pela vacina deve ser feita de forma espontânea em um dos 14 pontos de atendimento da cidade, 11 deles são pontos fixos e três no sistema drive-thru (lista abaixo).

Nos três drive-thrus o horário é das 9h às 16h; nos demais pontos, das 8h às 17h.

Para receber a vacina, o idoso deve apresentar documento de identificação com foto, CPF e comprovante de residência com endereço de Curitiba para quem não tiver o cadastro na plataforma Saúde Já.

Outra recomendação é para que o idoso esteja com um acompanhante. Além disso, para facilitar a aplicação da vacina, os idosos que optarem pelo drive-thru devem estar posicionados de forma a deixar o braço direito na janela – ou seja, no banco de passageiro ou no lado direito do carro.

LOCAIS FIXOS
Das 8h às 17h

1 – Pavilhão da Cura
Parque Barigui

2 – Unidade de Saúde Salvador Allende
Rua Celeste Tortato Gabardo, 1.712 – Sítio Cercado

3 – US Vila Diana
Rua René Descartes, 724 – Abranches

4 – US Jardim Paranaense
Rua Pedro Nabosne, 57 – Alto Boqueirão

5 – US Camargo
Rua Pedro Violani, 364 – Cajuru

6 – US Ouvidor Pardinho
Rua 24 de Maio, 807 – Praça Ouvidor Pardinho

7- US Vila Feliz
Rua Pedro Gusso, 866 – Novo Mundo

8 – US Pinheiros
Rua Joanna Emma Dalpozzo Zardo, 370 – Santa Felicidade

9 – Clube da Gente CIC
R. Hilda Cadilhe de Oliveira

10 – Rua da Cidadania do Tatuquara
R. Olivardo Konoroski Bueno, s/n

11 – Rua da Cidadania do Fazendinha
Rua Carlos Klemtz, 1700

DRIVE-THRU
9h às 16h

1 – Pavilhão da Cura – Parque Barigui (entrada somente pela BR-277)

2 – Estacionamento do Santuário Nossa Senhora do Carmo – Boqueirão (entrada será feita exclusivamente pelo segundo portão do estacionamento, pela Rua Frederico Mauer)

3 – Paróquia Santo Antônio – Boa Vista (entrada única pela Rua Geraldo Gustavo Oscar Mueller)

Informações Banda B.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rede abre agendamentos para castrações de cães e gatos em novembro

Nesta sexta-feira (15/10), às 12h, começam os agendamentos para 325 castrações de cães e gatos em clínicas contratadas pelo município. As cirurgias fazem parte do Programa Municipal de Castração Gratuita e podem ser marcadas pelo site da Rede de Proteção Animal da Prefeitura de Curitiba

Para escolher a data, o cidadão, protetor ou responsável pela ONG deve estar logado em seu cadastro. “Apenas dessa forma é possível ter acesso às vagas disponíveis”, reforça o diretor do departamento de Pesquisa e Conservação da Fauna, Edson Evaristo. 

Outras 2,7 mil vagas ainda serão ofertadas no mês de novembro, no mutirão de castração da Regional Pinheirinho. Agendamentos serão abertos a partir do dia 8 de novembro (segunda-feira). 

Cuidados

A Rede de Proteção Animal reforça que os tutores devem ir sozinhos ou com, no máximo, um acompanhante ao agendamento e respeitar a antecedência recomendada para evitar aglomerações e manter o distanciamento necessário para prevenção ao contágio da covid-19. 

O uso de máscaras e a higienização frequente das mãos também são obrigatórios durante todo o tempo de permanência nos locais. Quem apresentar sintomas de infecção respiratória, deve pedir para outra pessoa levar o animal ou cancelar o atendimento.
 

Instabilidade começa a se afastar, mas ainda há risco de temporais na região de Curitiba

As áreas de instabilidade que chegaram ao Paraná na última quinta-feira (14) começam a se afastar, mas ainda há previsão de temporais em alguns setores do estado. Segundo o Instituto Meteorológico Simepar, o fim de semana promete ainda ser úmido na metade leste, mas o risco de chuvas fortes diminui bastante a partir deste sábado (16).

Reprodução

O meteorologista Lizandro Jacóbsen explica que muitos raios ainda são esperados nesta sexta-feira. “A frente fria que evolui pelo Sul do país, somada pelas áreas de instabilidade presentes entre o Paraguai e o Mato Grosso do Sul, reforça a condição de tempo muito instável. Para o fim de semana, o sistema frontal se afasta”, explica.

Para algumas regiões, porém, como no caso da Região Metropolitana de Curitiba, chuvas ainda são esperadas de forma persistente, mas com instensidade bem mais fraca.

Na capital, a temperatura varia pouco e as máximas não passam dos 16°C.

A partir de terça-feira, a perspectiva é se sol na região.